A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

18/01/2016 18:00

Caminhão “fura” sinal, colide com Celta e motorista fica presa às ferragens

Michel Faustino e Alan Diógenes
Carro ficou completamente destruído e vitima precisou ser retirada das ferragens. (Foto: Fernando Antunes)Carro ficou completamente destruído e vitima precisou ser retirada das ferragens. (Foto: Fernando Antunes)
Veículo foi parar na calçada em decorrência da batida com o caminhão. (Foto: Fernando Antunes)Veículo foi parar na calçada em decorrência da batida com o caminhão. (Foto: Fernando Antunes)

Acidente envolvendo um caminhão carregado de azulejos e um veículo Celta no cruzamento da Avenida Neli Martins com a Rua Giocondo, ocorrido no fim da tarde desta segunda-feira (18), deixou uma mulher, de 31 anos, ferida. Com o impacto da batida, o veículo foi parar do outro lado da via e ficou completamente destruído. A vítima precisou ser retirada das ferragens.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

Segundo informações de testemunhas, a condutora do Celta, identificada como Carolina Sato, 31 anos, trafegava pela Rua Giocondo e ao cruzar a Avenida Neli Martins foi colida pelo caminhão que teria avançado o sinal vermelho. O motorista nega.

Com o impacto da batida, o veículo de passeio foi parar na calçada do outro lado da via e ficou completamente destruído. Equipe de resgate do Corpo de Bombeiros precisou utilizar equipamento conhecido como desencarcerador para retirar a vítima do veículo.

A aposentada Nídia Sato, 62 anos, contou que a filha tinha acabado de sair do serviço e estava indo para casa, que fica a poucas quadras do local do acidente.

“Ela sempre foi cuidadosa no trânsito e tem carteira há muito tempo. Acredito que o motorista do caminhão estava muito rápido e não conseguiu parar e aconteceu isso”, lamentou.

De acordo com o tenente do Corpo de Bombeiros, Jorcinei de Souza, a motorista teve um edema na cabeça por conta da pancada, mas estava consciente e orientada. Ele foi socorrida e encaminhada para a Santa Casa de Campo Grande para exames complementares.

O trânsito ficou lento no local em decorrência da interdição parcial da via. Equipe da Bptran (Batalhão de Trânsito da Polícia Militar) está no local auxiliando no fluxo dos veículos.

Caminhão “fura” sinal, colide com Celta e motorista fica presa às ferragens



O sinaleiro da Av. Nelly Martins (Via Park) tem câmera com radar. A rua Giocondo não tem câmera. A minha experiência de passar diariamente ali é que os motoristas na via park param religiosamente, e mesmo com sinal aberto passam aos exagerados 30 km/h (o limite é de 50 km/h mas poucos sabem ler placas :( ) No entanto, muitos motoristas trafegando na rua Giocondo furam o sinal, ainda mais porque ali é três tempos e estão sem paciência esperar o pessoal do outro lado, na maioria passando reto.
Se o caminhão realmente furou o sinal, estará filmado. Se o carro furou o sinal, não vai ter foto, mas do mesmo jeito vai ser evidente o que aconteceu. É só esperar a pericia tirar os fotos da memoria da camera. É por isso que para mim TODOS os cruzamentos da cidade deveriam ter camera.
 
Marc em 18/01/2016 22:42:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions