A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

20/10/2014 09:10

Edital prevê contratação de cooperativas de catadores de recicláveis

Caroline Maldonado
Edital contratará serviços para nove bases de serviços do projeto Cataforte (Foto: Viviane Oliveira)Edital contratará serviços para nove bases de serviços do projeto Cataforte (Foto: Viviane Oliveira)

O MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) lançará nesta terça-feira (21) edital para contratação de nove bases de serviços do projeto Cataforte para a estruturação de redes solidárias em Mato Grosso do Sul e mais seis Estados. O Cataforte “Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias” foi lançado em julho de 2013 para estimular a criação e fortalecimento de cooperativas e associações de catadores de materiais recicláveis.

Veja Mais
MPT/MS notifica prefeitura para tratar do acesso de catadores ao aterro
Sem renda extra, catadores temem fechamento do lixão com nova lei

A previsão, segundo do MTE é de R$ 170 milhões de recursos não reembolsáveis e mais R$ 30 milhões de recursos reembolsáveis. O projeto é desenvolvido em parceria entre a Secretaria-Geral da Presidência da República, Ministério do Trabalho e Emprego, MMA (Ministério do Meio Ambiente), Funasa/MS (Fundação Nacional de Saúde), BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social ), Fundação Banco do Brasil, Petrobrás, e Banco do Brasil.

O edital de contratação atenderá também o Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Rio Grande do Sul, Distrito Federal e Tocantins. Ainda na terça-feira, o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, assina em Curitiba, convênios no valor de quase R$ 3 milhões para incluir populações em situação de risco em programas de economia solidária com foco na superação da pobreza extrema.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions