A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

04/01/2013 09:03

Cratera engole trecho de acostamento na BR-163, na Capital

Francisco Júnior e Mariana Lopes
Cratera gigantesca de formou no acostamento. (Foto: Rodrigo Pazinato)Cratera gigantesca de formou no acostamento. (Foto: Rodrigo Pazinato)
Local ficou destruído. (Foto: Rodrigo Pazinato)Local ficou destruído. (Foto: Rodrigo Pazinato)

Uma cratera se formou no acostamento da BR-163, em Campo Grande, em frente à empresa Concrelaje, a um quilômetro da Uniderp Agrárias, sentido macroanel, na saída para Cuiabá. O buraco é mais um dos estragos da chuva forte na tarde de ontem.

Veja Mais
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
Carro capota após colisão no cruzamento da Bahia com a Barão do Rio Branco

A cratera ainda não atingiu a pista, mas de acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), caso chova novamente e nenhuma obra emergencial seja feita, o buraco poderá aumentar e atingir a rodovia.

O trânsito está liberado naquele trecho. Policiais da PRF estão no local sinalizando e orientando os motoristas.
Uma empresa terceirizada contratada pelo Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) está no local para iniciar os reparos na área danificada.

O engenheiro da empresa, Antonio Carlos Nogueira, afirmou que a cratera se formou porque a galeria que tem no local para canalização não aguentou o volume de água, devido as fortes chuvas de ontem, e estourou.

O engenheiro não informou um prazo para o término da obra.

Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



Concordo com os comentários acima. Acontece que há anos essas crateras vem sendo a mina de oura das empresas coligadas aos mandatários. A pratica era publicar edital de emergência, liberar dinheiro as preças a empresa para fazer ou refazer os serviços, buscar mais verba do governo federal em fim em nome do buraco nosso dinheiro vaza pelo ralo.
 
Edilson P. Silva em 05/01/2013 05:09:48
precisa obra fiscalizada sem a corrupção ,sr. nogueira, engenheiro não ver que arrenite não substitui concreto.. falta o que de nosso comandante estadual do dnit está fazendo. tem substituir este comandante.. corrupto.|||||||||||||||||||||||
 
antonio c silva em 04/01/2013 20:11:27
Mas como TODOS os outros casos de estragos de vias, novamente da para ver claramente que o buraco começou onde tem manilha enterrada. O que falta aqui, além de dimensionar certinho as manilhas (diametro suficiente) é cuidar da vedação entre um e outro. Agua vaza na coneção, infiltra, leva a areia embora, e ai cede o que esta em cima. Está na hora de um engenheiro de verdade fiscalizar as obras, pois nos ultimos dois anos não vi NENHUM relato deste tipo onde não tinha tubulação solta bem no meio da cratera no foto...
Deve ser proibido por lei fazer passagem de corrego com tubos. Deve ser construido um PONTE sempre, mesmo que este esteja de madeira...
 
Marcos da Silva em 04/01/2013 14:48:00
Concordo com o Adriano! Na Argentina tem rodovias de 1º mundo e com uma arrecadação de imposto que deve ser de 25% da do Brasil Para onde vai todo o dinheiros de impostos? Para o bolso de políticos nós temos umas da maiores arrecadações do mundo, os maiores salários políticos, o pior envestimento púlico, os maiores crimes políticos e nenhuma prisão ou apreenção dos bens roubados (só no Brasil é chamado de desvio de verba!). Eu voto, sempre votarei nulo e sempre falarei mal da nossa política que só quer enrriquecer sem fazer nada e quando faz põe custos de obra de 1º mundo com qualidade de 5º, nossas ruas não duram 2 anos e aparecem buracos e no hemisfério norte dura 50 anos com severas mudanças de clima! O povo tem de ser mais inteligente, com+ 35% de votos nulos a política de hoje acaba!
 
Alexandre de Souza em 04/01/2013 13:57:58
O que me admira é que o povo ainda vota e briga quando falamos mau desses péssimos administradores que vemos aí nos últimos 16 anos, vamos renovar e por gente competente no poder 2014 vem aí!
 
Oswaldo Ferreira em 04/01/2013 11:15:04
ADRIANO CONCORDO COM SEU COMENTÁRIO E AFIRMO MAIS AINDA FAZEM MAL FEITO, VERDADEIRA PORCARIA, PRA QUE DE NOVO TENHAM QUE FAZER E SOLAPAR MAIS AINDA OS COFRES PUBLICOS AS NOSSAS CUSTAS, OU SEJA, O SERVIÇO NUNCA É DEFINITIVO, SEMPRE TERÁ QUE REFAZER..
 
MATEUS COSTA em 04/01/2013 10:57:12
Mas onde são formados esses engenheiros? Quem faz essas obras? Nos outros países, há rodovias que transpõe cadeias montanhosas conhecidas no mundo todo, como os Alpes, os Andes e outros obstáculos naturais de monta e não dão problemas. No passado, nós mesmos construímos obras viárias portentosas como as rodovias Imigrantes, Anchieta e outras, na conhecida Serra do Mar. Já nos dias de hoje, os ENGENHEIROS e os POLÍTICOS brasileiros, são incapazes de fazer uma obra, em terreno plano, que resista a uma chuva um pouco mais intensa. Será que a INCOMPETÊNCIA ABSOLUTA virou a marca registrada dos políticos da nossa atual administração pública? E nós, com nossos IMPOSTOS é que pagamos essas coisas mal feitas. É o fim...
 
Adriano Roberto dos Santos em 04/01/2013 09:29:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions