A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

28/11/2016 15:58

Prefeito eleito quer importar sistema baiano de GPS no transporte coletivo

Ricardo Campos Jr.
Marquinhos e Pedrossian Neto conhecem sistema de monitoramento por GPS do transporte coletivo (Foto: divulgação)Marquinhos e Pedrossian Neto conhecem sistema de monitoramento por GPS do transporte coletivo (Foto: divulgação)

Depois de uma conversa de duas horas com o prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto (DEM), o prefeito eleito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), visitou a central de monitoramento do transporte coletivo da capital baiana.

Veja Mais
Na Bahia, Marquinhos indica que renegociará dívidas e fará ajuste fiscal
Assessor de Marquinhos vai assumir IMTI e tem desafio de melhorar transparência

A cidade conta com um sistema de GPS nos coletivos que permite aos usuários acompanhar a localização dos ônibus em tempo real. Atualmente, a Capital sul-mato-grossense conta com sistema de rotas por meio de tabelas horárias, que não são tão precisas como no esquema de geoposicionamento.

Marquinhos conta que os soteropolitanos baixam aplicativos no celular que permitem, além de planejar itinerários, comunicar perda de objetos nos ônibus, reclamar da conservação dos carros e até mesmo comunicar assaltos. “Nós vimos, não é conversa, realmente funciona”, pontua o prefeito eleito.

O sistema está incluído no contrato de concessão do serviço de Salvador e foi uma das promessas de Trad na campanha eleitoral.

Assim que tomar posse, o prefeito eleito planeja dar os primeiros passos para colocar a ideia em prática. Além de levantar custos, ele precisa analisar como incluirá o sistema baiano no contrato do Consórcio Guaicurus, cuja validade é de 25 anos. “A meta é fazer isso funcionar dentro dos quatro anos de mandato”, afirmou o gestor público.

Medidas – Depois de conversar com o prefeito de Salvador, Marquinhos anunciou que irá renegociar dívidas e somar medidas de ajuste fiscal com redução de custeio para que a Capital sul-mato-grossense volte a se desenvolver.

O prefeito eleito da Capital está acompanhado por Pedrossian Neto, membro da equipe de transição e o deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM).

Com as medidas, no primeiro ano de sua gestão, segundo Marquinhos Trad, o prefeito de Salvador fez o que ele mesmo chamou de "zeladoria da cidade". Fechou os buracos, iluminou a cidade e tornou as praças públicas um espaço bem cuidado, limpo e seguro para as famílias.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions