A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

14/10/2016 14:51

Ministro sobrevoa Pantanal para avaliar assoreamento do rio Taquari

Priscilla Peres
Assoreamento do rio está sendo analisado pelo ministro do meio ambiente. (Foto: Reprodução Facebook)Assoreamento do rio está sendo analisado pelo ministro do meio ambiente. (Foto: Reprodução Facebook)
Autoridades participaram de sobrevoo nesta manhã. (Foto: Reprodução Facebook)Autoridades participaram de sobrevoo nesta manhã. (Foto: Reprodução Facebook)

O ministro de Meio Ambiente Sarney Filho, que está em Mato Grosso do Sul desde ontem, sobrevoou o rio Taquari na manhã desta sexta-feira (14), para ver o assoreamento e os impactos ambientais causados pela ação humana.

Veja Mais
No Pantanal, ministro visita projetos voltados para conservação ambiental
Ministro desembarca em MS para falar de agricultura e produção sustentável

Acompanhando do presidente do Instituto Homem Pantaneiro, Ângelo Rabelo e do senador Pedro Chaves (PSC), eles puderam ver além do assoreamento, a inundação de mais de 1 milhão de hectares no Pantanal do Paiaguás.

No mês passado, o avanço da agricultura no Pantal e seus impactos ambientais foram tema de audiência pública realizada em Brasília. De lá, surgiu a necessidade de se visitar o pantanal sul-mato-grossense para analisar de perto a situação do bioma.

]Ainda durante a agenda de hoje, as autoridades conheceram o trabalho desenvolvido pela Rede de Proteção e Conservação da Serra do Amolar, por meio do seu gestor, o Instituto Homem Pantaneiro.

Ontem, o ministro conheceu o Projeto Arara Azul e o Centro de Interpretação Ambiental, ambos localizados dentro do Refúgio Ecológico Caiman. Eles permanecem em Miranda até amanhã, quando ocorre um encontro com autoridades para falar sobre a produção sustentável e a conservação ambiental.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions