A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

13/05/2014 18:25

Pouco utilizado, Twitter tem público mais culto e 'intelectualizado' em MS

Helton Verão
Dois anos mais novo que o Facebook, o microblog foi criado em 2006, e tem o significado de “O que está acontecendo?” em português.Dois anos mais novo que o Facebook, o microblog foi criado em 2006, e tem o significado de “O que está acontecendo?” em português.

Que o Twitter nunca caiu no gosto do sul-mato-grossense, isso se pode concluir sem pensar muito. Basta tentar contar nos dedos quantos amigos você tem participando frequentemente da ferramenta. Você talvez não complete as duas mãos, ou uma.

Veja Mais
Em MS, drone é usado em festas e mapeamento ambiental
Iphone 7 chega à Capital; vale a pena pagar até R$ 4,3 mil?

A explicação por não se popularizar aqui no Estado é complexa, as comparações com Facebook são inevitáveis, até curtir a ferramenta tem, na verdade mudou no ano passado, quando se chamava ‘favorito’ ou ‘favoritar’, e o compartilhar dá lugar ao Retuitar (RT).

Entre os “tuiteiros” da Capital, a constatação é de que a ferramenta é utilizada por pessoas que gostam de ler mais, com filtros mais objetivos, profissionais e até intelectuais. “Não sei por quê não usam muito aqui (MS). Praticamente nenhum amigo meu tem e os que fizeram nunca tuitaram. Mas acho que no fundo, é porque as pessoas não gostam muito de ler, o Twitter não tem imagens, nem memes engraçados e também tem a dificuldade em se expressar em poucos caracteres, acho q isso tudo dificulta e dá preguiça no pessoal”, avalia a diretora de arte Ana Elisa Naveira (@anaelisabacon), 26 anos, que utiliza o microblog desde 2010.

Alguns amigos meus reclamam que não gostam do twitter poque não tem nada interessante lá  e eu sempre digo que provavelmente eles estão seguindo as pessoas erradas, avisa Ana Elisa"Alguns amigos meus reclamam que não gostam do twitter poque "não tem nada interessante lá" e eu sempre digo que provavelmente eles estão seguindo as pessoas erradas", avisa Ana Elisa
Música, notícias cotidianas, cultura... acho que só não procuro por mulheres solteiras, mas se falarem que são, eu sigo, comenta Porto"Música, notícias cotidianas, cultura... acho que só não procuro por mulheres solteiras, mas se falarem que são, eu sigo", comenta Porto

O analista de sistemas Rafael Porto (@punkmaldito), 32 anos, utiliza a rede social dos 140 caracteres desde 2008. Ele reafirma o filtro diferenciado e difere que as pessoas não precisam necessariamente ter uma amizade para se seguirem. “Acho que o filtro funciona melhor. O Facebook é bilateral, as pessoas têm que ter um laço de amizade que na verdade não se aplica. No Twitter você seleciona o que você vê sem esse vínculo, aí você transforma a sua timeline intelectual ou não, tá certo que dá para filtrar o que aparece no Face também, mas o vínculo de amizade estraga”, relata.

“Não acho que o Twitter seja mais intelectual que o Face, mas penso que os dois têm espaço para o humor e para a informação. Mas por ser menos popular aqui (MS), o Twitter acaba recebendo menos conteúdo irrelevante”, difere o jornalista Rogério Valdez (@rogeriovg), 26 anos.

O público é diferente, no meu Facebook tem meus amigos. No Twitter seguidores, pessoas que são de outros estados, Rogério"O público é diferente, no meu Facebook tem meus amigos. No Twitter seguidores, pessoas que são de outros estados", Rogério
Alguns usam o Twitter pra desabafo, outros pra crítica, outros pra notícias, mas vias de regra, as postagens chegam a ser mais direcionadas. comentou Barão"Alguns usam o Twitter pra desabafo, outros pra crítica, outros pra notícias, mas vias de regra, as postagens chegam a ser mais direcionadas". comentou Barão

Já o palestrante Anderson Barão (@Anderson_Barao), 32 anos, vê o microblog dos 140 caracteres como mais intelectual. “Acredito que seja mais intelectual sim, inicialmente por parecer algo com menos possibilidades de expressão que o Facebook. Apesar de se ver de tudo um pouco, percebe-se que as postagens são mais direcionadas e objetivas”, avalia.

Barão porém lembra que celebridades, esportistas e lideranças políticas ainda usam o Twitter como forma principal de comunicação, vinculando sua conta de twitter com outras mídias como Face e Instagram.

O analista de sistemas Porto completa a informação de Anderson: “Acho mais íntimo, mais próximo, tanto na forma de interagir como as pessoas que você considera celebridade ou astro que fizeram parte ou diferença na sua vida”, cita.

“Tenho a impressão de que no Twitter se concentra um pessoal q gosta mais de escrever, formadores de opinião de cinema, escritores, blogueiros e tudo mais. que muitas vezes ficam até conversando entre eles por lá e você pode ir acompanhando”, comenta Ana Elisa.

Mais veloz que SAC - Além das pessoas populares nas mídias, o Twitter se transformou em uma espécie de SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente) online e mais veloz do que depender dos tradicionais de cada empresa. Nesta semana ficou famosa a disputa entre as lojas Netshoes e Centauro, quando um seguidor citou que queria comprar o tênis que ambas tinham, pelo mesmo preço, então a partir daí elas travaram uma batalha pelo desconto, e claro quem ganhou foi o cliente.

História - Dois anos mais novo que o Facebook, o microblog foi criado em 2006, e tem o significado de “O que está acontecendo?” em português. A princípio era uma espécie de envio de mensagens curtas através do celular, em que você receberia um twich (vibração, em tradução livre) no seu bolso quando um update era enviado. O microblog tornou-se uma companhia separada em abril de 2007.

Em MS, drone é usado em festas e mapeamento ambiental
Apesar de não possuir regulamentação nem fiscalização, o uso do drone é cada vez mais comum no Estado. Os valores variam de R$ 500 para casamentos a ...
Iphone 7 chega à Capital; vale a pena pagar até R$ 4,3 mil?
A loja especializada em produtos Apple em Campo Grande, única no Estado, já está vendendo o aparelho. A primeira remessa está praticamente esgotada. ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions