A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

22/07/2012 17:30

Homem cai de moto, irmão sai para socorrer e é atingido por caminhão

Elverson Cardozo

Acidente provocou tumulto na tarde deste domingo na rua Cibele, no bairro Caiobá.

Segundo a Ciptran, há indícios de que o motorista do caminhão não teria respeitado a sinalização. (Foto: Elverson Cardozo)Segundo a Ciptran, há indícios de que o motorista do caminhão não teria respeitado a sinalização. (Foto: Elverson Cardozo)
Ocorrência tumultou a rua Cibele, no bairro Caiobá. Policia Militar foi acionada. (Foto: Elverson Cardozo)Ocorrência tumultou a rua Cibele, no bairro Caiobá. Policia Militar foi acionada. (Foto: Elverson Cardozo)

Um homem de 33 anos ficou gravemente ferido após cair de uma moto na tarde deste domingo (22), no bairro Caiobá, em Campo Grande. Segundo informações de familiares, o acidente aconteceu na rua Cibele, por volta das 3h30, nas proximidades de uma escola.

José Wilson da Silva, de 33 anos, era carona da motocicleta e, segundo os relatos, caiu no momento em que tentava segurar na parte traseira do veículo.

Segundo familiares, ele sofreu um corte profundo na nuca, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado a UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro Coophavila.

Testemunhas disseram que o jovem sangrava muito e chegou a ficar desacordado antes da chegada do socorro. A família da vítima diz ter recebido ligação falsa informando que José Wilson havia se acidentado no bairro São Conrado.

A madrasta dele, Lucia Gonçalves, de 39 anos, contou que veio de Terenos, onde mora, às pressas, porque havia recebido a informação de que o filho dela, identificado apenas como André, havia se acidentado, mas quando chegou em Campo Grande soube, na verdade, que era o enteado.

Outro acidente – No mesmo bairro, poucos minutos depois, no cruzamento da rua Cibele com a rua da Lógica, o pedreiro Valmir Pereira, de 42 anos, - que afirmou ser irmão da vítima - foi atingido por um caminhão.

Motorista do caminhão, Antonio Carlos Arruda, de 52 anos. (Foto: Elverson Cardozo)Motorista do caminhão, Antonio Carlos Arruda, de 52 anos. (Foto: Elverson Cardozo)

Valmir relatou que estava pilotando uma motocicleta e havia saído para socorrer José Wilson, mas acabou se acidentando na esquina da casa dele. Por sorte, sofreu apenas escoriações.

Com o impacto, disse, foi parar embaixo do veículo, que tem placas de Campo Grande. A moto em que estava ficou destruída. O veículo foi retirado do local.

Policiais da Ciptran (Companhia Independente de Trânsito) informaram que o motorista do caminhão, Antonio Carlos Arruda, de 52 anos, tem CNH (Carteira Nacional de Habilitação), mas apresentava sinais de embriaguez e há indícios de que ele teria desrespeitado a placa de “pare” que tem no cruzamento.

Ele foi detido e encaminhado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário). A esposa de Antonio Carlos, Rosiane dos Santos Silva, de 19 anos, relatou que Valmir Pereira desceu a rua Cibele em alta velocidade e, por isso, o marido não conseguiu frear a tempo.

Segundo a esposa, a vítima colidiu contra a lateral esquerda do caminhão. Rosiane afirma ainda que um segundo motociclista teria sido atingido, mas ele teria fugido antes da chegada da PM (Polícia Militar) e da Ciptran, que não confirmaram a informação.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions