A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

05/03/2013 16:11

Motoristas saem ilesos e carro fica destruído em colisão com carreta

Gabriel Neris e Helton Verão
Uno ficou praticamente destruído (Fotos: Simão Nogueira)Uno ficou praticamente destruído (Fotos: Simão Nogueira)
Carreta teve pequenos danos em acidente na MS-060Carreta teve pequenos danos em acidente na MS-060

Um Fiat Uno e uma carreta colidiram por volta das 14h40, desta terça-feira (5) no quilômetro 380 da MS-060, entre Campo Grande e Sidrolândia. Ninguém teve ferimentos aparentes, mas, a motorista do carro de passeio foi levada para atendimento médico porque reclamava de dores.

Veja Mais
Contramão é a única rota em cruzamento esburacado
Sol atrapalha visão e condutor causa acidente na avenida Duque de Caxias

A carreta estava vazia e era conduzida por José Pelegrini, de 69 anos. Ele contou que saiu de Rondonópolis (MT) e seguia para Maracaju. O Uno era guiado por Rosângela dos Santos de Souza Braga, de 42 anos. A mulher estava sozinha no veículo e seguia no sentido Capital.

Pelegrini contou que a mulher invadiu a pista contrária. Quando percebeu que ela não voltaria à mão certa, o caminhoneiro jogou o veículo para a esquerda. O Uno bateu na lateral da carreta atingindo um dos tanques, saiu da pista e ficou destruído.

Rosângela reclamava de dores no peito e falta de ar e foi levada em uma viatura da PMA (Polícia Militar Ambiental). No meio do caminho para a Santa Casa, a vítima foi transferida para uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Ela não tinha ferimentos aparentes.

O motorista da carreta conta que trabalha há 50 anos nas estradas e nunca havia participado de um acidente. “Fiquei assustado, foi tudo muito rápido. Se não tivesse feito a manobra, a mulher tinha entrado embaixo da carreta”, relata.

O tanque atingido pelo Uno foi partido ao meio no acidente. Pelegrini disse que voltará para Campo Grande para o concerto. O Uno ficou com a frente praticamente destruída.

Vários assentados moram próximo ao local do acidente, cerca de 17 km de Campo Grande. Apesar do susto, ninguém se feriu. A pista não precisou ser interditada, já que o Uno ficou no acostamento, enquanto a carreta foi deslocada para a lateral da pista. Policiais da PMA ainda estão na rodovia pedindo para os motoristas reduzirem a velocidade.

Contramão é a única rota em cruzamento esburacado
Moradores da Rua Rio de Janeiro, no bairro Monte Castelo, reclamam que os buracos se multiplicam a cada chuva. Para piorar a situação, o cruzamento c...
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions