A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

13/11/2016 09:53

Temer cortou 4 mil cargos e reduziu ministérios em 6 meses, aponta governo

Mayara Bueno
Presidente Michel Temer (PMDB). (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)Presidente Michel Temer (PMDB). (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Corte de cargos e redução no número de ministérios é o resumo do governo de Michel Temer (PMDB), que está no comando do País há seis meses, quando Dilma Rousseff (PT) foi afastada. O balanço foi feito pelo Palácio do Planalto e divulgado no sábado (12).

Veja Mais
Protesto contra medidas do governo Temer reúne mais de duas mil pessoas
Protesto contra propostas de Temer reúne 400 pessoas na Praça do Rádio

Neste período, o governo diz ter cortado "mais de 4 mil cargos" comissionados e reduzido o número de ministérios. No início de seu mandato, o presidente havia dito que reduziria de 32 para 23 as pastas. 

Na economia, a inflação desacelerou, houve redução de juros para financiamento de imóvel pela Caixa Econômica Federal e queda do preço da gasolina, ainda de acordo com o levantamento do Planalto.

Nas áreas de educação e saúde, o governo lembra a reestruturação do ensino médio, a criação do programa Criança Feliz e a continuidade do Mais Médicos.

Ainda cita a polêmica PEC (Proposta de Emenda Constitucional) do teto dos gastos públicos que tramita no Senado atualmente.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions