A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

11/11/2015 06:45

Gaúcho viaja com trailer do RS até aqui para fazer prensado com pão exclusivo

Naiane Mesquita
Lanche que leva o nome do lugar é uma mistura de sabores (Foto: Gerson Walber)Lanche que leva o nome do lugar é uma mistura de sabores (Foto: Gerson Walber)

Gaúcho de Bagé, no Rio Grande do Sul, aos 40 anos Cristiano Alves Gonçalves decidiu se aventurar em Campo Grande e há oito meses abriu um trailer de sanduíche prensado. O Macanudo Lanches surgiu a pedido de amigos que moravam por aqui e sentiam saudade de comer um tradicional X-alguma coisa, sem o raio gourmetizador.

Veja Mais
Bar serve comida alemã e cliente ainda pode conhecer fábrica de cerveja
Mistura de peruana com oriental, tendência para 2017 é cozinha que une 2 países

Pão de massa d'água é o diferencial do estabelecimentoPão de massa d'água é o diferencial do estabelecimento

“Lá no sul eu fazia lanches há 1 ano e meio e um dia alguns amigos comentaram que estavam com saudade dos prensados, que aqui em Campo Grande tinham dificuldade de encontrar. Eu conhecia a cidade, mas resolvi vir para observar o mercado. Gostei da cidade, é boa de viver”, conta Cristiano.

Decidido a fazer o lanche tradicional em Campo Grande, ele saiu com o trailer de Santa Maria, onde morava na época e rodou 2 mil quilômetros, até parar na rua Albert Sabin, no bairro Taveirópolis.

“Foi o único lugar que deu certo. Levei tanta porta na cara antes. O pão que é de massa d'água, ou seja, parece um pão francês, mais salgado, também foi difícil de conseguir. Visitei vários padeiros até conseguir um que se dedicasse e fizesse a receita”, explica.

Cristiano é gaúcho e tenta a vida aqui desde marçoCristiano é gaúcho e tenta a vida aqui desde março

O lanche é grande e serve duas pessoas. O carro-chefe é o que leva o nome do lugar, com bacon, calabresa, frango, filé mignon, coração de frango, maionese, milho, ervilha, ovo e milho. Parece muita coisa e realmente é, porém, no sabor, o lanche não peca no sal e nem na gordura.

“Os sabores são os mais tradicionais. Acabei dividindo com o pão de X-Burguer também, que tem uma aceitação melhor em Campo Grande. Muita gente não conhece o pão gaúcho ainda”, comenta.

Sem ligar muito para as redes sociais, a propaganda por enquanto é no boca a boca. Mas Cristiano diz que quem deve cuidar dessa parte no futuro é a esposa, que ainda não veio do Rio Grande do Sul. “Eu gosto de ficar do outro lado, cuidando da chapa, mas minha esposa ainda não se mudou para Campo Grande, ela está para vir no final do ano com as minhas filhas. Enquanto isso, fico com a saudade”.

O preço do prensado Macanudo é de R$ 28,00, lembrando que serve duas pessoas. Ainda há opções, como o X-Frango por R$ 15,00 e o X-Frango + bacon, por R$ 19,00.

A lanchonete ainda não aceita cartões de débito ou crédito. O Macanudo Lanches fica na rua Albert Sabin, 812, bairro Taveirópolis. Informações pelo telefone (67) 9989-2431.

Curta a página do Lado B no Facebook!

O trailer que viajou 2 mil km até chegar em Campo Grande (Foto: Gerson Walber)O trailer que viajou 2 mil km até chegar em Campo Grande (Foto: Gerson Walber)



Essa distância de Campo Grande a Santa Maria, esta um pouco exagerada não? A não ser que ele fez uma volta lá pelo litoral, caso contrário, vindo pelo caminho mais curto, que com certeza, seria o escolhido por quem reboca um trailer desse tamanho, não daria mais que 1.300 km. Faço esse caminho sempre...
 
Paulo de Tarso Stein Ribeiro em 11/11/2015 11:58:55
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.