A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

19/11/2011 19:10

Adolescente que morreu em acidente faria 16 anos na terça-feira

Wendell Reis e Fernando da Mata
José Eduardo foi arremessado para fora do veículo e morreu no local(Foto: Fernando da Mata)José Eduardo foi arremessado para fora do veículo e morreu no local(Foto: Fernando da Mata)
Polícia informou que adolescentes estavam em uma festa e saíram para comprar cerveja. (Foto: Fernando da Mata)Polícia informou que adolescentes estavam em uma festa e saíram para comprar cerveja. (Foto: Fernando da Mata)

Foi identificado como José Eduardo Menegati Tavares Manzione, 15 anos, o adolescente que faleceu em um acidente na tarde deste sábado (19), na avenida Redentor, próximo ao bairro Cidade Jardim, em Campo Grande. O tio da vítima informou a nossa reportagem que o adolescente faria 16 anos na próxima terça-feira (22).

Veja Mais
Grupo ferido em capotamento estava em churrasco; motorista morto teria 15 anos
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber

José Eduardo foi arremessado para fora do veículo e morreu no local. Outros cinco adolescentes foram encaminhados a Santa Casa de Campo Grande, sendo que um deles em estado grave. Durante o acidente o carro saiu da pista, derrubou uma árvore e foi parar a 80 metros de distância, com as rodas para cima.

Milton Tobias, 38 anos, informou que acompanhava o jovem desde o pontilhão próximo ao acidente. Ele relatou que o carro já tinha escapado por pouco de um acidente a poucos metros do capotamento. Segundo Milton, o jovem que conduzia o veículo percebeu que não conseguiria fazer a curva na rotatória e tentou trazer o veículo de volta para a pista, mas acabou capotando.

Uma das rodas do veículo foi parar a mais ou menos 50 metros do local do acidente. Pelo local foram encontradas, aproximadamente, cinco garrafas de cerveja. O nome das demais vítimas ainda não foi divulgado. Segundo o Corpo de Bombeiros, todos os ocupantes estavam sem cinto de segurança.




Será que na festa onde os adolescentes estavam haviam adultos? Eles também devem responder pelo fato ocorrido. Como foi permitida a saída de jovens bêbados de uma festa sem ninguém interferir?
E o estabelecimento comercial que está vendendo bebidas a menores? Como vamos confiar na lei que proíbe a comercialização de bebidas alcoólicas a menores?
 
lucas Moreira em 22/11/2011 12:35:27
É lamentável, é triste, mas precisamos tirar uma lição disso tudo: a participação dos pais na vida dos filhos é muito importante, é preciso cobrar, impor regras , limites, não dói dizer não a um filho, o que dói é chorar a falta deles pelo resto da vida. Dizer não é um gesto de amor. Que as famílias econtrem o conforto necessario mas também repensem sobre educação de seus filhos daqui pra frente.
 
Daniela Silva de almeida em 21/11/2011 12:55:30
que as familias dessas crianças tenham o conforto de deus ,numa fatalidade destas é pobrez de espirito querer determinar culpas , as pessoas devem sem caridosas , os outros detalhes ´são para serem definidos por autoridades competentes . deus ilumine a todos que estão sofrendo muito com isto.
 
zulmira hamzo em 21/11/2011 11:24:30
situação complicada, e triste não podemos ficar criticando e sim pensar no estado da família colocar-se no lugar dos pais e sentir oque eles estão sentindo perder um filho com 16 anos não tem coisa pior. meus pêsames a família e amigos.
 
Rodrigo Brandão em 21/11/2011 10:39:24
Não adianta fazer campanhas de educação no trânsito se não mudar a "cultura" do beber. O hábito de beber faz parte da nossa cultura, chega a ser costume doméstico. É normal beber para fazer amigos, para ser aceito, para ficar feliz, para conquistar a gata mais bonita, e por aí vai...álcool mata, vicia. Isso deve ser ensinado desde a infância, lá na família.
 
Bianka Constantino em 20/11/2011 12:17:06
Gabriel Gabino: Quem mata é o homem e não os meios!!! sem dúvida é muito triste perdermos pessoas de quem gostamos, mas nos acidentes de trânsito o que impera é a imprudência, seguida em alguns casos de imperícia. Se as vias são boas, o motorista corre demais, qdo a pista é esburacada ninguém bate, pois ninguém corre...fiscalização? será q vamos ter q colocar um policial em cada carro!!???
 
laercio souza em 20/11/2011 12:11:12
ainda bem q não matou nenhum inocente, q sirva de lição...
 
marcos ferraz em 20/11/2011 12:04:46
LAMENTÁVEL. MAIS UMA TRAGEDIA ACONTECIDA EM NOSSA CIDADE. E MAIS LAMENTAVEL AINDA É SABER QUE OS PAIS DEIXAM SEUS FILHOS SAIREM POR AÍ SEM NOÇÃO DO PERIGO.
 
antonio ferreira. em 20/11/2011 11:00:17
Senhores LEGISLADORES que só pensam no próprio umbigo, façam como em São Paulo: PROÍBAM A VENDA DE BEBIDAS PARA MENORES ! Realmente, era uma tragédia anunciada. Muito triste !
 
Vania Albuquerque em 20/11/2011 10:55:02
para acabar com a impunidade de motoristas andarem embriagados, é preciso antes de tudo fazer uma reciclagem com os que já estão no volante, isto é, dos habilitados. nesse caso quem comete crime não é o adolescente, mas sim quem cedeu a chave aos menores.
 
Luis Claudio de Quadros em 20/11/2011 10:52:59
Nessa h o melhor é tentar confortar a familia, q esta sofrendo, e não bombardear c criticas, sejamos filhos de deus e e vamos escrever palavras de conforto, pq n é facil perder alguem no qual amamos tanto!! Educar n tem receita!!! bjs obrigado!! Fiquem todos c deus!!
 
vanessa moura em 20/11/2011 09:23:47
parem de julgar, não é hora para isso! não falem o que não estão sabendo ! ignorantes!
 
isabella castello em 20/11/2011 07:53:02
Vania Albuquerque, São Paulo não é um oásis de civilidade no Brasil. A venda de bebida alcoólica a menores de idade é proibida no país todo. "Art. 81. É proibida a venda à criança ou ao adolescente de: [...] II - bebidas alcoólicas;..." - trecho do Estatuto da Criança e do Adolescente (em vigor em todo o território nacional desde 1990).
 
Renan D. Vilalba em 20/11/2011 05:44:38
Gabriel Gabino Moreira
Os culpados nesse acidente são: os ''menores'' e possivelmente os pais que não deram educação e limites para esses garotos, 99% dos acidentes os culpados são os motoristas, já passou da hora de as pessoas ASSUMIREM responsabilidade sobre seus atos, quem tem que educar os filhos são os pais, não o governo
Todo mundo sabe que é errado beber e dirigir não tem essa de acidente
 
Roberto Inzagaki em 20/11/2011 05:31:08
Essa é a famosa seleção natural, os incosequentes morrem mais cedo não adianta chorar, sorte que pelo menos desta vez não levaram nenhum inocente.
 
Roberto Inzagaki em 20/11/2011 05:26:30
Só falta chegarem a conclusão que a culpar foi da polícia; a hipocrisia reina na sociedade, todos querem uma legislação mais eficaz na questão do álcool e direção, mas desde que seja aplicada aos "outros"..... e assim seguimos vendo tragédias como esta ceifar vidas de jovens. Até quando......
 
marcio leite em 19/11/2011 11:16:24
Ja vi esse filme. 5 jovens, bebida, alta velocidade, tragédia e ainda no mesmo lugar. Em 1999 perdi um amigo neste acidente que ficou marcado na memória de todos que tiveram uma perda. Mas a via continua do mesmo jeito, mal sinalizada, mal conservada e sem os equipamentos próprios para policiar o trafego. O que é feito com o dinheiro de impostos e multas que pagamos ao DETRAN?
 
Gabriel Gabino Moreira em 19/11/2011 10:30:15
que deus abençoe esta familia,que alivie este sofrimento,sei que não e facio,mais deus vai estar aõ lado de vcs ,sei que ele esta descansando ao lado de deus
 
duda motta em 19/11/2011 09:59:32
fico muito triste com o acontecido,tenho um filho de 15anos,que alias era conhecido dos adoleçentes que estavão no carro,eu sei o quanto e dificio educar um adoleçente, o qto e dificio colocar na cabeça deles os perigos da vida,pq como todos os adoleçentes eles sempre achaõ que podem tudo,e que sabem tudo,sem pensar nas consequecias,e no sofrimento dos pais,falamos todos os dia, rezamos muito..


 
duda motta em 19/11/2011 09:45:19
É um momento de grande dor para os pais do jovem José Eduardo; no entanto a quem inculpar? Carro nas mãos de um adolescente de 15 anos, sem maturidade, é um perigo! E a bebida? Não é melhor dizer não, impor limites, a ter que chorar a vida toda? É duro, me desculpem a família, também sou pai e avo, mas é hora de repensar os limites dados aos adolescentes. Deus dê conforto à família, e os abençoe
 
Douglas Silva de Deus em 19/11/2011 09:41:13
Mas uma vez acontece tragedias desse tipo em Campo Grande , cade os pais que nao fiscalização seus filhos , cade as autoridades que nao fazem a fiscalização devida ,nos bares a noite , postos de combustiveis, conviniencias, porque amanha podem ser os filhos dos senhores deputados , vereadores, ai será tarde !!acorda senhores ilustres governantes
 
jose cavalquante em 19/11/2011 09:28:46
É lamentável o ocorrido acima, um jovem que completaria 16 anos no próximo dia 22, morrer brutalmente em um acidente de trânsito, causados por consumo de bebida alcoólica e direção de menor de idade. Fico triste em saber desta noticia, deixando aqui meus pêsames a família desse jovem que faleceu. É difícil argumentar, o que fica claro é que esse trânsito caótico pede socorro para evitar mais morte
 
klaus fantin em 19/11/2011 09:21:23
Vi a dor da mãe no momento. Algo inesquecível que serve para todos termos consciência de nossos atos, que muitas vezes são falhos, como neste. Fé.
 
Edu Lima em 19/11/2011 09:10:42
Que pena, eu estava la no momento da batida ... e o pior de tudo que os amigos estavam na festa moravam bem perto do acidente, todos em panico. Agora como que um rapaz de 15 anos pega o carro, quem deu o carro para a ele? e se ele tivesse acertado uma familia? Eu sou pai, e fiquei em estado de choque com o acidente.
 
wellington luxemburgo em 19/11/2011 08:50:22
Quero dar meus sincero sentimentos para familia este jovem, tambem quero comentar que a cada dia as mortes de transito estao acontecendo com pessoas bem jovem me parece que eles estao acabando de tirar a carteira e se achando o dono do mundo colocando a sua propria vida e das outras pessoas em risco, por isto devemos colocar a mao na conciência e dirigir com segurança e nao com velocidade,
 
Claudete Martinez de Souza em 19/11/2011 08:44:09
ALTA VELOCIDADE + ALCOOL + IMPRUDENCIA + MENOR DIRIGINDO + SEM CINTO(SE É QUE DE CINTO TERIA SOBREVIVIDO DEVIDO A VELOCIDADE) = MORTE NA CERTA!! SINTO PELA FAMILIA, MAS TEM SIM A SUA PARCELA, ALIAS TODA A CULPA POR TER LIBERADO O CARRO, AINDA MAIS UM CARRO DESSA MARCA QUE QUANDO REQUISITADO VOA BAIXO MESMO!!
 
CARLOS DAMASCENO em 19/11/2011 08:43:42
Ainda bem que não morreu ninguém inocente !!!
 
Édipo Antunes em 19/11/2011 08:42:12
Mais uma vez concordo plenamente com a proibição do alcool. Ainda bem que nossos politicos estão conscientes da importancia dessa medida. Isso tem que acabar.
 
JOSÉ PEREIRA FILHO em 19/11/2011 08:18:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions