A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

03/01/2011 18:24

Onça fujona vira mania na internet

Paulo Fernandes

Bicho que fugiu do Cras é visto no Twitter, Facebook e Orkut

 Onça fujona vira mania na internet

O episódio considerado bizarro da fuga do filhote de onça por duas vezes do Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) não para de render comentários nas mídias sociais. O animal já virou comunidade no Orkut, perfil no Twitter e é um dos assuntos que ganha comentários entre usuários de Campo Grande.

A marca das aparições da onça-pintada é o bom humror. No Orkut, a comunidade “Sou fã da onça do Cras” já tem 655 internautas. O perfil diz que o felino é “ninja”, “fera” e mais esperto que seus tratadores. Em um dos tópicos, a onça aparece como “a personalidade do ano de 2010”.

No Twitter, o perfil @oncinhafugida ainda tem poucos seguidores (16), mas faz comentários ácidos. “Só [para] registrar: o coordenador do Cras, o tal do Élcio Borges, era super carrasco comigo. Ainda bem que ele ficava muito tempo na sala dele, no ar”, disse.

Foi uma resposta às críticas de Élcio Borges à opinião de uma bióloga do Cenap (Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros), em entrevista ao Campo Grande News.

Na ocasião, Élcio afirmou que o Cras sempre seguiu as orientações do Cenap, mas nunca recebeu apoio para tentar resolver o problema das onças que estão no centro há mais de 9 anos. “É comum pessoas que vivem atrás de uma cadeira em sua sala com ar-condicionado dar opiniões a respeito de atividades de quem desenvolve seus trabalhos no campo”, disse o coordenador.

“Perceberam a gaiolinha que ele me colocou!? Que revolta!”, afirma a @oncinhafugida em outra ocasião. “Passei o dia escondida. Momentos de tensão...”, disse em outro momento.

Embora não tenha sido localizado nenhum perfil da onça no Facebook, a fuga dela é uma das mais comentadas na mídia social.

Onça fugiu duas vezes do Centro de ReabilitaçãoOnça fugiu duas vezes do Centro de Reabilitação

Reincidente - A onça de 10 meses fugiu pela primeira vez do Centro de Reabilitação no final de outubro de 2010. Ela passou dois meses em liberdade, até voltar para se alimentar e cair em uma armadilha.

Ela ficou em uma jaula construída especialmente para abrigar grandes felinos, mas a grade foi rompida em dois dias pela onça. O animal usou as unhas e os dentes para pasar o réveillon em liberdade.

Ninguém foi punido por conta da fuga. O animal continua solto nas imediações do Cras, onde existe o Parque do Prosa - um lugar de preservação permanente ao lado do Parque dos Poderes, onde ficam as sedes dos Poderes Executivo, Legislativa e Judiciário.

Enquete - Nesta semana, o Campo Grande News quer saber o que deve acontecer com a onça que já fugiu do Cras por duas vezes. As opções são “permanecer na natureza” e “ser capturada e levada para um zoológico”.

A enquete está na capa do site. Por enquanto, a maioria tem votado pela liberdade do felino.




A onça só voltou ao crass para desejar um FELIZ ANO NOVO prá sua amiga ANTA que à ajudou a fugir na primeira vez.
 
Antonio Mazeica em 04/01/2011 12:34:30
como disse acima o Mazeica com o (instinto de caçador), e com fome, no verão quem corre perigo são as crianças em ferias, distraidos se refrescando em beira de córregos,temo que possa acontecer coisa muito ruim. quem sabe se o exercito não caçaria essa onça e adotaria em vez de doar para outro estado para ser explorado, um animal que é do nosso estado, éla é muito linda e ficaria bem assim como a que esta BEM SEGURA na Base Aerea de Campo Grande MS.
 
Teresa Lopes em 04/01/2011 11:24:29
Está mais do que provado de que a onça consegue sobreviver sozinha na natureza, caso recapiturem o animal seria interessante levar até o pantanal e soltar por lá!!!!!
 
Luiz Fernando de Britto Moreira da Costa em 04/01/2011 09:15:29
Quanto ao fato da onça fugir, acho que se deve á construção frágil da jaula. Acho que já esta provado que a mesma tem plena capacidade de sobrevivencia na natureza, haja vista seus sessenta dias solta e nem ao menos emagreceu. Já com relação aos animais atropelados nas rodovias, tenho certeza de que ninguém atropela por querer, ou por maldade; mesmo porque os estragos e prejuizos causados nos veículos envolvidos é enorme, e ninguém quer gastar sem nescessidade. SOU A FAVOR DE QUE A ONÇA FUJONA RETORNE A NATUREZA.
 
Arthur Kosloski em 04/01/2011 02:57:10
Caro Rodrigo...

Belas palavras, mas totalmente sem sentido...faço o trajeto CG - Corumbá com frequência...vc disse pra anotar a placa de quem atropela animais na pista...ABSURDO!!!
andamos na velocidade das sinalizações...o que vc quer que freiamos bruscamente e capotamos o carro ou que paremos para fazer respiração boca a boca nos animais...
 
Carlos Azevevedo em 03/01/2011 11:01:12

É mais fácil condenar quem esta cuidando dos animais, pois não sabem das dificuldades que existem, ou nem querem saber, e nada fazem para ajudar.
Á pergunta é: Foi o Sr. Elcio Borges quem construiu as jaulas para abrigar esses animas? jaulas essas que deveria dar segurança e proteção para as onças.
Tambem sei das dificuldades que o CRAS tem para abrigar e tratar todos os animais que
la estão e que a midia sempre tem acompanhado o bom trabalhos dos biológos, veterinários e funcionários do CRAS na recuperação de todos os animais.
Como defensora dos animais conclamo a toda a população em vez de criticar vamos procurar ajudar mais na proteção de todos esse animais.
 
odete Luz em 03/01/2011 10:33:00
Sobre a enquete desta semana no campograndenews a respeito da onça fugitiva, eu acho que deveriam criar dois troféus, um prá onça, o de ESPERTESA e o outro de INCOMPETÊNCIA para as pessoas encarregadas da guarda deste animal, pois em se tratando de uma onça pintada não precisa ser entendido no assunto para sabermos da ferocidade deste bicho, e com tanta gente andando por aí, inclusive crianças, não demora e teremos noticias ruíns relacionadas a esse animal que por enquanto ainda é considerado filhote pois tem apenas 1 ano e pouco de idade mas com instinto de sobrevivência primitivo de caçador, é aguardar prá ver.
 
Antonio Mazeica em 03/01/2011 08:44:07
Incrível como para condenar existem muitos, mas para sujar as mãos e ajudar não persiste ninguém!
Tive a oportunidade de gravar o vídeo "HOUVE UM TEMPO" da TV Morena, que relatou o tráfico discriminatório de animais, e algo se falou sobre isso???
Somente o Senhor Élcio Borges foi muito atencioso em me atender e demonstrar na realidade o que é o trabalho do CRAS! E ainda muito gentil em oferecer o espaço para as gravações, dando total apoio e respaldo à nossa produção.
Só quem está lá no dia-a-dia ou tem proximidade com os trabalhos sabe o que é os esforços empreendidos em proteção e respeito aos animais!
Eu tenho certeza que vc que está lendo esse post, nunca deva ter feito algo para coibir o tráfico discriminatório de animais, nunca deve ter pegado a placa de um carro que atropelou um animal na rodovia, ou mesmo ter denunciado os mals tratos que o seu vizinho faz ao bicho de estimação!
Até quando a nossa sociedade ficará a esmo? Até quando se calará esperando a atitude do outro???
 
Rodrigo Sans em 03/01/2011 07:26:40
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions