A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

08/04/2016 16:56

Capotagem fere três pessoas, causa lentidão e bombeiros isolam local

Paulo Yafusso e Ricardo Campos Jr
Mesmo com a chuva, muitos curiosos se aglomeraram no local e foi preciso o Corpo de Bombeiros fazer o isolamento (Foto: Alan Nantes)Mesmo com a chuva, muitos curiosos se aglomeraram no local e foi preciso o Corpo de Bombeiros fazer o isolamento (Foto: Alan Nantes)

A combinação chuva e distração ao volante pode ter sido a causa de acidente que resultou no capotagem de um Renault Duster no cruzamento da Avenida Afonso Pena com a rua Vasconcelos Fernandes, próximo à rodoviária antiga de Campo Grande. A ocorrência provocou congestionamento no local e muitos curiosos se aglomeram, dificultando o trabalho da equipe de resgate do Corpo de Bombeiros.

Veja Mais
Táxi que teria furado sinal vermelho se envolve em acidente em avenida
Capotamento em avenida do bairro Tiradentes deixa dois feridos

Além da motorista, que não foi identificada, ficaram feridas a mãe dela, Ramona Rolon de Souza, de 65 anos, e a irmã dela, Maria Aparecida Rolon, de 63 anos. O filho da condutora, um menino de aproximadamente 7 anos, estava na cadeira e por isso não se feriu e saiu sozinho do carro, que ficou com as rodas para cima.

Maria Aparecida pediu às pessoas que estavam no local um objeto para cortar o cinto de segurança e, depois de conseguir se soltar, saiu do carro. A condutora ficou presa ao cinto e teve que esperar a chegada do Corpo de Bombeiros. As três foram socorridas e levadas ao hospital, enquanto o menino aguardou a chegada do pai.

Edmundo Alves de Souza, que mora próximo ao cruzamento onde ocorreu o acidente, conta que chovia muito no momento. Na versão dele, a Duster seguia pela Avenida Afonso Pena no sentido Aeroporto, quando o motorista de um carro que estava estacionado abriu a porta. A condutora da Duster não conseguiu desviar, bateu na porta desse carro, rodou na pista, bateu em outro veículo estacionado e capotou transversalmente na pista.

Maria Aparecida Rolon dá outra versão. Segundo ela, a irmã seguida pela Afonso Pena e no momento chovia muito. Ao se distrair na direção, a motorista bateu em dois carros estacionados e capotou. O Corpo de Bombeiros teve que isolar por causa da quantidade de curiosos e a Agetran (Agência Municipal de Trânsito) teve que controlar o tráfego, que ficou liberado em apenas uma das pistas.

Trânsito lento no local de acidente na Afonso Pena (Foto: Alan Nantes)Trânsito lento no local de acidente na Afonso Pena (Foto: Alan Nantes)
Duster com as rodas para cima após colisão na tarde desta sexta (Foto: Alan Nantes)Duster com as rodas para cima após colisão na tarde desta sexta (Foto: Alan Nantes)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions