A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

09/04/2012 13:09

Ao ser “fechado”, motorista colide em poste e carro pega fogo

Elverson Cardozo
Veículo ficou completamente destruído. (Foto: Marlon Ganassin)Veículo ficou completamente destruído. (Foto: Marlon Ganassin)

Leandro Carlos da Silva, de 29 anos, ficou ferido após colidir o veículo que conduzia contra um ponto de ônibus e, em seguida, em um poste, no prolongamento da avenida Coronel Antonino, em Campo Grande. Com o impacto, a fiação elétrica caiu sobre o carro que pegou fogo. Além do motorista, uma mulher, ainda não identificada, sofreu ferimentos leves.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

O acidente aconteceu na avenida Cônsul Assaff Trad, no bairro Nova Lima, por volta das 12h30. Segundo testemunhas, para desviar de um veículo que o fechou próximo ao retorno da Coronel Antonino, Leandro Carlos - que conduzia um Corsa Sedan – perdeu o controle da direção e acabou se chocando contra um ponto de ônibus.

Em seguida, atingiu o poste de energia. Fios de alta tensão se desprenderam e caíram próximo ao carro, que pegou fogo logo em seguida. Além do veículo – que ficou completamente destruído, o fogo atingiu parte do mato às margens da via.

Antes de o carro ser tomado pelas chamas, Leandro e a passageira foram retirados por populares. Eles foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados à UPA (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Coronel Antonino.

Bombeiros tiveram dificuldade para controlar as chamas porque rede de alta tensão caiu perto do carro. (Foto: (Marlon Ganassin)Bombeiros tiveram dificuldade para controlar as chamas porque rede de alta tensão caiu perto do carro. (Foto: (Marlon Ganassin)

O motorista sofreu escoriações e apresenta suspeita de fratura no braço direito e costelas. Já a mulher, segundo o serviço de emergência sofreu apenas ferimentos leves.

O condutor do veículo que, segundo testemunhas, pode ter provocado o acidente, foi parar no meio do canteiro. Mas, mesmo assim, deixou o local sem prestar socorro.

Funcionário de uma empresa de terraplanagem localizada na mesma via, o auxiliar de topógrafo Flávio Silva, de 21 anos, afirmou que se assustou ao ouvir o barulho da colisão. “Sai para ver o que era e ele [o motorista] estava sendo arrastado”, conta.

Para controlar o incêndio o Corpo de Bombeiros utilizou cerca de 1,5 mil litros de água. No trecho onde o acidente aconteceu a via ficou interditada, mas o trânsito não chegou a ficar tumultuado.




O motorista desse veículo alega que foi 'fechado', mas constantemente, veículos em geral trafegam em alta velocidade nessa avenida.
O último redutor de velocidade está próximo a UBS Nova Bahia e até o trevo do novo Shopping tem aproximadamente 04 km, onde motorista passam "voando baixo" sem nenhum impedimento.
 
Luciano Silgueiros em 09/04/2012 09:36:22
Parabéns mais uma vez ao corpo de bombeiros pelo trabalho realizado,graças adeus sem vitimas fatais.
 
marli borges em 09/04/2012 06:39:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions