A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

04/06/2011 11:40

Motorista de Audi ‘voa’ após derrubar árvore e bater em portão na Via Parque

Nadyenka Castro e Paula Maciulevicius

Motor e estepe também foram arremessados

Moradores da região registraram o resultado da colisão do Audi na árvore e no portão. Moradores da região registraram o resultado da colisão do Audi na árvore e no portão.

“Nós pensamos que era um caminhão, uma carreta, com barulho que fez. Aí eu desço e vejo o motorista fora do carro, ao lado do motor que estava pegando fogo”, conta Leni Carvalho Thielmann sobre a cena que viu por volta da 1 hora deste sábado, na avenida Via Parque, esquina com a rua Arcênia, sentido bairro/centro, em Campo Grande.

O que Leni ouviu e viu foi o resultado da colisão do Audi conduzido por Ralfer Yoshiharu Teruya, 24 anos, em uma árvore e depois no portão de uma residência.

Com o impacto, o motorista, o motor e o estepe foram arremessados do interior do carro. O jovem caiu na calçada, ao lado dele, o equipamento que faz o veículo funcionar. O automóvel subiu na calçada, derrubou a árvore e parou no portão, o qual ficou danificado, assim como a cerca elétrica.

Há marcas de frenagem no asfalto por cerca de 10 metros antes da colisão, próximas a primeira placa indicadora da presença de radar com velocidade máxima permitida de 60 Km/h. Na calçada e até dentro da casa ficaram estilhaços de vidro, de lataria do carro e óleo.

O Audi ficou destruído. Só não houve danos na lateral direita traseira. O condutor, único ocupante do carro, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros para a Santa Casa com corte profundo na cabeça, ferimento no olho esquerdo e fratura na perna direita.

Motor, rodas, lataria, vidros. Quase tudo danificado. Registro foi feito por moradores.Motor, rodas, lataria, vidros. Quase tudo danificado. Registro foi feito por moradores.
Audi derrubou árvore e danificou portão e cerca elétrica. (Foto: Simão Nogueira)Audi derrubou árvore e danificou portão e cerca elétrica. (Foto: Simão Nogueira)

Leni mora em um sobrado na rua Santa Bárbara e assistia televisão quando ouviu o barulho. Ela foi para o local e viu o carro destruído em cima da calçada. “

A frente, do lado do motorista, simplesmente abriu. O motor do carro e o motorista voaram”, diz.

Ao chegar no local do acidente a moradora conversou com o motorista de uma caminhonete que disse a ela ter visto a colisão e também o Audi momentos antes.

Segundo Leni, o condutor do utilitário relatou que o carro de passeio trafegava a aproximadamente 180 Km/h pela avenida e por este motivo ele reduziu a velocidade pensando que poderia acontecer algum acidente.

A moradora fala que ficou desesperada diante do que testemunhou. “A gente fica tão desesperada em querer ajudar”. Foi ela quem sinalizou o local.

Outros acidentes- O redutor de velocidade foi colocado no local porque os moradores não agüentavam mais tantos acidentes e se mobilizaram. “Nós pedimos e demorou dois anos. A prefeitura precisava de 500 assinaturas e nós conseguimos”, lembra Gabriela Martins.

Um dos acidentes aconteceu em agosto de 2008 e resultou na morte de dois rapazes e outros feridos. Anastácio da Silva Yarzon Ortiz, que não tinha Carteira Nacional de Habilitação, bateu o carro que conduzia no veículo onde estavam as vítimas. Ele seguia pela Santa Bárbara e o outro automóvel pela Via Parque.

Também morador na região, Cid Martins lembra que há dois anos um caminhão bateu no portão de uma casa. “Tem muito acidente em toda a cidade”, diz.

Para Guilherme Thielmann a avenida larga contribuiu para que os motoristas trafeguem em alta velocidade e quando chegam nas proximidades do radar eles freiam e alguns perdem o controle da direção, o que pode ter acontecido com Ralfer.

Segundo Guilherme, há uma conveniência nas proximidades e muitas pessoas saem do comércio dirigindo pela via.




Eu passei no local bem na hora, certezaa que ele não estava no bar bem proximo da avenida do local do acindente, que por coincidência estava lotado de gente! É isso mesmo Brasiiiil uhuuuu vamos longe assim!! =]
 
Jéssica Blanco em 06/06/2011 08:05:24
Até quando vamos assistir os jovens não dar nenhum valor a vida dele nem a do proximo.
 
luiz Feenando em 05/06/2011 09:32:11
Acredito que lhe foi dado a segunda chance,abrace ela e comece a fazer um serviço voluntario dando o seu testemunho nas escolas, de como a irresponsabilidade de não dar valor na vida pode ocasionar morte,.se morresse só você os amigos todos estavam postando msg de como vc era BOM. Aproveite e monte um grupo para ajudar outros Irresponsaveis.Faça como Eu use sua energia para aventurar no Escotismo.NASCEU DE NOVO,CUIDADOOOOOOOOOOOO
 
luiz carlos em 05/06/2011 07:53:16
Já já vem alguma midia falar: "O trânsito faz mais uma vítima! "
 
Adriano Maciel em 05/06/2011 07:25:18
Lamentável, mas, infelizmente nossos jovens estão totalmente estragados, e o que é pior, por nós os pais. Felizmente, nao houve vítimas em decorrente desse acidente. Por que nos ultimos dias pais ainda em estado de choque brigam nos foruns, para requerer assistência para seus filhos, vítimas de imprudentes como esse cidadão(?), TERUYA, que poderia perder o direito de dirigir por não respeitar nem a própria vida, ainda mais se vai se preocupar com as alheias..!!. Degradante ver pais sem nenhuma autoridade sobre teus filhos. Esperemos das autoridades mais vigor, mais firmesa nesses casos. LAMENTÁVEL....!!!
 
roberto dos reis em 04/06/2011 12:45:34
Simplesmente LAMENTÁVEL uma situação dessas. Um filinho de papai desses podia ter matados quantas pessoas nesse ato de extrema incapacidade mental de respeitar os limites?
Até quando veremos cenas como essas até que deliquentes como esse sejam PUNIDOS com CADEIA?
Pais ACORDEM, aprendam a educar decentemente seus filhos!
 
Gabriel Telles em 04/06/2011 12:27:33
Sorte do motorista que isso é um AUDI............ se fosse um gol a coisa ia ser bem mais feia.
 
Eduardo Saraíba em 04/06/2011 12:20:46
Certeza que o "motorista" estava voltando do trabalho e tampouco não estava alcoolizado. Meus parabéns por ser mais um "motorista" exemplar e que respeita as "leis". Brasillllll!!!!!
 
Renan Magalhães em 04/06/2011 12:05:29
Gente, é brincadeira um acidente destes nesta proporção. Ainda bem que o motorista possui habilitação e fez curso para poder dirigir. Imagine só se ele não possuisse habilitação, aí sim, eu diria que ele seria um tremendo de um ignorante para correr desse jeito. Pela hora do acidente, com certeza ele estava em alguma emergência, talvez ia socorrer alguém em apuros. Ainda bem que ele estava bem consciente da velocidade que estava percorrendo. Imaginem só se ele estivesse alcoolizado. Pega leve....
 
ADENILSON JOSÉ REBEQUE em 04/06/2011 10:13:23
Dizem que o trânsito "mata" muito, mas o certo é que pessoas como esse elemento, é que causam a maioria das mortes no trânsito. Não existe multa, lei ou polícia que dê jeito, se o cidadão não se concientizar de que é ele que faz o trânsito.
 
valter antunes em 04/06/2011 09:36:07
Quem acabou pagando o pato foi a coitada da Arvore!! eta !!Brasil velho de guerra !!
 
vitor rojas em 04/06/2011 08:18:36
Esse condutor, que estava dirigindo talvez sonhava em ser piloto? Que pena...Que em nosso transito tem muitos! E isso só contribui para aumentar o número de acidente!!!
 
francelino costa amorim em 04/06/2011 07:23:17
FREQUENTO TODOS FDS O BAR CHAMADO BUTECO Q FICA NA VIA, NUNCA VI UMA FISCALIZAÇAO DA POLICIA DE TRANSITO NAQUELE LOCAL, APOS AS 00:00HRS, ANTES DESSE HORARIO NAO ADIANTA ESTAR LÁ!!
 
ROLANDO NERO em 04/06/2011 07:19:56
Da onde você tirou que isso é Brasil !!!!
Isso é Campo Grande !!!!!!Onde no transito nada funciona mais sim a lei de quem
tem mais dinheiro
 
DaianeJacon em 04/06/2011 07:11:11
Infelizmente fatos assim ocorrem todos os dias , que dirige com cautela , sofre , as vezes tem que sair para o acostamento , quando você observa que vem atrás um descuidado ,para não dizer outra palavra ........isto tanto na cidade ,pior nas rodovias muito bem sinalizadas , enfim o abuso é total , no grande anel rodoviário , grande maioria não respeita a sinalização ................salva se quem puder ..........dias piores virão !
 
Paulo Roberto Marques Pereira em 04/06/2011 07:04:05
Santo Deus, gente voces conseguem perceber a gravidade disto, pra fazer este estrago, no minimo a 120 Km/h ele devia estar, imaginem isto em uma avenida movimentada, proximo a pedestres, crianças, veiculos parados, ja imaginaram?
 
Gustavo Cesar C. Gonçalves em 04/06/2011 06:40:31
Infelizmente é o que está acontecendo com nossa juventude ... sorte sua garoto nao era sua hora porque pelo conteudo do seu carro ohhhh coitado !!!
 
rogerio lima em 04/06/2011 06:39:18
lamentavel!! poderia ter atingido uma familia, uma criança num comodo da casa... cade a concientização! isso tambem é bandidagem... playboys em carroes achando o dono do mundo.... uma pena.......
 
Claudeir Ramos em 04/06/2011 06:09:53
ELE PODIA VIR DE ONDE FOR, COMO A CULTURA AQUI É ESSA AI, ARBITRÁRIA NINGUEM RESPEITA NINGUEM EM ANDA NEM NO TRANSITO EM NADA, NINGUEM ESPERA UM 1 SEGUNDO, AGENTE VER ISSO AI NO TRANSITO UM A 160 OUTRO 140 OUTRO 130 ETC, É ISSO O TRANSITO DE CAMPO GRANDE, CARROES E FALTA TOTAL DE RESPEITO EDUCAÇAO EM TUDO, MOREI EM GOIANIA SALVADOR ETC, SÓ AQUI AS PESSOAS SAO TOTALMENTE ESTUPIDAS EM QUASE TUDO, PRINCIPALMENTE NO TRANSITO, É CULTURAL TUDO ISSO,,,, PAZ NO TRANSITO EMFIM EM TUDO, TENHO ATÉ MEDO DE SAIR COM TANTOS MOTORISTAS ASSIM, ISSO É EM QUALUQER HORA E QUALUQER LUGAR DA CIDADE QUE DIRIGEM ASSIM, CORTA PELA DIREITA,PELO MEIO, FAZ UM ZIGUEZAQUE E NINGUEM RESPEITA NADA, ENTAO ACIDENTES, ACIDENTES ACIDENTES,,,,
 
Luciano Marinho em 04/06/2011 06:06:53
Infelizmente é isso que se vê todos os finais de semana aqui em CG. Hoje de madrugada, houve um acidente de moto entre a Rachid Neder e a Arthur Jorge. Havia uma adolescente de 16 anos com a coluna fraturada e um rapaz caído sem habilitação. Os dois estavam na moto. O rapaz se levantou todo arrebentado, pegou a moto e fugiu, deixando a moça sozinha, estirada no canteiro da avenida. Quando os bombeiros chegaram, perguntaram à adolescente quem conduzia a moto. Ela disse que era um "amigo" e que tinha ido embora. O oficial logo rebateu "que amigo é esse que te deixa acidentada aqui?" Lição: se esses cidadãos nem se preocupam com as próprias vidas, que dirá a dos semelhantes?
 
Vanessa Ricarte em 04/06/2011 03:18:07
Ja falei em comentarios aqui e volto a repetir, os radares deveriam ser moveis, assim esses loucos do volantes não saberiam aonde os mesmos estão e não iriam efetuar freadas busca a fim de acontecer o possivelmente aconteceu, segundo relatos de Guilherme .
 
Anderson silva em 04/06/2011 02:54:41
É, olha o carro do cidadão, erá que vai acontecer algo?
 
Anderson silva em 04/06/2011 02:51:35
Isto, eh coisa de LOUCO!!!!!! Nao de nossos irmaos Japoneses.
 
Luciano Rosa em 04/06/2011 02:50:27
Este povo não toma vergonha na cara não????
 
Cleidiane mendes em 04/06/2011 02:11:47
Será que esse meliante não é o mesmo que no meio da semana foi detido com um audi fazendo racha na av afonso pena e foi solto?
hummm
olho vivo pessoal!
 
Anderson silva em 04/06/2011 01:55:47
Com certeza ele estava voltando do trabalho, talvez deveria estar com fome ou com saudades da esposa e dos filhos....ou querendo destruir um pai de familia, ou ate mesmo uma familia inteira, isso sim e um crime barbaro....mas provavelmente ele vai ficar um ano sem habilitação e ai ano que vem veremos ele dirigindo denovo...
 
Robson Sabino em 04/06/2011 01:38:16
Enquanto todos não se conscientizarem que as leis de trânsito existem para serem respeitadas, o sinal de PARE, sinal vermelho, usarem a seta, muitos inocentes morrerão, como o rapaz que estava na garupa da moto que faleceu ontem quando estava indo trabalhar pela Av. Presidente Vargas.
 
Angela Maria de Almeida em 04/06/2011 01:24:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions