A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

17/06/2011 16:39

Motociclista morto em acidente na Júlio de Castilhos invadiu contramão

Nadyenka Castro

Acidente foi nesta sexta de manhã

Moto bateu na traseira de ônibus. Bombeiros e o Samu estiveram no local. (Foto: Simão Nogueira)Moto bateu na traseira de ônibus. Bombeiros e o Samu estiveram no local. (Foto: Simão Nogueira)

Elias Borges Pereira, de 23 anos, que morreu em um acidente na manhã desta sexta-feira, na avenida Júlio de Castilhos, bairro Ana Maria do Couto, em Campo Grande, invadiu a contramão.

De acordo com boletim de ocorrência, Elias conduzia uma Honda Titan, invadiu a via contrária e bateu no ônibus da empresa Cidade Morena que faz a linha Vila Popular/ Vila Itália.

O motociclista morreu no local e o passageiro, Cleber Rosa Lourentz, 22 anos, ficou com ferimentos graves e foi encaminhado pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para a Santa Casa.

Conforme o registro policial, populares disseram que Elias havia ingerido bebidas alcoólicas. O motorista do ônibus foi submetido à exame de alcoolemia, o qual deu negativo.

Elias foi o segundo motociclista que morreu em acidente esta semana em Campo Grande. No início da noite de quarta-feira, Paulo José Cardoso, 37 anos, morreu ao colidir a moto que pilotava no veículo GM Classic. O acidente ocorreu na rua Catiguá, no bairro Jardim Canguru.

A colisão foi provocada, conforme a Polícia, pela própria vítima. Paulo, ao fazer uma manobra para ultrapassagem, acabou batendo na lateral do veículo de passeio.

Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



Olha conheci este jovem Elias que faleceu vitima deste terrivel acidente ocorrido nas imediaçoes da Av. Julio de Castilho, era ele e o passageiro deficientes auditivos e amigos de minha filha e genro que estao consternados com o fato, a familia enlutada entao, nao se conformam com a fatalidade, mas, a grande verdade é que o transito de nossa capital esta cada vez mais violento e concordo em grau e genero que os nossos condutores precisam de uma conscientizaação muita grande com questao ao transito.
 
José Luia Alves em 18/06/2011 07:22:51
Lamentável, são mais 02 vidas que se foram e seus familiares que ficam na saudade, mas a continuar como esta teremos mais casos de morte pois agora tem motociclista que estão usando a calçada e quando agente menos assusta o cara sai da calçada de moto e invade a frente do carro e ai você que se vira pra não bater no motociclista, na contra mão então tem de monte.
 
Alcione A errubidart em 17/06/2011 04:54:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions