A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

25/04/2016 13:10

Motorista bêbado que matou motociclista no trânsito paga fiança e é liberado

Viviane Oliveira
Fabiano foi preso em flagrante. (Foto: arquivo/Campo Grande News)Fabiano foi preso em flagrante. (Foto: arquivo/Campo Grande News)

Preso em flagrante por dirigir bêbado e se envolver em acidente com morte, Fabiano Tamanho, 34 anos, pagou fiança de R$ 5.280 e foi solto na tarde de quinta-feira (21). Ele foi preso no último dia 16 por atingir e matar a motociclista Tatiane Malaquias da Silva, 25 anos, na Avenida Gury Marques, em Campo Grande.

Veja Mais
Motorista que atropelou e matou mulher estava bêbado, diz polícia
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber

Em audiência de custódia, a prisão em flagrante foi convertida em preventiva pelo Juiz Ricardo Gomes Façanha, que arbitrou fiança no valor de seis salários mínimos.

O juiz determinou ainda que, depois de solto, Fabiano deve comparecer todo mês à Justiça para justificar suas atividades, não sair de casa no período noturno e nem nos dias de folga. Ele também teve a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) suspensa. Em caso de descumprimento da medida, poderá ser decretada a prisão preventiva de Fabiano.

Acidente - No dia do acidente, Tatiane, aguardava a travessia de pedestre pela faixa sinalizada, quando foi atingida pela caminhonete conduzida por Fabiano. O acidente envolveu dois carros e duas motos. A pancada foi tão forte, que a caminhonete passou por cima da condutora, atingiu a traseira de um veículo VW/Gol, e bateu na traseira de uma moto. Segundo a polícia, Fabiano apresentava sinais claros de embriaguez.




Eu acho que em caso de atropelamento com motorista embriagado a multa deveria ser assim: Pega o modelo do carro do bêbado, vê o preço de um novo e cobra 80% do valor, entregando metade para a família da vítima, independente de indenização.
Deveriam também não só caçar a habilitação, mas obrigar o sujeito a vender seu carro, moto e qualquer outro veículo em seu nome e proibi-lo de adquirir outro por um bom tempo, pois está demonstrado que não tem maturidade para dirigir.
 
Guilherme Arakaki em 27/04/2016 22:05:40
Resumindo, se precisarem matar alguém usem seus veículos como arma. Não dá nada!
Basta pagar uma quantia irrisória de fiança (que vai para o governo, jamais para a vítima), e fingir que vai ficar em casa aos finais de semana e feriados, além de ficar com a habilitação suspensa por alguns meses.
(Ironia Mode On).
 
HPCARDEAL em 25/04/2016 13:59:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions