A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

03/02/2014 11:05

Acidente entre moto e caminhão mata mulher de 28 anos na Capital

Aliny Mary Dias e Viviane Oliveira
Acidente ocorreu na manhã desta segunda-feira (Foto: Viviane Oliveira)Acidente ocorreu na manhã desta segunda-feira (Foto: Viviane Oliveira)

Após perder o controle da direção em uma curva do prolongamento da Avenida Marquês de Pombal, uma motociclista de 28 anos colidiu em um caminhão, em frente ao Residencial Damha na Capital, e morreu na manhã desta segunda-feira (3).

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

Valéria de Oliveira Pinto conduzia uma Honda Biz e, segundo testemunhas, perdeu o controle da direção da moto em uma curva estreita. Roque Roberto Sacoman, de 58 anos, dirigia o caminhão-baú usado em entregas de um supermercado da região.

O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas quando os socorristas chegaram a jovem já estava morta. Valéria completaria 29 anos no dia 15 de fevereiro.

Conforme relatos do motorista que está bastante abalado, a motociclista estava em alta velocidade. “Ela já estava colocando as pernas no chão e bateu no caminhão, eu conheço bastante a região e as pessoas têm que tomar cuidado nessa curva”, diz Roque.

Policiais do BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito) fizeram o teste do bafômetro no motorista, procedimento padrão em caso de mortes, mas o resultado foi negativo. A perícia da Polícia Civil é aguardada no local.

Imprudência – O comerciante Wagner Augusto Rudigner, 37 anos, conta que passa diariamente pelo local de carro e que o perigo é grande na região.

A falta de uma placa de sinalização e da pintura das faixas que separam os sentidos da via também são pontos de reclamação do motorista. “As pessoas abusam da velocidade porque pensam que não é movimentado. Uma placa avisando seria o suficiente”, completa.




Tenho Comércio na Av. Marquês de Pombal, e já perdi as contas de tantos acidentes que presenciei,infelizmente a maioria é devida a velocidade e imprudência, porém nada se faz em relação aos pedidos de semáforos em alguns pontos críticos e quebra molas, que com certeza diminuiria esse número alarmante de acidentes e mortes. Esperar que o governo faça algo é inútil, então o que resta é cada um fazer sua parte,respeito e calma no trânsito...Que Deus conforte essa e muitas tantas famílias que passaram por isso.
 
Izabel Pereira em 04/02/2014 13:00:59
É muito triste ver mais uma vida se acabando de uma maneira tão trágica,se é imprudência ou não,isso foi uma fatalidade onde ninguém deve julgar!
Agora vamos lá... Esse trecho realmente não é dos mais seguros,mas vamos combinar!
Essa via era tomada pela escuridão,e foram anos de reclamações e pedidos até que a poucos meses atrás foram colocados os postes de iluminação,deixando a via mais segura,até mesmo pelo fato de varias pessoas caminharem por ali.
Chega ser revoltante ver as pessoas criticarem tanto,nunca estão contentes com nada!
Antes reclamavam pq era muito escuro e colocava em risco a vida daqueles que passavam por ali,agora reclamam dos postes... AHHH!!! Espera aí! Cuidado temos que ter em qualquer lugar!
 
Mayara Vidoto em 03/02/2014 21:40:37
QUE DEUS CONFORTE OS CORAÇÕES DESSA FAMILIA...FILHA DE MEU AMIGO, MAURO.....SINTO MUITA SAUDADES DE MEU FILHO Q TB. FOI TRAGICAMENTE EM UM ACIDENTE Q VITIMOU MEU FILHO...E A IMPUNIDADE CONTINUA...MEU SENTIMENTOS PROFUNDOS AOS FAMILIARES
 
FILADELFIO S E TERENCIO em 03/02/2014 21:15:59
Meus sentimentos à família e amigos. Força nesse momento de inesperada despedida.
Conheci a Valéria, pessoa linda, simpática, inteligente... sempre sorrindo e transmitindo alegria por onde passava.
Deixa muitas saudades e lindas lembranças, especialmente entre os colegas e amigos do curso de Ciências Sociais da UFMS.
Descanse em paz linda Valéria!!!
 
Lilian Ricci em 03/02/2014 21:02:53
Ninguém esta livre de acidente, é muito fácil falar, quando a fatalidade não é com alguém de sua família, as vezes não da pra ser evitado. Meus sentimentos a família, e a minha irmã e amiga Cida, DEUS lhe de o conforto.
 
Sueli Alves em 03/02/2014 19:38:37
Passo diariamente pelo local, possivelmente um buraco bem no meio da pista e pouco antes de onde ocorreu a batida possa ter relação com o acidente, já que o motorista diz que a moça já vinha se desequilibrando na moto. Vejam bem que estamos acabando de pagar o nosso IPVA e nossas ruas continuam cheias de buracos, constituindo armadilhas principalmente para motos.
 
Emilson Fernandes em 03/02/2014 19:07:55
A Familia em especial irmã Cida,Deus conforte seu coração e te de a Paz.
Sei que como mãe vc fez tudo por Valeria.
 
Lindaura Lopes Rocha em 03/02/2014 19:02:25
Conheci a Valéria, fiquei muito triste com a noticia...meu Deus tão jovem e tinha tudo pela frente ainda, que Deus conforte o coração de toda familia.
 
Adriane Alce em 03/02/2014 16:38:24
complicado as vezes a pressa acaba gerando acidente, meus sentimentos a família da vitima e aos companheiros motociclistas atenção, atenção e muito cuidado com os demais.
 
Douglas Cavalcante em 03/02/2014 16:14:17
-.Professora sei que a senhora está em boas mãos agora não sei oque fazer sem as aulas da senhora estou muito triste...
 
jefferson eduardo em 03/02/2014 15:55:39
Meu Deus que tragédia! Valéria uma menina alegre, uma pessoa maravilhosa. Sentiremos muitooo sua falta, que Deus possa confortar toda sua família
 
Silvia Garcia em 03/02/2014 15:23:59
Anderson,

Eu conhecia a Valéria, ela era do tipo de condutora atenta e prudente. Eu não sei o que aconteceu, mas seu comentário não foi dos melhores.

E na boa, Placa ajuda sim a evitar acidentes, tá aí o comerciante da região alertando sobre o problema na matéria.

Então não julgue a menina e respeite a sua família neste momento de dor.

 
Sérgio Souza Júnior em 03/02/2014 14:16:08
Já presenciei por diversas vezes abusos nessa região, motoristas tendo que subir no gramado para não ser atingidos de frente com outros carros que ultrapassam nas curvas e agora pra piorar a situação instalaram iluminação publica e os postes estão muito próximos a via, agora o cuidado tem q ser redobrado, principalmente por motociclistas pois são mais vulneráveis.
 
Everton Conde em 03/02/2014 13:15:44
Mais uma vida ceifada, precoce e brutalmente. Que Deus leve o conforto a todos de sua família. Não há nada que se possa dizer para amenizar tal dor. Àqueles que diáriamente trafegam com motocicletas em Campo Grande, um alerta: por favor, tenham prudência e sejam muito, muito cuidadosos. Não corram, não cometam irregularidades, cuidem dos demais veículos, pois a vulnerabilidade a que estão expostos não permite falhas. É muito triste ver pessoas jovens e cheias de vida perderem suas vidas por conta de acidentes no trânsito, na imensa maioria das vezes por não terem o devido cuidado. Consternado pela perda de mais uma dessas vidas, torço para que a consciência coletiva se atente para estas tragédias tão frequentes buscando reduzir este índice absurdo de acidentes com vítimas.
 
Douglas Britez Godoy em 03/02/2014 12:54:25
Que Deus abençoe e conforte esta familia pela perda.
 
silvana baroni em 03/02/2014 12:28:41
Moro no bairro, além das curvas tem também os poste de iluminação que ficam muito proximo da via. Há necessidade de melhorias nesse trecho. Fica a dica.
 
santos filho em 03/02/2014 12:22:39
PLACA E SINALIZAÇÃO NÃO "EVITA" ACIDENTE, O CONDUTOR SIM.
 
Anderson Souza em 03/02/2014 12:12:46
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions