A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

16/07/2012 09:30

Dois são multados em R$ 10 mil por poluição sonora na Afonso Pena

Francisco Júnior

Dois motoristas foram multados R$ 5 mil cada um por poluição sonora nos altos da avenida Afonso Pena, em Campo Grande. Uma operação conjunta entre PMA (Polícia Militar Ambiental), Semadur (Secretaria de Municipal de Meio Ambiente) e Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito) foi realizada na noite de ontem (15), no local.

Veja Mais
Domingo será de calor e chuvas com trovoadas em todo o MS, alerta instituto
Temporal com chuva de 30 milímetros e vento forte alaga ruas de Dourados

Segundo denúncias de moradores, os veículos ligam os sons altos e, algumas vezes, próximos uns aos outros, causando perturbação, principalmente, à noite e pela madrugada.

Durante a operação, foram autuadas dois motoristas e aplicadas multas que totalizaram R$ 10 mil. Os policiais acabaram apreendendo dois veículos com som de alta potência que estavam ligados na rua. Na medição realizada com decibelímetro, o barulho atingia quase 80 decibéis.

Os dois autuados foram conduzidos, juntamente com os veículos apreendidos, para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

Eles irão responder por crime ambiental que pena prevista de um a quatro anos de reclusão.




Parabéns. Esperamos mais ações como essa. Quem mora nessas áreas sabe o que é acordar de madrugada com alto volume de som; carros e motos sem silencioso acelerando.
 
Emersom Floriano em 16/07/2012 12:15:22
REALMENTE É UMA ATITUDE LOUVAVEL MULTAR E ATÉ APREENDER ESSES VEICULOS DE MARGINAIS QUE DESRESPEITA, POLUI E PERTUBA NOSSO SOSSEGO, CONTINUE AGINDO ASSIM PMA, CIPTRAN.
 
Carlos Lamarca em 16/07/2012 11:13:01
Maravilhosa atitude, tem que punir exemplarmente para desencorajar outros cidadãos que não respeitam o seu semelhante. Seria interessante uma equipe constante nos em todos os bairros de campo grande, para coibir essa pratica de poluição. Parabens mais uma vez às autoridades que prestaram este excelente serviço.
 
Flávio Márcio em 16/07/2012 11:11:50
muito boa essa iniciativa para acabar com essa baderna,mas e preciso ser mais constamte e tambem em outros pontos da cidade principalmente nos bairros da cidade.
 
nilton sabinojr em 16/07/2012 10:33:47
Parabéns até que enfim alguém tomou providencias pra tirar esses mal educados e baderneiros das ruas de Campo Grande. Cinco mil reais, ótimo o valor do silêncio, quando dói no bolso a dor é bem maior.
 
José Edson em 16/07/2012 10:30:00
A Semadur (Secretaria de Municipal de Meio Ambiente) precisa tambem multar as empresas que fazem propaganda utilizando os outdors ou paineis de propaganda, que na troca dos painéis, o papel retirado (rasgado) é abandonado na via causando grande sujeira. Um caso flagrante para constatação neste momento é na rua Ricardo Brandão, próximo da Câmara Municipal.
 
José Carlos em 16/07/2012 10:29:24
Infelizmente, sabemos que esse tipo de operação, só aconteceu porque é uma àrea nobre da cidade. Diáriamente ouvimos pessoas das periferias ou de bairros até próximos ao centro, reclamando do barulho das chamadas "conveniências", que na verdade são muito inconvenientes. É preciso estender o benefício.
 
Hilda França em 16/07/2012 10:24:54
Parabéns pela ação. Isso realmente é importante. Ninguém é obrigado a ouvir som alto, ainda mais de madrugada.
Pra ficar melhor ainda, sugiro realizar essas ações com mais frequencia. Aí eu tiro o chapeu para as autoridades(PMA, Semadur e Ciptran).
 
Cleberson Silva em 16/07/2012 10:24:27
Até que enfim começaram a tomar providências, na questão do som. Hoje andei quase 1 km atras de uma caminhonete pior que as chaminés de Cubatão, e ai? , cadê os responsaveis pela meio ambiente, nossos pulmões que se danem.E ainda sou obrigado a ficar escutando as hipocresias ambientais!!
 
joão carlos em 16/07/2012 10:12:46
Parabéns! Até que enfim, uma posição afirmativa da polícia. È preciso ensinar à popolação que respeito ao descanso alheio é necessário. Não é proibido ouvir música no volume e no local adequados. Afinal, liberdade tem um significado bem definido. A sua começa onde a minha termina.
 
Ana Souza em 16/07/2012 10:07:44
esta operação tem que ser estendida em frente ao aeroporto internacional, rua ana luiza de souza , bairro pioneiro e por aew vai. o ser humano só aprende quando mexe em seu bolso.
 
dario silva em 16/07/2012 10:07:15
MUITO BOM ESSA OPEREÇÃO. ISSO TEM QUE SER FEITO TAMBÉM NOS BAIRROS DA CAPITAL. LEI DO SILÊNCIO É PARA SER RESPEITADA.
 
ALEXANDRE SOARES em 16/07/2012 10:06:24
Resido a uma quadra do 1º DP e de um pelotão de PM no centro de Campo Grande. Constantemente alta madrugada passam veículos parecendo trios eletricos, não respeitando sequer estes orgãos de segurança, quanto mais a população e moradores de prédios próximos. PARABENS POR ESTA INICIATIVA. Vamos inibir a ação destes imbecis e complexados que de alguma forma querem chamar a atenção.
 
José Inácio Dias Schwanz em 16/07/2012 06:08:57
Parabenizo as autoridades competentes pela correta autuação e aplicação da multa no valor de R$ 5.000,00 a esses verdadeiros imbecís que circulam com som altíssimo em seus carros pelas ruas de nossa cidade. Se o idiota quer escutar som alto que feche os vidros de seu carro e estoure seus timpanos! Espero que tais autuações não parem por aqui.
 
Geraldo castro em 16/07/2012 06:05:52
E quando tiver shows no parque das naçoes a prefeitura vai ser multada tambem?afinal é uma ares de preservação ambiental.

 
robert ribeiro em 16/07/2012 05:42:02
Parabéns a equipe que efetuou essa operação, quer ouvir som alto fora do horario permitido e acima das normas , vai lá para o mato bem longe, falta de respeito total.
 
Hilibio Moreira da Cunha Júnior em 16/07/2012 05:29:09
Deveria existir uma ação como esta com os motoqueiros que se dizem guardas noturnos e passam a noite e na madrugada inteira de meia em meia hora com uma sirene imitando alarme de polícia e não nos deixam dormir . Isto está acontecendo no bairro Rita Vieira.O que antes era um local sossegado virou um inferno.
 
Monica Pereira Nogueira em 16/07/2012 05:25:47
Pessoas como vocês que estão acabando com os eventos em Campo Grande - MS, concordo que baderna é totalmente diferente, mas por essas e outras é que não é mais permitido shows em vários cantos da cidade... Se não reparam a cidade teve mais a perder do que a ganhar pois os investimentos turísticos despencaram já que a cidade não tem mais oque oferecer, se tem duvidas digite turismo em CG MS.
 
Renato Oliveira em 16/07/2012 05:24:58
so porque mora muita gende de dinheiro nos altos da avenida afonso pena, deveriam fazer isso rotineiramente em todos os ponto da nossa capital, nos bairro um dos maiores indice de ocorrencias são as pertubações da tranquilidade por som alto.
 
amanda keity em 16/07/2012 05:10:04
Som alto é estilo de vida de idiotas, isso sim! Aprenda a respeitar os outros! Vá mostrar o som do som carro na sua casa, pra sua mãe, no último volume!
 
José Almeida em 16/07/2012 04:15:06
Acho salutar acontecer isto, mas o importante também é multar o pessoal da propaganda em veículos, mesmo que estejam trabalhando, é um absurdo eles atrapalharem o trânsito e ainda o som naquele volume.Tem também algums que colocam o som na caçamba e saem por aí no último volume, isso é uma verdadeira falta de educação.
 
Juracy Ribeiro em 16/07/2012 03:32:00
É preciso ação semelhante em relação às casas de bilhar. Solicito uma ação semelhante com relação à casa REI DO BILHAR, à rua 13 de maio, altura do número 1.000, onde de quinta a sábado é promovida uma verdadeira baderna com som na última altura, motoristas embriagados e sabe-se lá mais o que...
 
José Freitas. em 16/07/2012 03:00:32
Muito boa a iniciativa. Como vários já comentaram, isso deveria ser feito em todas as áreas residenciais. Carros com som não são estabelecimentos e se acham acima da lei. Só um detalhe: 80 decibéis é o volume de um telefone tocando. Nesse ponto a lei está totalmente desprovida de conhecimento técnico...
 
Eloy Paulucci em 16/07/2012 02:43:22
É isso ai...Essa falta de educaçao que pertuba o nosso sossego, nos bairros ainda é pior com musicas horriveis como o fank; Os policiais devem agir proibindo essa poluiçao sonora com multas mesmo.
 
Alcione caetano em 16/07/2012 01:39:29
Acho isso uma atitude ridícula, porque som alto não é crime e sim estilo de vida..Tem muito bandido roubando e matando e os policiais se preocupando com que esta apenas mostrando seu estilo de vida..
 
Marcus Vinícius em 16/07/2012 01:28:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions