A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

22/08/2016 13:50

Obra de R$ 14,7 milhões promete dar mais segurança para pedestres

Priscilla Peres
Pedestres se arriscam para atravessar a pista atualmente. (Foto: Chico Ribeiro/Notícias MS)Pedestres se arriscam para atravessar a pista atualmente. (Foto: Chico Ribeiro/Notícias MS)
Obras já começaram e seguem até o ano que vem. (Foto: Chico Ribeiro/Notícias MS)Obras já começaram e seguem até o ano que vem. (Foto: Chico Ribeiro/Notícias MS)

O governo do Estado está investindo R$ 14,7 milhões para duplicar a avenida Euler de Azevedo, em Campo Grande. Principal via de acesso de bairros ao Centro, as obras devem beneficiar ao menos 70 mil pessoas, principalmente com mais segurança aos pedestres.

Veja Mais
Casal de moto fica ferido após ser atingido por carro na Euler de Azevedo
Duplicação da Euler de Azevedo é cercada de boas expectativas

Os acidentes na avenida que divide duas grandes regiões da cidade, são rotineiros. Os principais problemas são a pista simples, má conservação do asfalto, falta de sinalização para pedestres e tráfego pesado.

Os trechos que contarão com nova pista vão da Presidente Vargas até a saída para Rochedo e no prolongamento da avenida na zona rural até o anel viário também será duplicado. A obra vai impactar diretamente na população de bairros populosos como o Santo Amaro, Altos do São Francisco, Vila Nasser, Coophasul e José Abrão, cujos habitantes usam a via diariamente para chegar à região central.

Para os moradores, a duplicação é sinônimo de mais segurança, isso porque muitos se arriscam em meio ao trânsito pesado da avenida. “Com mais sinalização para coordenar o trânsito e novos locais de acesso, tudo vai ficar melhor”, disse Ovarindo dos Santos Dias, 64, comerciante da região.

Morador da região há 15 anos, Wagner da Silva, de 29 anos, lamenta já ter presenciado muito acidente devido à falta de infraestrutura na avenida. “Aqui tem muito acidente, é perigoso, principalmente para quem tem criança pequena. Agora com essa obra nossa vida vai melhorar”.

Estudantes da UEMS (Universidade Estadual de MS) também serão beneficiados. “Aumentar a segurança na Euler de Azevedo vinha sendo demanda constante de nossa comunidade acadêmica”, detalhou o reitor Fábio Edir dos Santos.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions