A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

29/06/2013 08:49

Acidente em cruzamento deixa motorista ferido e veículo destruído

Francisco Júnior e Aliny Mary Dias
Corcel ficou destruído. (Foto: Aliny Mary Dias)Corcel ficou destruído. (Foto: Aliny Mary Dias)
Acidente aconteceu em cruzamento no Aero Rancho. (Foto: Aliny Mary Dias)Acidente aconteceu em cruzamento no Aero Rancho. (Foto: Aliny Mary Dias)

Acidente no cruzamento da Avenida Thirson de Almeida com a Rua Antonio Soares, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, deixou um homem ferido e um veículo destruído na manhã deste sábado (29).

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

De acordo com testemunhas, o veículo Fiat Uno, conduzido pelo funcionário de um laboratório, foi atingido por  um Corcel, dirigido por Marcos Lescano, de 32 anos.

Lescano conta que seguia pela Rua Antonio Soares e como não viu nenhum veículo se aproximando, cruzou a Thirson de Almeida e provocou a colisão. “ Eu não vi que estava vindo outro carro”, diz.

Com o impacto da batida, a porta do Uno foi arrancada e o veículo lançado para o outro lado da via parando na calçada.

A vítima não sofreu ferimentos graves e foi encaminhada para o posto de saúde do bairro Guanandi. O condutor do Corcel saiu ileso.

 




placa de PARE é pra parar e não para dar uma olhada e entrar.
 
REGINALDO BARBOZA DA SILVA em 29/06/2013 23:08:31
Não tem essa de "olhei e não vinha ninguém", lá tem uma placa de pare e pelo jeito o condutor do corcel não sabe ler!
 
Alexandre de Souza em 29/06/2013 19:04:21
Na minha opinião ninguém bate o carro porque quer, às vezes acontece de você olhar para os lados e não ver ninguém, sempre acontece isso , e se o outro condutor estivesse na velocidade correta daria tempo de ser evitado o acidente, nós que somos condutores nunca estaremos livre de nos envolvermos em acidente , portanto por isso não podemos ficar julgando ninguém.
 
Rosemeire Oliveira em 29/06/2013 14:28:50
Essa história de " Não vi ", já é papo furado, ele não parou onde deveria, e acabou provocando a colisão, no mínimo deve pagar todo o conserto do outro carro, e rápido.
 
Jorge Luís em 29/06/2013 13:26:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions