A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

15/01/2014 09:28

Na faixa de pedestre, homem é atropelado por táxi na Vila Ipiranga

Francisco Júnior e VIviane Oliveira
Táxi ficou danificado. (Foto: Marcos Ermínio)Táxi ficou danificado. (Foto: Marcos Ermínio)

Um ciclista foi atropelado por um táxi na manhã desta quarta-feira (15) na avenida Fábio Zahran , na Vila Ipiranga, em Campo Grande.

Veja Mais
Carro capota após colisão no cruzamento da Bahia com a Barão do Rio Branco
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves

A vítima, identificada apenas pelo nome de Ramão, sofreu ferimentos e teve que ser socorrida pelos Bombeiros até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Universitário.

Ramão foi atropelado ao atravessar a faixa de pedestre, que tem naquele trecho da avenida. O motorista do táxi, que não quis se identificar, disse que o acidente foi provocado pelo ciclista, pois o semáforo estava aberto para ele.

O para-brisa do carro ficou trincado com o impacto do corpo da vítima e o pneu dianteiro direito estourou no momento em que o motorista acionou os freios.

Uma equipe do BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito) esteve no local para apurar quem causou o acidente.

O estado de saúde da vítima não foi informado. O taxista não teve ferimentos.




As pessoas confundem faixa de pedestre no meio da avenida e faixa de pedestre em sinal, é claro que se o sinal está aberto e o pedestre está passando temos que esperar. Eu mesmo já tive que frear abruptamente porque duas mocinhas na Afonso Pena com a Pe. João Crippa com o sinal aberto para mim se jogaram na faixa, eu freei e buzinei e elas disseram, "estamos na faixa". Eu não suporto taxista porque eles, motoristas de ônibus, mototaxistas e os donos de camionetas acham que são os donos da rua, mas não sou leviano em crucificar o taxista por não estar presente na hora do acidente, não dá pra saber se ele não quis parar ou se o ciclista resolver passar com ele vindo e não deu tempo.
 
Mário Costa em 16/01/2014 13:43:50
EU NA MINHA OPINIAO ALGUNS DOS QUE FIZERAM COMENTARIOS DEVERIAM APRENDER A DIRIGIR PRIMEIRO. A JOANA D'ARD QUE NAO SABE NEM SOBRE DIREÇÃO POR EXEMPLO. NO CODIGO DIZ QUE A PREFERENCIA É DE QUEM ESTA PASSANDO NO SINAL VERDE. PORTANTO QUEM DEVE RESPEITAR A FAIXA NESTE CASO É O CICLISTA. NESTE CASO SE A JOANA FOR FAZER RECICLAGEM VAI FICAR SEM DIRIGIR POR UM BOM TEMPO COMO ELA MESMO DISSE. O CICLISTA NAO ESTAVA NA FAIXA SR RICARDO BORETTI. ELE INVADIU A FAIXA ESTANDO VERDE PRO TAXISTA.
 
RICARDO SILVA em 15/01/2014 14:27:39
Eu vi o acidente na hora do acontecimento, eu estava parado no semaforo do cruzamento, e o sinal do taxista estava aberto mesmo, o ciclista passou pela faixa de pedestres, mas no sinal verde. Não reparei, mas pelo impacto, o taxi estava um pouco acima da velocidade da via eu acho.
 
RAPHAEL CASSIANO em 15/01/2014 11:41:28
"O motorista do táxi, que não quis se identificar, disse que o acidente foi provocado pelo pedestre, já que o semáforo estava aberto para ele." FALA SÉRIO!!! O pedestre atravessando a faixa e o "profissional" que trabalha no trânsito dia e noite fala isso? Está na hora de se reciclar, heim?! Que tal ser proibido de dirigir até aprender??? Na faixa... na faixa!
 
Joana D'arc em 15/01/2014 11:26:01
ontem, vários internautas, denunciaram a ação irresponsável dos taxistas. Hoje mais uma vitima. ate quando POLICA MILIAR E AGETRAN?
 
LUCIANO MARQUES em 15/01/2014 10:57:34
Os taxistas de campo grande sao em sua maioria abusados fazem ultrapassagens , nos fecham no transito, não sabem esperar ficam sempre nos encurralando nos buzinando e nos intimidando com sua forma de dirigir achando que sao donos da rua , esta na hora de se conscientizarem que nao sao donos da via e deixarem de serem abusado eu lido com transito todo dia por 13 anos e nao tenho nenhum tipo de infração e ainda tenho que tolerar fechadas e intimidaçoes verbais de taxistas.
Grata,
Carolina Amaral.
 
Carolina Amaral em 15/01/2014 10:54:24
Acho que esse taxista desconhece o CTB (Código de Trânsito Brasileiro)!
A desobediência ao artigo 70 pode configurar uma das infrações de trânsito previstas no artigo 214, que amplia o direito de passagem do pedestre também ao condutor de veículo não motorizado, nas seguintes situações:
I – que se encontre na faixa própria;
II – que não haja concluído a travessia mesmo que ocorra sinal verde para o veículo;
III – portadores de deficiência física, crianças, idosos e gestantes;
IV – quando houver iniciado a travessia, mesmo que não haja sinalização;
V – que esteja atravessando a via transversal para onde se dirige o veículo.
Portanto, "Sr. Taxista", seja mais prudente e RESPEITE A SINALIZAÇÃO!
 
Ricardo Boretti em 15/01/2014 10:44:14
Concordo com o seu comentário Leandro, mas a realidade é que os ditos profissionais do trânsito são os que mais os desrespeitam. Todos os dias é comum nos depararmos com taxistas, moto taxistas, ônibus e moto entregadores ultrapassando a velocidade permitida nas vias, furando sinais, fazendo ultrapassagens proibidas e não respeitando as placas de sinalização. E por inúmeras vezes já perguntei a qual numero posso ligar para fazer denuncias.
 
Edson Gomes em 15/01/2014 10:37:15
Não sei quem realmente teve a razão neste caso, mas é verdade que os pedestres estão abusados. Já vi pedestre tentando atravessar em sinal verde (para os carros) e gritando com os motoristas, dizendo "cadê o respeito com o pedestre?".
 
Leandro Batista em 15/01/2014 10:15:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions