A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

18/09/2012 09:23

Mineradora é multada por desviar curso de córrego para extrair areia

Paula Vitorino
Córrego foi desviado por mineradora. (Foto: PMA)Córrego foi desviado por mineradora. (Foto: PMA)

O proprietário de mineradora de areia em Cassilândia foi autuado por destruir área de preservação permanente de um curso de água. A PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou a irregularidade durante fiscalização ontem à tarde.

Veja Mais
Jiboia de 1,5 metro é encontrada dentro de armário no Monte Líbano
Sucuri de 4 metros é encontrada em hotel, enrolada a filhote de cachorro

Ele fez o desvio de um córrego no sítio Nossa Senhora Aparecida, destruindo a vegetação ciliar, que é área de preservação, para facilitar a extração de areia. A mineradora possuía licença ambiental, mas não tinha permissão para intervenções que alterassem o curso da água.

As atividades foram interditadas, inclusive de mineração. O infrator foi notificado a apresentar um plano de recuperação da área degradada – PRAD, junto ao órgão ambiental. Os policiais também determinaram que sejam feitas intervenções para que o leito volte ao curso normal.

Ele foi autuado administrativamente e multado em R$ 1 mil, além de responder por crime ambiental, que tem pena de detenção de 1 a 3 anos.




Sr. Alvaro, realizar intervenções não autorizadas na licença ambiental, como neste caso, é crime ambiental. Sugiro que leia mais sobre a nossa legislação ambiental. Fiscal Ambiental do Imasul.
 
Edmur Lavezo Gomes em 19/09/2012 08:21:08
R$ 1.000,00 ???????
Uma viagem de areia e ele recupera esse valor. Multinha camarada essa, hein?
Acho que se a pessoa demonstra aptidão para não cumprir a lei, deveria ser impedida de continuar explorando a atividade.
 
RICARDO GRIAO em 18/09/2012 12:14:48
Nem tudo é o que parece. O Minerador, ambientalmente autorizado, pode fazer interferências pontuais. Crime ambiental, possui características tipificadoras que não se adequam ao noticiado.
 
ALVARO MARÇAL MENDONÇA em 18/09/2012 11:09:35
Acabei de falar da falta de indignação sobre os crimes ambientais em uma ocorrência de desmatamento que a PMA autuou. Agora outro problema ainda maior. Primeiro, acho que não deveria nem ser autorizado retirar areia do córrego e, quando autoriza, o cara ainda age ilegal!!!!!!

Ferro neles PMA. Parabens ao CGNEWS, que divulga. Assim, o povo fica pelo menos sabendo!!!!
 
Bruno Baque em 18/09/2012 11:01:41
O valor da multa e de rir. Tem que colocar o nome do cara!
 
Paulo Neres Carvalho em 18/09/2012 09:13:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions