A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

26/05/2013 11:10

Motociclista ‘voa’ sobre carro em acidente em cruzamento sem sinalização

Nadyenka Castro e Aliny Mary Dias
Astra parou a 30 metros do ponto da batida. (Foto: João Garrigó)Astra parou a 30 metros do ponto da batida. (Foto: João Garrigó)
Cruzamento não tem sinalização horizontal nem vertical. (Foto: João Garrigó)Cruzamento não tem sinalização horizontal nem vertical. (Foto: João Garrigó)

Um motociclista ficou ferido ao colidir a CB 300 que pilotava em um Astra, na manhã deste domingo, em um cruzamento sem sinalização do Jardim Tijuca, em Campo Grande.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

A vítima seguia pela rua Piassanguaba e o carro de passeio pela rua Nhambiquara. O motorista do Astra, Francisco Mariano da Silva, 62 anos, conta que trafegava a cerca de 40 km/h e a moto aparentava estar a 100 km/h.

Com a colisão, o motociclista ‘voou’ sobre o carro. “Eu só vi o vulto”, fala Francisco. O teto do automóvel ficou com marcas da jaqueta usada pela vítima.

Após o impacto, Francisco perdeu o controle da direção da moto, desviou de três pedestres e parou a 30 metros do ponto da batida. Ele, que iria levar o veículo para venda em uma feira, saiu ileso.

O motociclista foi socorrido com várias lesões pelo corpo e chegou a desmaiar. Ele foi levado pelo Corpo de Bombeiros para a Santa Casa.

Morador há oito anos no bairro, Edosn da Silva, 35 anos, fala que nunca viu sinalização no cruzamento e que ali “é acidente todo domingo”.




a falta de sinalizazao com certeza ,nao è a unica causa do acidente, a imprudencia dos motociclistas ainda è a maior causa de acidentes principalmente a alta velocidade,
 
rosilene costa silva em 28/05/2013 10:06:01
Sou a favor de se criar uma lei que todo motociclista antes de tirar sua cnh, devia ficar prestando ajuda na ala dos acidentados de motos, pelo menos 1 hora por noite durante 15 dias, para assim aprenderem a dar valor na vida.
 
Marcos Alexandre em 26/05/2013 19:29:20
Não gosto de sair de casa, principalmente durante o dia. O motivo são os motoristas de nossa cidade. Os motociclistas são os piores. Não obedecem nenhuma norma de trânsito, eles simplesmente passam onde a moto cabe. Não tem esquerda ou direita, a gente leva o maior susto, pois de repente surge um motociclista ultrapassando sendo que faríamos uma convergência. E se não desse tempo dele passar? Poderia ocorrer um acidente, como já ocorreu e apesar de não ter vítimas físicas, o prejuízo material foi de R$1.200,00. Os motociclistas devem cair na real e seguirem as lei do trânsito.
 
Fátima Maria Ribeiro Dos Santos em 26/05/2013 17:13:31
Antonio Carlos, 90% dos motorista e motociclistas não conhecem as leis de transito. Vc falou tudo.
 
Clodoaldo Souza Junior em 26/05/2013 12:44:23
Antonio Carlos disse tudo:
- E, só pra constar, boa parte dos nossos motociclistas estão DESPREPARADOS. Eles desrespeitam a maioria das leis e normas do trânsito. Não usam de bom senso... "Eles sempre teem razão".
Fica difícil.
Sou motorista, motociclista e pedestre, e sei do que estou falando.
 
Paulo Leão em 26/05/2013 11:56:25
Não é possível ao poder público sinalizar todos os cruzamentos de todas as vias públicas em todo Brasil, o que falta aos condutores é conhecimento, já que o Código de Trânsito Brasileiro - CTB, prevê em seu artigo Art. 29, inciso III, alínea "c" quem tem a preferência neste caso:

Art. 29. O trânsito de veículos nas vias terrestres abertas à circulação obedecerá às seguintes normas:

III - quando veículos, transitando por fluxos que se cruzem, se aproximarem de local não sinalizado, terá preferência de passagem:

c) nos demais casos, o que vier pela direita do condutor;

Portanto, não é a falta de sinalização que causou este acidente, mas o desconhecimento das leis de trânsito.
 
Antonio Carlos em 26/05/2013 11:43:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions