A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

26/06/2011 12:06

Polícia Ambiental prende homem fazendo pesca predatória no Rio Paraná

Paulo Fernandes

A PMA (Polícia Militar Ambiental) prendeu ontem, no final da tarde, um pescador que usava um espinhel com 30 anzóis, que é um petrecho (também chamado apetrecho) proibido, no rio Paraná, em Mundo Novo.

O espinhel é um aparelho de pesca, constante de uma extensa corda da qual pendem, a espaços, linhas providas de anzóis.

A apreensão foi feita durante a “Operação Corpus Christi”, em fiscalização fluvial.

O pescador, que mora em Mundo Novo, estava em uma embarcação armando e colocando iscas no espinhel.

Policiais encontraram ainda mais espinhéis no rio. Eles suspeitaram serem todos daquele pescador.

Petrechos e a embarcação foram apreendidos. O pescador foi autuado em flagrante, recebeu voz de prisão e foi conduzido, juntamente com o material apreendido, à Delegacia de Polícia Civil de Mundo Novo.

Se condenado pelo crime ambiental, ele poderá pegar pena de detenção, de um a três anos, ou multa, ou ambas as penas cumulativamente.

Além disso, ele recebeu uma multa administrativa de R$ 1.400.

Os policiais ainda recolheram 8 redes que estavam armadas no rio. Os proprietários dos petrechos proibidos não foram localizados.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions