A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

22/10/2011 13:49

Homem procura a PMA e "confessa" criação de aves em Anaurilândia

Anny Malagolini
Os pássaros entregues à PMA por criador arrependido. (Foto: Divulgaçã)Os pássaros entregues à PMA por criador arrependido. (Foto: Divulgaçã)

Na tarde de ontem (21), policiais militares de Bataguassu passaram por uma situação no mínimo inusitada quando realizavam patrulhamento no município de Anaurilândia, a 372 quilômetros da capital.

Veja Mais
No primeiro mês de piracema, PMA registra aumento de 100% nas apreensões
Segunda-feira de tempo claro e com possibilidades de chuvas à tarde, em MS

Durante o patrulhamento, os policiais foram abordados por um homem que disse que criava pássaros irregularmente na sua casa, mas que estava arrependido e queria devolver as aves à natureza, e não estava preocupado se seria autuado ou não.

Foram encontrados na residência dele 17 aves, entre elas, 6 canários, 2 sabiás, 1 papagaio-grego, 3 curiós, 2 pássaros-pretos, 2 bigodinhos e 1 patativa.

De acordo com a lei de crimes ambientais, criar animais não estejam na lista de animais em extinção não gera multa.

As aves foram recolhidas e serão encaminhados ao centro de reabilitação de animais silvestres (CRAS) na capital.




Pode gerar multa sim!
- "No caso de guarda doméstica de espécie silvestre não considerada ameaçada de extinção, PODE o juiz, considerando as circunstâncias, deixar de aplicar a pena" (Lei 9605/1998);
- "No caso de guarda doméstica de espécime silvestre não considerada ameaçada de extinção, PODE a autoridade competente, considerando as circunstâncias, deixar de aplicar a multa" (Decreto 6514/2008).
 
Edmur Lavezo Gomes em 25/10/2011 12:07:30
A atitude desse cidadão é demostração que a nossa sociedade está mais conciente quanto o direito de liberdade dos animais, todos que se encontram nessa situação devería tomar a mesma atitude, e seguir esse belo exemplo. Porque manter um animal na prisão se não causou nenhum mal a ninguem.
 
porfirio vilela em 22/10/2011 06:12:45
Bem, o cidadão estava cometendo um crime, mas o fato de ter se arrependido e procurado a polícia é uma atitude legal. Parabéns.
 
ricardo griao em 22/10/2011 05:41:05
Tai o exemplo....nem merece punição um homem deste...o arrependimento ja basta..que sirva de exemplo pra outros
 
valdeci ramos em 22/10/2011 04:50:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions