A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

14/08/2016 10:51

Município de MS registra 10% de umidade do ar; segunda menor do país

Fernanda Yafusso

O município de Cassilândia, distante 418 quilômetros da Capital, registrou segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), o segundo menor percentual de umidade relativa do ar do país. No sábado (13), o índice na cidade chegou em 10%.

Veja Mais
Sábado será de tempo firme e temperaturas em elevação em todo o Estado
Dia amanhece frio, mas previsão é de tempo firme e seco

Já a cidade goiana, Caiapônia ficou em primeiro lugar com o mesmo percentual, 10% e o município Bom Jardim da Serra (SC) permaneceu na casa dos 12%. De acordo com o Inmet os índices abaixo de 20% são considerados de "perigo potencial" para a saúde humana e é preciso cuidados, como por exemplo ingerir muito líquido.

Em Mato Grosso do Sul, 10 cidades registraram a baixa umidade relativa do ar, Cassilândia permaneceu em primeiro lugar com 10% pela segunda vez durante a semana, na quinta (11) o valor ficou em 20%.

Já nos municípios de Bataguassu e Amambaí os índices que chegaram a 23%. Nas cidades de Paranaíba e Costa Rica o registro ficou em 14%.

Previsão de chuva - A partir de segunda-feira (15) o clima seco será aliviado com a chegada de uma nova frente fria, que trará vento e chuva em algumas regiões do Estado. 

De acordo com o meteorologista da Estação Meteorológica da Uniderp, Natálio Abrão, foi identificada uma área de baixa pressão no Paraguai, que está ganhando força e resultará em pancadas de chuvas, ventos de até 45 km/h e alta umidade entre a segunda-feira (15) e a terça-feira (16).

O clima deve mudar nas regiões Sul, Sudeste e na área central. O Norte e Nordeste não devem registrar chuvas. Já na quarta-feira (17) as condições melhoram e o sol deve prevalecer.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions