A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

06/09/2014 09:20

PMA fecha olaria que destruía mata ciliar para retirada de argila

Aline dos Santos
Mata ciliar foi destruída em fazenda de Angélica. (Foto: Divulgação/PMA)Mata ciliar foi destruída em fazenda de Angélica. (Foto: Divulgação/PMA)

A PMA (Polícia Militar Ambiental) fechou uma olaria que funcionava de forma irregular em Angélica, a 263 km de Campo Grande, e aplicou multa de R$ 9.500.

Veja Mais
Fim de semana em MS terá tempo instável com possibilidade de chuva
Quatro cidades de MS estão entre as 100 que mais desmatam florestas

O fazendeiro, de 49 aos, que era proprietário da olaria, também havia destruído área de um hectare de matas ciliares do córrego São João para a retirada da argila. No local, foram apreendidos 300 tijolos fabricados.

O domo da fazenda responderá por crime de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização, que prevê pena de três meses a um ano de detenção, e por destruir área de preservação permanente, que prevê pena de um a três anos de detenção.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions