A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

20/12/2014 09:45

Advogado bêbado para no sinal, "apaga" e nem bombeiro acorda

Luciana Brazil e Michel Faustino
Corpo de Bombeiros precisou quebrar o vidro para abrir o carro. (Foto: Marcos Ermínio)Corpo de Bombeiros precisou quebrar o vidro para abrir o carro. (Foto: Marcos Ermínio)

A história a seguir poderia ter um fim trágico, mas, por sorte, o desfecho apenas impressiona. Um advogado de 28 anos dormiu ao volante por, aproximadamente, duas horas, depois de parar no sinal vermelho, na manhã de hoje (20), no prolongamento da Via Parque, em Campo Grande. Bastante alcoolizado, o rapaz “apagou” com a cabeça sobre a direção e nem mesmo o barulho do Corpo de Bombeiros, quebrando o vidro do carro, foi possível para que ele pudesse recobrar a consciência.

Veja Mais
Carro capota após colisão no cruzamento da Bahia com a Barão do Rio Branco
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves

Com uma pulseira no pulso, dessas usadas em camarotes de festas, o advogado, que dirigia uma caminhonete Hilux SW4, no sentido bairro-centro, parou no semáforo, em frente a um posto de gasolina, mas depois que o sinal ficou verde para a passagem o carro continuou no local. Os frentistas do posto estranharam o veículo parado por tanto tempo.

Ao chegar próximo ao carro, que estava com as portas travadas e com os vidros fechados, eles tentaram, incessantemente, chamar o motorista, batendo no vidro, mas não adiantou. Os funcionários do posto sinalizaram a via com cones para evitar uma batida.

O sistema automático da caminhonete evitou outro acidente, que seria o veículo desgovernado descendo na avenida, podendo até cair no córrego.

Um produtor de hortaliças que passava pelo local parou o carro para ajudar. Ele conta que quando bateu no vidro, o rapaz mexeu a cabeça e caiu para o lado do passageiro. Eles ainda tentaram acordar o advogado buzinando, mas ele não reagiu mais.

“Não sabíamos se ele estava morto e chamamos o Corpo de Bombeiros”, disse o produtor Wendel Martins, 32 anos.

Os militares tiveram que quebrar o vidro traseiro do carro para ter acesso as travas da porta e resgatar o motorista. O que mais impressionou aos que acompanhavam o resgate é que nem mesmo com o Corpo de Bombeiros quebrando o vidro o rapaz acordou, tamanho o grau de alcoolemia em que estava.

Os militares mantiveram o rapaz por algum tempo dentro do carro até que ele melhorasse, o que não tinha acontecido até o Campo Grande News deixar o local. O Corpo de Bombeiros informou que o condutor seria levado para uma unidade de saúde. Duas motos e uma viatura atenderam a ocorrência.

A identidade do advogado não foi divulgada. O caso relembra os diversos registros de acidentes fatais que acontecem por causa de condutores alcoolizados. Desta vez, o motorista apenas dormiu, mas a história poderia terminar bem diferente.




Que vergonha , hein Doutor?
 
henrique luiz mayer nunes em 20/12/2014 18:32:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions