A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

14/11/2011 17:54

Família que morreu em acidente estava voltando de compras em Ponta Porã

Francisco Júnior

A suspeita é de que o condutor do carro tenha perdido o controle após uma aquaplanagem e batido de frente com a carreta.

Família voltava de compras em Ponta Porã. (Foto: Moisés Palácios/O Estado MS)Família voltava de compras em Ponta Porã. (Foto: Moisés Palácios/O Estado MS)

As três pessoas que morreram no acidente ocorrido na manhã de hoje, na BR-163, em Nova Alvorada do Sul, eram da mesma família e voltavam de Ponta Porã, onde fizeram compras.

James Abib Couto, a mulher dele, Maria Carmelita Januário Alves, 47 anos, e a filha do casal, Caroline Alves Couto, 19 anos, estavam no veículo Sentra que bateu de frente em uma carreta bitrem. As vítimas morreram no local.

O motorista da carreta, Marco Antonio Alves, 36 anos, e a mulher dele, Adriana Carla Baggio, não sofreram ferimentos.

Segundo a polícia, o carro era conduzido por James. A suspeita é de que ele tenha perdido o controle do veículo após uma aquaplanagem e batido de frente com a carreta.

Os corpos das vítimas foram encaminhados para o IMOl (Instituto Médico Legal Odontológico) de Dourados. O sepultamento será realizado em Cuiabá, cidade onde a família morava.

Sobe para três número de vítimas em acidente na BR-163 em Nova Alvorada
Todas as vítimas, duas mulheres e um homem, estavam em um Sentra pretoSubiu para três o número de mortos no acidente envolvendo um carro de passeio ...
Duas pessoas morrem em acidente na BR-163 em Anhanduí
As vítimas estavam em um carro de passeio que colidiu de frente com um caminhãoDuas pessoas morreram em um acidente ocorrido por volta das 9h30 de h...



Saí de Campo Grande Ponta Porã segunda debaixo de chuva. Expliquei a minha esposa o que era aquaplanagem e presenciamos dois veículos que saíram da pista devido ao mesmo. Isso é falta de experiencia(pratica-se 80km/h nesta situação), cansei de ver abusos neste trecho Ponta Porã - CGDE. Sinceramenmte ninguém da valor a vida mesmo acha que tem Deus no volante,FICA AQUI MINHA INDIGNÇÂO.
 
Alex Mussi em 15/11/2011 11:16:01
MUITO TRISTE ALI É UMA PISTA MUITO PERIGOSA MESMO PERDI MEUS ENTES QUERIDOS NO MESMO LOCAL A 03 ANOS ATRAS, 04 PESSOAS
 
ELIZEU SANTOS em 15/11/2011 10:56:41
so teremos, um transinto mais tranquilo quando os motorista ter a conciencia que a pressa so incurta a vida e almenta o sofrimentos das familia!!!!!!!!!!!!!!!!
 
sebastiao tobias alves em 15/11/2011 05:11:46
Somos vizinhos, e estamos todos chocados, que Deus ampare e console toda a familia, sigam em paz no caminho do Pai...
 
josiane gigliola lopes em 15/11/2011 02:20:11
Gente vamos aprender, choveu tira o pé do acelerador, isso poderia ter sido evitado, depois vão dizer que é culta do governo que não duplicou a rodovia.
 
Oswaldo Benites em 15/11/2011 01:27:23
e muuuito triste...são vidas interrompidas bruscamente e de forma tão violenta...vcê observa a bagagem e sabe que ali uma estória teve um triste final..que Deus console a familia......
 
daniela rodrigues em 15/11/2011 01:23:13
A Estrada de Vista Alegre, ou seja ir para Ponta Porã por Maracaju é muito, mas muito mais seguro e tranquilo, e aumenta muito pouco a quilometragem.
 
Antonio Marques Lucas em 15/11/2011 01:18:45
Somente com a proteção de Deus para nos livrar de acidentes como este. E, que em certos casos é bom contar com testemunhas. A 2 semanas atras, na saída para Aquidauana uma carreta saiu de trás de outras duas para fazer ultrapassagem sendo que eu com minha família, em um carro de passeio, ia no sentido contrário, tive que jogar para o acostamento senão ele passava por cima, o carreteiro me ignorou.
 
Suelen Santos em 14/11/2011 10:16:37
Como que a o motorista do Sentra pode ter perdido o controle do veículo depois de uma aquaplanagem, se o caminhão está em cima do veículo justamente no acostamento; sentido - Ponta Porã - Campo Grande? Sei não!! Eu conheço esse trecho.
 
Cícero Martins em 14/11/2011 09:59:25
É realmente muito triste, que seja de exemplo para nossos motoristas, nós que somos próximos a Ponta Porã, vemos o quanto os visitantes são negligentes quanto a velocidade. É lamentável, mas os visitantes deveriam ser alertados das nossas estradas, e dos veículos pesados que nelas andam.
 
roberto dos reis em 14/11/2011 09:22:36
Infelizmente isto ocorreu e com certeza ira sempre ocorrer... porque? eu por exemplo viajo a 80 por hora nas BRs e todos me ultrapassam... inclusive carretas e onibus... ou seja todo mundo quer correr... e correr pra que? pra morrer.
Enquanto o povo buzina pra mim eu estou prezando pela minha vida, economizando gasolina e economizando com a manutençao do meu do meu veiculo.
 
Willian Souza em 14/11/2011 09:19:12
A minha amiga Carmelita, James e a linda Caroline.Nunca vou me esquecer dos seu lindos olhos azuis Carol! Sei que o Senhor tem um maravilhoso lugar pra voces! moravamos na mesma rua e a tres anos eu me mudei para Santa Catarina e em setembro qdo houve uma grande enchente aqui Carmelita e o James foram até a ksa da minha mãe dizer pra ela me pedir que voltasse para Cuiabá,eram pessoas maravilhosa
 
Suzana Carvalho em 14/11/2011 08:51:16
Complementando o comentário anterior. No ponto próximo ao Riacho Santa Luzia, por falta de local para escoamento, a água da chuva atravessa a pista e forma verdadeiro riacho na pista. Quantas pessoas mais perderão suas vidas, antes do Ministério Público Federal decidir investigar e responsabilizar o engenheiro e empreiteira que "enganou" o DNIT? A direção do DNIT, quando responderá pelas mortes?
 
Rogério Avelar em 14/11/2011 07:45:43
A BR-163, em especial nos quilômetros 383 e KM 396, em dias de chava tornam-se verdadeiras armadilhas. Se fizermos uma pesquisa rápida no Google, inserindo dados "BR-163", "Km 383 e 396" "acidente" "chovia", constataremos mais de trinta mortos em três anos. E as autoridades não fazem nada. O DNIT sabe que a rodovia, nestes pontos, dirigem as aguas da chuva para dentro da pista. Cade o MPF?
 
Rogério Avelar em 14/11/2011 07:40:37
Nossa que tragédia, eu e minha mulher quaze presenciamos o acidente, passamos pelo acidente minutos depois do ocorrido, só nos resta rezar pela família e orarmos todas as vezes que pegarmos a BR da morte 163
Deus de força a essa família que foi destruida, e nos ilumine sempre que precisamos viajar pela BR163
 
André Bugrão em 14/11/2011 07:37:56
Quando chove forte é muito comum aquaplanagem na BR-163 entre Campo Grande e Nova Alvorada, vários casos de conhecidos que já sofreram aquaplanagem neste trecho da rodovia.
 
Luiz Carlos em 14/11/2011 07:26:18
Eu passei no momento exato. e o que pude presenciar foi que a carreta desgovernou na descida e pegou o carro de lado. Pois estavamos na subida e chovia sim, mais tinhamos visibilidade plena da pista, apos o que vimos foram os corpos estirados para fora apenas amarrados pelo cinto de segurança.... foi horrivel, que deus abencoe a familia e conforte a todos.....
 
frederico paniago em 14/11/2011 07:09:24
Por muito pouco não presenciei esta tragédia. Passei pelo local momentos depois do ocorrido.....realmente é chocante...estou orando pela familia das vítimas.
 
Marcio Rodrigues em 14/11/2011 06:42:54
QUE TRISTE!!! SINTO MUITO PELA FAMILIA...
 
solange gomes em 14/11/2011 06:20:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions