A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

13/02/2013 19:50

Bernal já admite governar com minoria na Câmara da Capital

Josemil Rocha
Prefeito Alcides BernalPrefeito Alcides Bernal

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), já está considerando a possibilidade de ter que trabalhar mesmo tendo minoria na Câmara de Vereadores. “Acho que vai dar tudo certo sim, senão a gente vai trabalhar dentro do que é possível, dentro do interesse publico”, afirmou Bernal esta tarde.

Veja Mais
Orçamento de R$ 3,5 bilhões começa a ser votado semana que vem na Câmara
Marquinhos vai anunciar secretariado na próxima 5ª feira

Até terça-feira da semana que vem, Bernal acredita que já terá condições de definir o tamanho de sua bancada na Câmara. Por enquanto, a base governista na Câmara é formada por apenas nove vereadores, o que ficou demonstrado na eleição para a presidência da Mesa Diretora, já que o oposicionista Mário Cesar obteve a vitória com 20 votos.

As últimas polêmicas em torno de suplementações orçamentárias azedaram ainda mais a relação de Bernal com os vereadores. O presidente da Câmara, Mário Cesar, chegou a questionar a legitimidade da transferência de rubrica de R$ 16,8 milhões, via decreto, entendendo que haveria necessidade de aprovação legislativa.

No final do ano passado, a Câmara reduziu o limite de suplementação orçamentária de 30% para 5%, o que limitou substancialmente a margem de manobra financeira da administração de Bernal. Sua equipe financeira já estima que a atual margem de 5%, que representa R$ 135 milhões, seja esgotada até maio.

Integram a bancada de apoio a Bernal aa professora Rose Modesto, Ayrton de Araújo (PT), Derly dos Reis de Oliveira, o Cazuza (PP), João Rocha (PSDB), Gilmar Neri da Cruz (PSB), Zeca do PT, Luiza Ribeiro (PPS), Thais Helena (PT) e Waldecy Batista Nunes, o Chocolate (PP).

A ampla maioria oposicionista é composta pelos vereadores Edil Albuquerque (PMDB), Carla Stephanini (PMDB), Ademar Vieira Júnior , o Coringa (PSD), Edson Kiyoshi Shimabukuro, conhecido como My Body (PTB), Eduardo Romero (PT do B), Elizeu Dionísio (PSL), Francisco Almeida Teles, tem 42 anos, o Chiquinho Teles (PSD), Grazielle Machado (PR), Herculano Borges (PSC), Otávio Trad (PTdoB), Jamal Mohamed Salem (PR), Airton Saraiva (DEM) e Vanderlei Cabeludo (PMDB).

 

 




Quero da um alo para esses vereadores, que não se esqueçam quem colocou eles aonde estão, foi o povo para trabalharem para o povo e não para ficar de rivalidade com o prefeito. que tbm foi a população que quis assim, Por favor respeitem a vontade do povo e vão trabalhar para povo.
 
Marlene Oliveira em 18/02/2013 13:24:33
BERNAL, eu até concordo que a sua Administração tá no começo.. Mas dá pelo menos um sinalzinho (bem pequenino que seja), de que vai cumprir suas promessas de campanha. Porque afinal, nem isso eu tô conseguindo enxergar. Continuo vendo tapa buraco onde se dizia que haveria recapeamento. Continuo vendo falta de atendimento médico onde se dizia que teria atendimento 24 horas e marcação de consultas e exames em farmácia. Vi você brigando com a Câmara porque os vereadores congelaram o IPTU por causa da sua promessa de campanha. Vejo você falando que os políticos adversários estão no 4° turno da eleição municipal, mas vejo só você fazendo picuinhas provocativas como por exemplo a frase "E o Bernal?". Ora Prefeito, concentre-se na cidade e no povo que o elegeu.
 
Douglas Gomes em 15/02/2013 18:49:26
Cuidado o boletim de ocorrência pessoal no que se escreve aqui....Bernal faz BO.....mas pensando bem...realmente a administração esta péssima e cada vez mais vai ficar péssima....so posso dizer te Bernal.....com Humildade vc chega -la.
"Desça do seu pedestal e vença o seu "ORGULHO".
 
ANDREA MOREIRA DE SOUZA em 14/02/2013 11:12:06
será que ainda não deu pra perceber que até as pessoas que trabalha junto dele não estão gostando desta administração? o povo está desiludido, muito triste mesmo
 
ely monteiro em 14/02/2013 06:12:02
Só é oposição a galerinha que já está a muito tempo no cargo sem realizar grandes feitos. Os mesmos que ano passado aumentaram os próprios salários antes do final do ano em 60%. Estão fazendo oposição porque perderam espaço depois que o PMDB teve que ir passear por 4 anos.
 
Andre Neves em 13/02/2013 20:51:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions