A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

25/06/2013 23:57

Donos de fazendas são multados por explorar madeira sem autorização ambiental

Viviane Oliveira
Madeira encontrada em uma das fazendas, em Inocência. (Foto: divulgação) Madeira encontrada em uma das fazendas, em Inocência. (Foto: divulgação)

A PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou em duas fazendas em Inocência, distante 339 quilômetros de Campo Grande, a exploração da madeira sem autorização ambiental.

Veja Mais
Temporal com chuva de 30 milímetros e vento forte alaga ruas de Dourados
Corpo de bombeiros trabalha em alerta para chuva e novos estragos

A Polícia verificou na sede de uma das fazendas, diversas madeiras desdobras em caibros e vigas, com sinais recentes de exploração, inclusive, com pedaços de toras de derrubadas.

Os policiais localizaram ainda, várias árvores de grande porte derrubadas das espécies faveiro e angico, dentro de uma área de pastagem. O proprietário da fazenda, de 62 anos, foi autuado e multado em R$ 2,4 mil.

Em outra fazenda vizinha, a PMA localizou mais madeiras que eram exploradas sem autorização ambiental. O proprietário, de 55 anos, também foi multado em R$ 2,4 mil.

Os dois, que moram no estado de São Paulo, podem responder por crime ambiental. Se condenados poderão pegar pena de seis meses a um ano de detenção.

A PMA alerta que os proprietários rurais podem aproveitar até 20 m³ de madeira desvitalizada na propriedade. Para isso o proprietário deve fazer um requerimento junto à SEMAC/IMASUL (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions