A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

23/03/2012 11:21

Médicos suspeitam que bebê atropelado está com morte cerebral

Fernando da Mata

Sinais neurológicos indicam condição irreversível e estão sendo feitos exames para detectar quadro

Veículo que atropelou bebê (Foto: Jornal da Nova)Veículo que atropelou bebê (Foto: Jornal da Nova)

O bebê de dez meses atropelado pela irmã de 12 anos em Nova Andradina, a 300 km de Campo Grande, está com suspeita de morte cerebral. A criança está internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) pediátrica do Hospital Universitário de Dourados.

Segundo a assessoria de imprensa do HU, um protocolo de morte encefálica foi aberto depois que o paciente teve deterioração do quadro neurológico.

A vítima foi internada no HU, na terça-feira (20), em estado crítico, com traumatismo cranioencefálico gravíssimo e depressão severa do sistema nervoso central, de acordo com a assessoria de imprensa. Neste momento, a criança permanece sedada e respira por aparelhos.

A direção do hospital ressalta que esta avaliação é um processo longo, delicado e extremamente criterioso, que inclui exames clínicos e de imagem. Familiares estão acompanhando toda a evolução do quadro clínico.

Conforme a assessoria do hospital, desde o momento da internação, o paciente recebeu todo o atendimento necessário para tentar reverter o quadro clínico, já que a possibilidade de cirurgia foi descartada pela equipe de neurocirurgia.

Acidente - O atropelamento aconteceu na tarde de terça-feira (20), no assentamento Santa Olga, em Nova Andradina. Segundo a Polícia Civil, o bebê foi atropelado quando a irmã de 12 anos manobrava o veículo na garagem.

A vítima foi socorrida por familiares e levada para o Hospital Regional de Nova Andradina, de onde foi transferida para o HU de Dourados.

Depois de ouvir depoimentos, a Polícia Civil concluiu que o atropelamento foi totalmente acidental. Segundo o titular da 1ª Delegacia de Nova Andradina, delegado André Luiz Noveli, apesar de ter sido um acidente, a responsabilidade foi toda da adolescente, por isso só ela responderá pelo atropelamento.

Por enquanto, a menina será responsabilizada por ato infracional de lesão corporal culposa na direção de veículo automotor. Caso a morte do bebê seja confirmada, a infração mudará para homicídio culposo.




Já perceberam o número de tragédias que estão ocorrendo com crianças em nosso Estado (e no restante do país também) nos últimos meses? Barbaridade, alguns são fatalidade mesmo e outros por negligência. Será que algumas mães não tem noção de que cuidar de uma criança não é para qualquer um? É preciso pensar muito bem para deixar seus filhos sob os cuidados de alguém.Dá licença!!
 
Michele Cerzósimo em 23/03/2012 09:09:49
Somente Deus sabe a resposta. Inocência, descuido, imprudência ou fatalidade? Não cabe a nós mortais falhos a criticar.
 
CINTIA DUTRA em 23/03/2012 06:41:21
jugar é tao facil,mas ninguem para pra ver o sofrimento dessa mae,e a irma dessa criança pode ficar resto da vida dela com trauma .
 
rosa milena em 23/03/2012 06:36:55
Nessas horas todos se perguntam cade a mae dessa cça?Cade o responsavel pelo veiculo...é facil julgar mas pensemos primeiramente nesse inocente que infelizmente por um momento de bobeira esta perdendo sua vida ou perdeu sua vida....Que Deus conforte a todos...
 
Elizabette Salles em 23/03/2012 05:55:40
cadê essa mãe que não olhou o bebê e nem a giad 12 anos que estava no volante? ela que tem se ir presa, por abandono de incapaz.
 
luciano marques em 23/03/2012 05:02:15
No mínimo a família das crianças dizia: "Minha filha tem doze anos e já sabe dirigir!" ou então: "Tem que começar cedo para depois não 'levar pau' no teste do Detran"! Tá ai o resultado!
 
Gustavo Ribeiro em 23/03/2012 04:44:28
Qndo eu tinha 12 anos, manobrava o carro da minha Barbie... Fala sério, o que uma criança estava fazendo numa direção de um automotor, balizando?!?!? LIberdade tem limites. Conselho tutelar, cadê vcs?!?!?!?!?!?
 
Suzanna Rocha em 23/03/2012 04:23:45
Marcelo Max, sim é crime, está previsto no Código Penal, não sei porque os pais da menina de 12 anos não foram responsabilizados, mas deveriam.
 
Fábio Itsuo Hashimoto em 23/03/2012 03:46:11
Condenação maior vai ser ela carregar pela vida toda o que fez.
 
vanessa vanderleis em 23/03/2012 03:38:28
Digam-me uma coisa. Entregar a direção do veículo à pessoa não habilitada e ainda "menor" de idade,... não é crime? ou eu estou errado?
 
Marcelo Max em 23/03/2012 02:33:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions