A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

22/09/2015 19:35

Durante blitz, PM e Guarda Municipal detém um e apreende 12 motocicletas

Alan Diógenes
Condutores eram abordados e tiveram documentação verificada. (Foto: Gerson Walber)Condutores eram abordados e tiveram documentação verificada. (Foto: Gerson Walber)
Tenente da PM informou que objetivo da blitz e evitar crimes e reduzir acidentes. (Foto: Gerson Walber)Tenente da PM informou que objetivo da blitz e evitar crimes e reduzir acidentes. (Foto: Gerson Walber)
Muito utilizadas em crimes, motos foram principal alvo dos policiais. (Foto: Gerson Walber)Muito utilizadas em crimes, motos foram principal alvo dos policiais. (Foto: Gerson Walber)

Um homem foi preso e 12 motocicletas apreendidas, durante uma blitz da Polícia Militar em conjunto com a Guarda Municipal, no início da noite desta terça-feira (22), na Rua dos Andradas, Vila Duque de Caxias, em Campo Grande. O objetivo da ação foi retirar de circulação condutores sem CHN (Carteira Nacional de Habilitação), com licenciamento atrasado ou com veículo irregular.

Veja Mais
Suspeito de matar homem de 28 anos é preso durante blitz
Blitz no São Francisco apreende 1 carro e 15 motos irregulares

Conforme o tenente da PM, Waldomiro Vargas, os policiais trabalharam com duas frentes de serviço. “Trabalhamos com uma fiscalização de trânsito, até mesmo para livrar os motoristas de acidentes, e também para coibir delitos, porque muitos veículos são produtos de roubo ou furto ou utilizados para cometer estes crimes”, explicou.

As infrações, segundo ele, foram diversas nesta operação. “Alguns foram multados, outros tiveram o veículo removido direto ao pátio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito), outros sofreram apenas uma retenção, ou seja, foi constatada a irregularidade, mas o veículo foi liberado para terceiros”, comentou.

Um homem tentou se evadir do local da blitz, mas foi contido pelos policiais. Ele não portava CNH e nem a documentação da motocicleta, que era ligada com uma chave micha. Com o intuito de descobrir a origem da moto, a equipe o encaminhou ao 7º DP.

Os policiais escolheram o local da blitz através de um planejamento estratégico e os corredores são os mais escolhidos para este tipo de ação. Por exemplo, a Rua os Andradas serve como corredor entre as Avenidas Duque de Caxias e Júlio de Castilhos, vias importantes e com grande fluxo de veículos, principalmente no horário de pico.

Uma van com cinco policiais fez a lavratura das infrações, checagem administrativa e criminal, além de verificar se os abordados tinham mandado de prisão em aberto. Todos os policiais da blitz tinham em mãos um terminal eletrônico de consulta para verificar dados do motorista e condutor, afim de dar agilidade na ação. Ao todo, 8 policiais militares e sete guardas municipais participaram.

O autônomo Marcos Mário, 40 anos, aprovou a ação. “É importante para coibir a ação de marginais e não para prejudicar a população. Sei que às vezes a pessoa não possui condições financeiras para quitar a documentação, por exemplo, mas este não é o foco principal da blitz”, mencionou.

O estoquista Rudney Rocha, 22, compartilhou a mesma opinião. “É bom para recuperar veículos furtados ou roubados, crimes que tem aumentado bastante nos últimos anos”, concluiu.

Foram apreendidas várias motocicletas. (Foto: Gerson Walber)Foram apreendidas várias motocicletas. (Foto: Gerson Walber)



Se os motivos das blitz fossem realmente o que ele falou seria lindo.

Mas nós sabemos qual é a intenção de tantas blitz e tantas multas né.

O que vai acontecer quando todo mundo não tiver mais dinheiro?

 
Desiludido em 23/09/2015 13:35:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions