A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

05/01/2016 18:28

Motorista joga carro contra caminhão, recusa socorro e esfaqueia próprio peito

Thiago de Souza
Celta preto saiu da pista após colisão com carreta. (Foto: Fernando Antunes)Celta preto saiu da pista após colisão com carreta. (Foto: Fernando Antunes)
Após o acidente, motorista do Celta teria apunhalado o peito com faca. (Foto: Fernando Antunes) Após o acidente, motorista do Celta teria apunhalado o peito com faca. (Foto: Fernando Antunes)

Um veículo Celta preto, que seguia pela BR-262, sentido Indubrasil, bateu de frente com uma carreta que vinha em sentido contrário, por volta das 17h20, desta terça-feira (5). De acordo com o caminhoneiro, Pedro Roberto, 38, o acidente aconteceu porque o motorista do Celta, Wilson de Lima, 68, teria jogado o veículo na frente do caminhão em uma tentativa de suicídio. Após a colisão, Lima se recusou a abrir o carro para receber socorro, sacou uma faca e apunhalou o próprio peito.  

Veja Mais
Funcionária é esfaqueada dentro do HR, e suspeito foge em Celta preto
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber

Existe a suspeita que o homem seja o mesmo que teria esfaqueado uma mulher na tarde de hoje, dentro do Hospital Regional, deixando a vítima, identificada como Vilma, gravimente ferida.  

Pedro Roberto, que conduzia o caminhã, no sentido Indubrasil Campo Grande, relatou que, por pouco o acidente não foi mais grave. “Sorte que eu tava devagar e a carreta estava vazia”, contou Roberto. 

A testemunha disse que quebrou o vidro do carro para tentar retirar Wilson de Lima, e acionou o Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência), que encaminhou Lima para a Santa Casa, em estado grave, segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal). 

O caminhoneiro disse que dirige há 12 anos nas estradas e é a primeira vez que vê um acidente assim com tentativa de suicídio.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions