A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

24/03/2012 10:12

Condutora fica ferida após derrubar poste de energia na Ernesto Geisel

Aline dos Santos

A mulher de 27 anos foi socorrida por populares

Acidente foi na manhã deste sábado. (Foto: Simão Nogueira)Acidente foi na manhã deste sábado. (Foto: Simão Nogueira)

Uma condutora de 27 anos ficou ferida após derrubar um poste de energia elétrica na manhã deste sábado. O acidente foi na avenida Ernesto Geisel, em frente ao estádio Guanandizão, em Campo Grande. Cedina Magna da Silva Batista conduzia um Corsa.

Uma equipe da Guarda Municipal passava pelo local e auxiliou no socorro à vítima e no controle do trânsito. Foram acionados os bombeiros e a Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito). A mulher foi socorrida por populares e levada ao posto de saúde do Guanandi.

Com a queda do poste, a condutora chegou a sofrer choque, conforme o relato dos guardas municipais. Não se sabe a causa do acidente. Conforme a Ciptran, o veículo seguia no sentido bairro/centro, quando teve um desvio de direção para a direita e bateu no poste.

Conforme a Enersul, romperam duas fases da média tensão. A previsão é que o poste seja substituído ainda durante a manhã. Conforme a empresa, um único cliente teve o fornecimento de energia elétrica cortado. A Enersul informa que segue as normas para a instalação dos postes e, nestes casos, o prejuízo é cobrado de quem o derrubou.




Será que encontraram o celular dela? Com certeza estava falando no celular e não percebeu que estava muito rápido. Fique parado em um cruzamento e conte 10 veículos conduzido por mulheres; uns 6 a 8 estarão falando ao celular e dirigindo, esperimentem antes de me criticar.
 
Gilberto Ozuna em 25/03/2012 09:51:24
Puxa vida... vê se é hora e local de postes atravessarem as ruas.
Logo a AGETRAN vai ter que faser a campanha POSTE EU CUIDO.
 
Orlando Lero em 25/03/2012 09:41:26
aquilo no capo do carro é uma fibra optica pensa num trabalho que da pra arruma aquillo!!
 
yuri mendes em 25/03/2012 09:33:39
ainda bem que bateu no poste! é uma coisa que não vai dar prejuízo para ninguém, só o carro dela!!
 
gilberto silva em 24/03/2012 12:52:49
Fatos como esses tendem a tornar-se corriqueiros na, antes, tranquila Campo Grande. Tenho observado que não há equilíbrio em muitos condutores, seja de motocicleta, seja de automóvel. Homens e mulheres trafegam com a maior naturalidade com o celular amalgamado ao ouvido. Esse aparelho tornou-se uma extensão do pavilhão auricular. Devemos, então, nos surpreender com tais acidentes??!!
 
Eva de Mercedes Martins Gomes em 24/03/2012 11:06:44
A imperícia dos condutores aqui é algo único no país - uma vergonha.. fiquei sabendo outro dia que as auto-escolas daqui ensinam o aprendiz que quando ele vai realizar uma curva ele não precisa se preocupar em pegar a faixa da esquerda, pode usar toda a amplidão das tres faixas da pista...hehehe!!! imagina com esse povo sofre quando viaja pra outras cidades como Brasilia, Curitiba, etc
 
Milton José Stagliare em 24/03/2012 10:32:12
NAO SE SABE?? COM CERTEZA ALTA VELOCIDADE ALIADA A IMPERICIA DA CONDUTORA!!
 
CARLOS DAMASCENO em 24/03/2012 10:29:14
sabe porque acidentes assim acontece, porque a Ernesto Geisel principalmente entre a Manoel da Costa Lima até próximo do Novo Supermecado antes da ponte da Salgado Filho no sentido bairro-centro é uma grande vergonha para Campo Grande, buracos, pista parte interditada devido desmoronamento com redes de proteção, má sinalização e outras coisas ruins para uma avenida tão movimentada.
 
NEUSA SOARES em 24/03/2012 09:28:44
Mais uma vez a Guarda Municipal em um lugar de crise. Fatos assim mostra o seu profissionalismo por parte dos seus Operadores onde chegaram para somar com as demais forças Segurança Pública.
Parabéns a Guarnição pelo apoio empregado !
 
FÁBIO AUGUSTO DA SILVA SOUZA em 24/03/2012 06:09:21
Assim como as caçambas o poste está no lugar errado enquanto não morrer alguém não vão tirar os postes das calçadas.
Quanta barbeiragem pra uma cidade em!
 
Oswaldo Benites Junior em 24/03/2012 05:13:00
Olha, fatores é que não faltam. Pode ter sido imperícia, alta velocidade, pode ter sido fechada por alguém, algum bicho atravessou a pista ou desatenção. Também pode ter sido a linda e regular pavimentação asfáltica do local... ou tudo isso junto, ao mesmo tempo, naquela hora.
 
Madalena Sortioli em 24/03/2012 04:05:41
Pela pancada, não precisa ser técnico para saber que a condutora estava com certeza na velocidade acima do permitido para a via. Quem sabe da próxima vez, ela aprende assim como tantos outros a dirigirem de forma segura e consciente.
 
Marcelo Max em 24/03/2012 01:17:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions