A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

05/06/2014 10:35

MS implanta Cadastro Ambiental Rural 2 anos após Código Florestal

Bruno Chaves e Helton Verão
Decreto foi assinado pelo governador André Puccinelli nesta quinta-feira (Foto: Marcos Ermínio)Decreto foi assinado pelo governador André Puccinelli nesta quinta-feira (Foto: Marcos Ermínio)

O decreto estadual que cria o CAR (Cadastro Ambiental Rural), previsto na Lei Federal do Código Florestal, de 2012, foi assinado pelo governador André Puccinelli (PMDB) nesta quinta-feira (5), data em que se comemora o “Dia Mundial do Meio Ambiente”. O sistema, que irá montar um panorama das propriedades rurais de Mato Grosso do Sul, deve ser concluído em até um ano.

Veja Mais
Propriedades devem ser cadastradas no Cadastro Ambiental Rural
Em 7 dias, choveu 56% do esperado para o mês em município do interior

A assinatura do documento ocorreu na sede do Imasul (Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul) e contou com a presença e autoridades.

“Este decreto é um meio de colaborar com a preservação ambiental. O executivo e suas unidades querem deixar um legado para as gerações futuras”, comentou Puccinelli.

Além de funcionar como um raio-x das propriedades rurais, o coordenador do CAR, Ricardo Eboli, explicou que o cadastro “é uma espécie de imposto de renda rural”.

“O proprietário irá definir a quantidade de mata nativa que existe na sua propriedade. A exigência é saber quanto de área vegetal nativa integra cada propriedade”, explicou.

Eboli ainda destacou que a medida não serve como resolução para questões fundiárias. “Não tem foco nas questões de demarcações de terras indígenas”, ressaltou.

Com isso, até o final do mês de junho, o cadastro estará disponível no site do Imasul. O prazo para cadastro vence no dia 6 de maio de 2015, data prorrogável por mais um ano.

O comandante da PMA (Polícia Militar Ambiental), Ricardo Matoso, lembrou que o CAR é implantado em todo o Brasil.

“Funciona como um diagnóstico, uma espécie de banco de dados para saber o que tem em cada propriedade rural. No Estado, a coordenação é do Imasul e a fiscalização da PMA”, revelou.

Sistema – Os dados do CAR irão integrar o Sistema de Cadastro Ambiental Rural, que tem por finalidade administrar e monitorar a recomposição, regeneração, compensação e a supressão de áreas de vegetação nativa dos imóveis rurais do Brasil. O governo espera que aproximadamente 5,6 milhões de propriedades rurais sejam cadastradas em todo País.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions