A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

19/09/2016 16:53

Com picos de até 40°C, primavera será de calor e pancadas de chuva

Adriano Fernandes
A estação das flores começa exatamente as 10h21 da próxima quinta-feira (22). (Foto: Marcos Ermínio) A estação das flores começa exatamente as 10h21 da próxima quinta-feira (22). (Foto: Marcos Ermínio)

A primavera chegará com o clima que deve ser predominante durante toda sua duração. Na quinta-feira (22), primeiro dia da “estação das flores”, os termômetros registram dia claro, com névoa seca e variações entre 15°C até 30°C.

Veja Mais
Com lixão fechado, catadores migram para aterro de entulhos da prefeitura
Chuva chega ao MS durante a madrugada e aumenta umidade do ar

Conforme prognóstico da estação divulgada pela Uniderp, as altas variações de temperatura vão ocasionar formação de nuvens carregadas, com pancadas de chuva nos fins de tarde e início da noite, durante toda a estação, tanto na Capital como nas demais regiões do Estado.

Na tarde desta segunda-feira (19), o céu está parcialmente nublado em Campo Grande. Os termômetros registram 21°C e chove em pontos isolados da cidade.

Amanhã e quarta-feira (21) o dia continua parcialmente nublado com temperatura variando entre 15°C até 30°C.

Na região centro-sul de Mato Grosso do Sul, o período chuvoso inicia-se já entre os meses de setembro e outubro, com o aumento gradativo das pancadas de chuva e trovoadas. O mês de outubro vai ser o mês mais quente da estação, com temperaturas acima de 38°C à sombra, sendo que nas regiões norte, leste e oeste do Estado, vai ser mais propício os termômetros atingirem a marca de até 40°C, segundo o meteorologista Nathálio Abrão.

A região Sul do estado terá valores dentro a acima das medias de pluviométricas nos meses de outubro e novembro e dentro da media em dezembro. Existe o risco de enchentes, inundações e transbordamentos nas bacias de Dourados, Rio Brilhante, Ivinhema, Angélica e no extremo sul entre Amambaí, Sete Quedas, Mundo Novo, Iguatemi e Navirai. Na região central em Campo Grande, Ribas do Rio Pardo, Aquidauana e Sidrolandia.

Umidade - A meteorologia indica valores mínimos abaixo dos 30% em setembro e alguns dias no mês de outubro. Situação que não deve ser comum em dezembro.

Ventos - O encontro de massas de ar quente e frentes frias adentrando pelo sul do estado nos meses de outubro e novembro, vem acompanhados de rajadas de ventos, algumas acima dos 50 km/h podendo chegar aos 80 km/h.

A formação de nuvens carregadas, associadas a ventos fortes devem trazer também, trovoadas, raios e granizos, principalmente durante a noite e nas madrugadas. Exigem maior atenção em relação a danos decorrente pela mudança nos ventos as regiões de Dourados, Ponta Porã, Amambaí, Navirai e Ivinhema no sul do estado e Sidrolandia, Maracaju e Campo Grande na região central e ocasionalmente leste. 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions