A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

17/09/2011 11:00

Carros e vítimas ficaram totalmente carbonizados após acidente na 163

Nadyenka Castro e Paula Vitorino

Não é possível identificar a placa do veículo de passeio, nem quantas pessoas havia dentro. Identificação não será possível nem com exame de DNA, diz perícia

Carreta tombou e carro de passeio ficou debaixo da cabine. (Foto: Pedro Peralta)Carreta tombou e carro de passeio ficou debaixo da cabine. (Foto: Pedro Peralta)

O acidente ocorrido no início da manhã deste sábado, na BR-163, perto de Jaraguari, deixou totalmente carbonizados os veículos envolvidos e os ocupantes do carro de passeio.

Dos automóveis, só restaram as estruturas em ferro. Das vítimas, só pó e alguns ossos já desintegrados.

O único sobrevivente é Daniel Ferreira dos Santos, 40 anos, condutor da Scania bi-trem carregada com 37 toneladas de algodão que trafegava no sentido Jaraguari/Campo Grande.

Abalado, ele conta que a colisão aconteceu quando o Fiesta Sedan de cor branca que seguia no sentido oposto ao dele, tentou fazer uma ultrapassagem.

Conforme relato de Daniel, o Fiesta foi para a outra pista para ultrapassar um caminhão e ‘deu de cara’ com a carreta. Para evitar o acidente, os dois veículos foram para o acostamento e o que eles tentaram impedir, aconteceu.

Com o impacto, a carreta tombou e o Fiesta foi parar embaixo da cabine. Em questão de minutos o fogo começou.

“Eu vi um fogo saindo debaixo do caminhão, então tentei sair, mas, a porta não abria. Aí peguei minha mochila e pulei a janela”, fala Daniel, que ficou desesperado por não conseguir sair da carreta e pela situação dos ocupantes do Fiesta.

Logo após Daniel ter saído do veículo, o fogo consumiu os dois automóveis. Daniel disse que é caminhoneiro há 10 anos e esta é a primeira vez que se envolve em acidente grave.

Incêndio - O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 7h30min e antes mesmo de chegar ao local já avistava as chamas, que estavam altas.

O fogo foi tanto que queimou também três hectares de vegetação ao redor do ponto onde os veículos colidiram. Foram gastos 15 mil litros de água e em meia-hora o incêndio já estava controlado.

Segundo os bombeiros, o incêndio foi de grande proporção devido a combustão entre os combustíveis dos dois veículos e o algodão, que é material inflamável.

Vítimas - Como o carro de passeio ficou sob carreta, foi preciso uma máquina para retirar o veículo maior.

Os dois automóveis ficaram totalmente carbonizados. De acordo com a Perícia, não é possível saber a placa do carro de passeio. Só se sabe o modelo e a cor porque o caminhoneiro informou.

Conforme os peritos, também não é possível saber quantas pessoas havia devido ao estado em que tudo está: pó. O caminhoneiro não viu quantos ocupantestinha.

Devido ao estado, a identificação das vítimas e - quantos são - não poderá ser feita nem por DNA. Segundo a Perícia, os ossos estão desintegrados e o que pode ser feito são exames para saber a idade aproximada.

Fiesta onde estavam as vítimas. (Foto: Pedro Peralta)Fiesta onde estavam as vítimas. (Foto: Pedro Peralta)
Carreta também ficou destruída. (Foto: Pedro Peralta)Carreta também ficou destruída. (Foto: Pedro Peralta)
Carro de passeio pega fogo e passageiros morrem após choque com carreta bitrem
PRF está no local orientando motoristas. Pista está parcialmente interditadaUm carro de passeio pegou fogo depois de bater em uma carreta bitrem na ...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



Muito triste mesmooo... mas quantas pessoas ainda terão que morrer, pro governo se senbilizar e começar a construção de uma via segura, pois é obvio que a br 163 não comporta mais o tráfego que há nesta rodovia, a solução seria uma pista de mão ÚNICA, isso já era pra ser feito a muito tempo, como é revoltante saber de um acidente desta extremidades. Só Deus por nós mesmo.
 
Roberta Braga em 19/09/2011 09:40:39
Nossa familia conheceu o falicido, ainda no domingo passado ele trabalhou em um churrasco na cominidade Senhor do bom fim aqui na mata do jacinto, era um apessoa de bem e com certeza ja esta face a face com Deus.
 
marcos santos em 18/09/2011 08:43:22
A todos que andam por estas rodovias brasileiras. Todo cuidado é pouco, andem devagar, não sei por que fazem carros pra correr 200km/h. Deus ilumine os espíritos do Valdecir e da Cacilda, casal que se amavam muito, a eles seus filhos e aos amigos. Vão fazer falta. Mas como dizem Ele quer os melhores, e com Ele estão recebendo todos os cuidados espirituais de que merecem. Descancem em paz.
 
Alcione Moraes em 18/09/2011 07:13:54
VALDECIR MESSIAS, um grande profissional, pai e esposo exemplar, homem de muita fé, de luta e ação. Deixa um exemplo ímpar de cidadão, trabalhador e principalmente de cristão!
 
BELSON RIBEIRO em 17/09/2011 05:28:05
A Vítima é funcionária da Tribunal de Justiça de MS, Valdecir, juntamente com sua esposa Cacilda.
 
alfredo Neto em 17/09/2011 05:26:57
OOOOO MEU DEUS QUE TRISTEZA..............MUITO TRISTE MESMO.
 
adriana silva em 17/09/2011 03:57:43
Que triste!
Mas, os familiares destas vítimas, provavelmente darão falta deles, e vão procurar saber o que houve, e reconhecer.
Difícil! Que coisa! Faz a gente ficar muito triste.
Que seja feita a vontade de Deus aqui na terra, a Ele nos pertencemos.Amém.
 
Maria Helena em 17/09/2011 03:23:39
como que o motorista do fiesta tenta fazer uma ultrapassagem e não tenha visto o tamanho desse bi-trem (jamanta). ?
É complicado!
Que deus abençoes e conforte essas almas.

 
jorge nogueira em 17/09/2011 02:34:25
infelizmente mas uma familia em prantos por imprudencia dirigir todos sabem, dificil é ter cautela
 
cleusa pirota delmuti em 17/09/2011 01:34:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions