A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

03/02/2015 20:01

Por meio de parceria com ONG, alunos de Bonito receberão educação ambiental

Daniel Machado

Sensibilizar os professores e alunos da rede pública sobre a importância da preservação ambiental é um dos objetivos do projeto desenvolvido pelo IASB (Instituto das Águas da Serra da Bodoquena) e que será financiado pela Prefeitura Municipal de Bonito.

Veja Mais
Fim de semana em MS terá tempo instável com possibilidade de chuva
Quatro cidades de MS estão entre as 100 que mais desmatam florestas

O convênio firmado esta semana prevê a destinação de R$ 118,2 mil por meio da Secretaria de Meio Ambiente. A cooperação financeira para execução do projeto de capacitação em educação ambiental de professores e alunos da rede pública de ensino, visando torná-los multiplicadores de atitudes ambientalmente responsáveis.

Para o presidente do IASB, Eduardo Folley Coelho, o investimento da prefeitura é essencial para a realização dos projetos. “Estamos organizando a Feira Ambiental, que será realizada no dia 1, 2 e 3 de junho, com a visita do pessoal da Petrobras, e é ótimo ter o apoio da prefeitura também”, afirmou Coelho, durante o evento de assinatura do convênio.

O prefeito do município, Leonel Lemos de Souza Brito (PT do B) frisou a importância dos convênios para o desenvolvimento de ações que influenciam diretamente na vida do cidadão. “Nós estamos assinando convênios desde o início da semana com entidades nas mais variadas áreas, como saúde e educação, que desempenham um papel essencial para a sociedade e que a prefeitura não seria capaz de fazer tão bem de imediato e com pouco recurso”, ressaltou.

Atratur - A Atratur também receberá um investimento de R$ 13.273,00 mil para a realização do projeto “Conhecer Bonito”, que prevê a visita técnica de estudantes da rede pública de ensino a atrativos turísticos da região, sensibilizando-os quanto à importância do turismo e do meio ambiente local.

Segundo o presidente da Atratur, Marcos Dias Soares, o projeto estreita ainda mais a relação dos jovens com a principal atividade do município: o turismo. “Cria um senso de pertencimento nas crianças”, ressalta.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions