A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

29/09/2016 06:46

Troca de peças e R$ 600 ajudam a economizar água dentro de casa

Fernanda Yafusso
Com a troca de algumas peças, a família teve uma redução de até 30% na conta do mês (Foto: Marcos Ermínio)Com a troca de algumas peças, a família teve uma redução de até 30% na conta do mês (Foto: Marcos Ermínio)
Diferente da foto acima, sem a troca da peça a água sai espalhada e com isso aumenta o consumo (Foto: Marcos Ermínio)Diferente da foto acima, sem a troca da peça a água sai espalhada e com isso aumenta o consumo (Foto: Marcos Ermínio)

A simples troca de peças e produtos dentro de casa, pode reduzir em até 60% o consumo de água potável. Além disso, em uma residência com quatro moradores, dá para economizar 30% do valor da conta com a mudança, simples e barata. 

Veja Mais
Temporal com chuva de 30 milímetros e vento forte alaga ruas de Dourados
Corpo de bombeiros trabalha em alerta para chuva e novos estragos

Diferente do que a maioria pode imaginar, é possível se preocupar com o meio ambiente e economizar água dentro de casa, sem gastar muito dinheiro. Alternativas encontradas em lojas de material de construção, como chuveiro, torneira e até mesmo a válvula da descarga no banheiro, custam até R$ 600.

A alternativa é testada e aprovada pelo empresário de 32 anos, Crystoffer Oliveira. Ele mora com a esposa e as duas filhas e há um ano trocou peças dentro de sua casa. O resultado apareceu logo depois, no bolso. "Reduzimos 30% do valor da conta de água depois que troquei os dois chuveiros da casa, as duas torneiras e as duas válvulas de descarga".

Crystoffer realizou sozinho a troca das peças em sua casa para economizar água (Foto: Marcos Ermínio)Crystoffer realizou sozinho a troca das peças em sua casa para economizar água (Foto: Marcos Ermínio)

Consumo e desperdício - No Brasil, uma pessoa gasta em média 200 litros de água por dia, para atender as necessidades de consumo e higiene. Porém, 110 litros são suficientes, segundo dados da ONU (Organização das Nações Unidas).

Mais do que reduzir os gastos mensais, ações de economia são necessárias para reduzir o desperdício de água no planeta. De acordo com o Instituto Trata Brasil, o país desperdiça volume de água correspondente a seis sistemas Cantareira a cada ano.

Pensando no meio ambiente, mas pouco confiante na economia financeira, Crystoffer fez as adaptações de sua casa. O fato de ter dois filhos pequenos pesou na decisão, já que as crianças gostam de "brincar" com torneiras.

Ele afirma que o investimento não foi alto, e que compensa a curto prazo. "Além da economia no bolso, a instalação é fácil e qualquer pessoa pode fazer. Eu também gravei um vídeo demonstrando o quanto é possível economizar água somente com a troca de algumas peças. Instalei em uma das torneiras uma peça chamada redutor de vazão de água e deixei na outra torneira sem a peça. Em apenas 50 segundos percebemos que a economia da água é grande, e com o redutor instalado gastamos em média 3 litros a menos".

Com até R$ 600 é possível economizar mais de 60% de água (Arte: Vitor Coelho)Com até R$ 600 é possível economizar mais de 60% de água (Arte: Vitor Coelho)

Faça você também - Para fazer a troca de todos os itens dentro de casa é necessário investir R$ 600, em média, na compra de torneira, chuveiro e válvula de descargas. Os itens são encontrados facilmente em lojas de materiais de construção de Campo Grande.

Na loja Sertão da rua 13 de maio, é possível encontrar várias peças que auxiliam na economia da água em residências. Os preços das peças como caixa acoplada para vaso sanitário, torneira e válvula da descarga variam entre R$ 150 e R$ 489.

Já na loja Multicoisa, também na rua 13 de maio, as opções são variadas e os preços das peças podem chegar até R$ 630 em uma caixa acoplada e R$ 261 em um chuveiro que economiza três litros de água por minuto. Fator que não deixa a água pressurizar e o compartimento que recebe o líquido é menor, reduzindo assim os gastos no final do mês.

Crystoffer optou trocar a válvula de descarga comum por uma com sistema duo fluxo, à direita. (Foto: Marcos Ermínio)Crystoffer optou trocar a válvula de descarga comum por uma com sistema duo fluxo, à direita. (Foto: Marcos Ermínio)

Gastos - Dos cerca de 200 litros diários consumidos nos domicílios: 54 Litros (27%) - vão para cozinhar e beber; 50 Litros (25%) - para tomar banho e escovar os dentes; 66 Litros (33%) - são utilizados em descarga de banheiro.

Além disso, 24 Litros (12%) - vão para a para lavagem de roupa; 6 Litros (3%) - para outras tarefas (como lavagem de carro, por exemplo).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions