A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

13/11/2014 13:21

Operação Guaicurus flagra desmatamento e queimadas na Serra da Bodoquena

Caroline Maldonado e Viviane Oliveira
Queimada ilegal foi flagrada em reserva indígena na Serra da Bodoquena (Foto: Divulgação/Ibama)Queimada ilegal foi flagrada em reserva indígena na Serra da Bodoquena (Foto: Divulgação/Ibama)

Agentes do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) flagraram queimadas ilegais e extração de madeira dentro da Reserva Indígena Kadiwéu, em Bodoquena, a 266 quilômetros de Campo Grande, além de desmatamentos ilegais em áreas ao redor da aldeia.

Veja Mais
Previsão é de semana chuvosa em Campo Grande e na maior parte de MS
Dia amanhece garoando e previsão é de chuva na maioria das cidades do Estado

A fiscalização faz parte da Operação Guaicurus, iniciada pelo Ibama nesta segunda-feira (10), com apoio da Funai (Fundação Nacional do Índio), MPE (Ministério Público Estadual) de Bonito, Icmbio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) e Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

De acordo com a chefe da Divisão Técnico Ambiental do Ibama, Joanice Lube Battilani, a operação desenvolvida por oito servidores ocorre na aldeia e em áreas de entorno como o Parque Nacional da Serra da Bodoquena, além de maregens dos rios Formoso e Prata.

A operação se estende até o próximo sábado (15), com sobrevoos nas áreas de banhados dos rios que facilita as buscas por irregularidades. “Com o apoio do helicóptero do Ibama será possível identificar ilícitos na terra indígena Kadiwéu, que possui mais de 500 mil hectares, relativos a desmatamento, exploração florestal e uso de fogo ilegal tanto nas áreas em litígio como nas áreas ocupadas pelas cinco aldeias”, afirma Joanice.

O objetivo da operação, segundo Joanice, é autuar infratores, fazer apreensão de equipamentos e embargar áreas autuadas, além de apoiar o MPE de Bonito e o Imasul a identificar infrações ambientais nas áreas de banhados dos rios e o ICMBIO na identificação de ilícitos ambientais no Parque Nacional da Serra da Bodoquena.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions