A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

23/05/2015 08:42

Abuso e confusão sobre preferencial fazem esquina ser ponto de tragédias

Alan Diógenes
Com sinalização inadequada, cruzamento vira armadilha para motoristas. (Foto: Marcelo Calazans)Com sinalização inadequada, cruzamento vira armadilha para motoristas. (Foto: Marcelo Calazans)
Jonas disse que acidentes são frequentes em cruzamentos do bairro. (Foto: Marcelo Calazans)Jonas disse que acidentes são frequentes em cruzamentos do bairro. (Foto: Marcelo Calazans)

Motoristas que passam pelas ruas da Vila Jacy fazem confusão quanto a preferência das vias e acidentes ainda são frequentes na região. A falta de sinalização e o abuso de alguns condutores também têm contribuído para que as colisões aconteçam.

Veja Mais
Lixo deixado pela prefeitura causa acidentes na Avenida Guaicurus
Após se envolverem em acidentes, quatro são presos por dirigirem embriagados

A atendente de padaria Briza Gomes de Queiroz Machado, 24 anos, é uma das vítimas desta situação. No sábado (9) ela havia saído de seu local de trabalho, por volta das 18h, quando foi atropelada por uma caminhonete. A trabalhadora que tem dois filhos de 3 e 5 anos está em coma no hospital.

O acidente aconteceu a mil metros da padaria onde ela trabalha, no cruzamento da Avenida Brigadeiro Tobias com a Europa. Briza vinha em uma motocicleta pela Brigadeiro Tobias, sentido bairro/centro, quando foi atingida pelo veículo que vinha na mesma avenida, mas sentido centro/bairro e fez uma conversão para entrar na Europa.

“Ela está daquele jeito no hospital, morre e não morre, o estado ainda é grave. No dia do acidente só não aconteceu o pior porque o Corpo de Bombeiros e o Samu chegaram rápido para socorrê-la. O certo seria eles colocarem um redutor de velocidade nestas ruas”, comentou o proprietário da padaria Gustavo Dorigão, 34.

A secretária Débora Costa, 33, que mora em uma casa próximo ao cruzamento, falou que devido ao grande fluxo de veículos nas vias, principalmente no horário de pico, é impossível a travessia de pedestres. “A gente fica esperando mais de meia hora e não consegue atravessar. Moro aqui desde quando nasci e sempre foi assim. Não deixo minha mãe idosa nem ir ao mercado com medo de algo ruim venha acontecer”, apontou.

 

Funcionária de Gustavo está em coma, após acidente em cruzamento. (Foto: Marcelo Calazans)Funcionária de Gustavo está em coma, após acidente em cruzamento. (Foto: Marcelo Calazans)
Para Meire, ideal seria a implantação de semáforos ou lombadas de concreto. (Foto: Marcelo Calazans)Para Meire, ideal seria a implantação de semáforos ou lombadas de concreto. (Foto: Marcelo Calazans)

Para a gerente de um pet shop próximo, Meire Crispim, 39, o ideal seria a instalação de um semáforo ou lombada de concreto. “As sinalizações verticais e horizontais estão apagadas, é por isso que os motoristas fazem confusão quanto a preferência. Algo tem que ser feito para resolver isso, porque se não haverá mais vítimas”, mencionou.

Os moradores também pedem mais segurança no trânsito temendo que atropelamentos aconteçam, já que a Escola Estadual Dona Consuelo Muller e a Escola Municipal Brigida Ferraz Foss ficam no bairro. Por exemplo, cruzamentos como o da Rua José Paes de Farias com a Brigadeiro Tobias, e o da Europa com a Brigadeiro Machado também são perigosos.

“Toda hora passa uma carro raspando em outro por aqui. A gente está dentro de casa e acaba escutando o barulho das batidas. Vizinho tambem falam que viram acidentes acontecerem”, finalizou o músico Jonas Moreira da Silva.

A Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) informou que a Vila Jacy já está prevista como uma das prioridades dentro do cronograma da agência, já que está contemplada no primeiro lote de licitação de sinalização horizontal e vertical.

Segundo a agência, os cruzamentos da Avenida Brigadeiro Tobias com a Avenida Europa e Rua José Paes de Farias também estão em processo licitatório. Como o orgão está contratando o serviço de sinalização semafórica para região, se tudo correr dentro da normalidade, a previsão de início das obras é de 60 dias.

Marcas de sangue na calçada mostra a violência do último acidente no local. (Foto: Marcelo Calazans)Marcas de sangue na calçada mostra a violência do último acidente no local. (Foto: Marcelo Calazans)
Destroços de veículos também são encontrados no chão. (Foto: Marcelo Calazans)Destroços de veículos também são encontrados no chão. (Foto: Marcelo Calazans)
Após se envolverem em acidentes, quatro são presos por dirigirem embriagados
Quatro pessoas foram presas na noite deste sábado(16) e madrugada de domingo(17), por estarem dirigindo embriagadas. Nos três casos os autores se env...
Traficante se envolve em dois acidentes durante fuga e é preso no Aero Rancho
Eduardo da Silva Leandro, de 32 anos, foi preso na tarde desta quinta-feira (14) após furar bloqueio policial, se envolver em dois acidentes e abando...



Asfalto em péssimo estado, sinalização inexistente, FISCALIZAÇÃO ZERO, condutores mal educados.... Não é à toa que os hospitais estão lotados de acidentados. Precisamos de ações efetivas da prefeitura, da PM e da Agetran para acabar com a sensação de "terra sem lei" que prevalece no trânsito da cidade!
 
Luiz Pereira em 23/05/2015 10:18:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions