A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

22/01/2014 17:25

Pela 3ª vez, radar portátil vira arma da Agetran para reduzir mortes

Edivaldo Bitencourt e Aline dos Santos
Agentes de trânsito, durante blitz na manhã de hoje, vão contar com mais um equipamento na luta contra os abusos no trânsito (Foto: Marcos Ermínio)Agentes de trânsito, durante blitz na manhã de hoje, vão contar com mais um equipamento na luta contra os abusos no trânsito (Foto: Marcos Ermínio)

No ano passado, 116 pessoas morreram em acidentes de trânsito em Campo Grande. Como o excesso de velocidade foi a principal causa dos óbitos, a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) vai utilizar um radar portátil para frear a violência nas ruas da cidade.

Veja Mais
Radar móvel começa a multar motoristas em fevereiro
Teste com radar móvel começa esta semana na Capital

Esta não é a primeira vez que o órgão de trânsito recorre a um radar portátil, que pode ser colocado de surpresa nos locais e fiscalizar a velocidade das vias. A primeira experiência ocorreu em 17 de novembro de 2008. No entanto, o equipamento acabou sendo aposentado após exibições feitas para a imprensa.

Dois anos depois, em dezembro de 2010, a Agetran anunciou, de novo, a implementação do radar móvel para inibir o excesso de velocidade nas ruas e avenidas de Campo Grande. Foram feitos testes e até pesquisa, que constatou o abuso dos motoristas da Capital.

No entanto, mesmo tendo adquirido dois radares móveis, a experiência não saiu do papel. Os radares começariam a multar em fevereiro de 2012, mas o projeto não vingou.

Agora, pela terceira vez, o órgão anunciou a compra, por R$ 125 mil, de mais um radar portátil para fiscalizar a velocidade no trânsito de Campo Grande.

 

Ivanise explica que a velocidade será o foco das campanhas de trânsito neste ano (Foto: Marcos Ermínio)Ivanise explica que a velocidade será o foco das campanhas de trânsito neste ano (Foto: Marcos Ermínio)

Segundo a coordenadora do programa Vida no Trânsito da Agetran, Ivanise Rota, o radar será utilizado em ações educativas a partir do mês de fevereiro. As ações vão ocorrer, inclusive, no período de madrugada, quando o abuso na velocidade é maior.

Ivanise adianta que o radar vai fiscalizar os veículos nas avenidas Duque de Caxias (onde a velocidade máxima permitida é 50 km/h), Lúdio Martins Coelho (Marginal Lagoa), João Arinos (saída para Três Lagoas) e Gury Marques (saída para São Paulo).

O radar mostra a imagem, a velocidade e o local. O dispositivo passou pela segunda aferição do Inmetro (Agência Estadual de Metrologia) neste mês.

O equipamento será apresentado nesta quinta-feira, a partir das 9h, pelo diretor-presidente da Agetran, Jean Saliba, e o teste ocorrerá a partir das 10h30 na Avenida Gury Marques, entre o Terminal Rodoviário e a Agetran.

Radar móvel passa a multar hoje em Campo Grande
Começa a valer a partir de hoje (17), as infrações de trânsito por excesso de velocidade, captadas pelo radar móvel. As vans adaptadas com equipament...
Em fase de teste, radar móvel já está em ruas da Capital
O radar móvel já está nas ruas de Campo Grande. Em fase de testes, a Van adaptada com equipamentos que medem a velocidade dos veículos e tiram foto d...



Nao tem que panfletar não, tem que multar com multas bem pesadas, panfletar para que se todos sabem as regras do transito, eu não concordo é com essas multas irrisórias, tem que ser alta, outra a multa tem que ser conforme o valor do carro, ex. um fusca passa no sinal
fechado, paga 200,00 reais de multa pesa no bolso do dono, agora um camaro amarelo passa no sinal fechado paga 200,00 não pesa no bolso do dono,multa tem que ser cara.
por que a policia nao faz blitz de madrugada nas saídas de boates,ai vai pegar so filho de papai, ai a policia se complica.
 
Pedro Joaquim da Silva em 27/01/2014 22:22:26
O " iluminado " que teve essa idéia, deveria dirigir a 50 km/h., por exemplo, na Duque de Caxias, avenida com duas pistas em cada sentido, e mais uma em cada sentido desperdiçada na quase totalidade do tempo visto que ali trafegam poucas linhas de ônibus. Enquanto isso centenas de motoqueiros infernizam o trânsito com seu ziguezague entre os carros. Coisas que só são vistas por quem usa a avenida, o que não é o caso das " otoridades".....
 
adelar francisco taffarel em 23/01/2014 15:18:58
Bom dia , cada pessoa tem o seu perfil , cada condutor tem o seu , cada um gasta seu dinheiro da maneira em que acha melhor , então não vamos julgar ninguém , vamos fazer o nosso papel , cada um no seu Respeitando as Leis de Trânsito , com Responsabilidade , Conduta , lembrando sempre que existem pessoas que gostam de vc , que dependem de vc , que os outros vão ser penalizados pelos seus erros , devemos criar e estabelecer o nosso Perfil individual , no Trânsito , fazendo a diferença .
 
Roger Lopes em 23/01/2014 10:54:59
Parabéns , a Agetran esta correta na sua idéia , pq só com fiscalização vigorosa que o povo que utiliza as vias da nossa cidade , vai se comportar de forma mais consciente , planejando o seu trajeto , horário , acabando com essa imprudência no trânsito , acredito que todos devem pensar que ao Ligar o seu veículo e sair de casa ou do trabalho e não tiverem compromisso com si mesmo , com a sua Família e com os demais usuários das vias , será multado por excesso de velocidade , ou seja vai sair gastando dinheiro ,t pagando pelos seus atos , pq è vc o imprudente , e a Alta Velocidade , Mata ou deixa Sequelas Irreversíveis , agora os Condutores de Veículos devem avaliar o seu perfil e se ligar de seus erros , ao invés de críticar , pq quem esta criticando deve ser um daqueles que fica correndo
 
Roger Lopes em 23/01/2014 10:48:01
ISSO SÓ É UMA MAQUINA DE SE FAZER DINHEIRO MAIS UMA NAS AVENIDAS DE CAMPO GRANDE, E SÓ EM CG. MESMO
 
joel alderete em 23/01/2014 10:24:10
É nas madrugadas que acontecem os piores acidentes, pena que só fazem blitz neste horário a cada 6 meses!!! Sexta-feira passada umas 3h da madruga presenciei uma BMW voando perto dos 140 kmh, próximo a UFMS, e o "cidadão" nem se importou com o radar que tem lá!!!! Um absurdo!!!!
 
Renata Antunes em 23/01/2014 10:22:09
CAMPO GRANDE PRECISA VOLTAR A TER FOTOSSENSORES NOS SEMAFAROS,PODE TER CERTEZA QU EVITARA MUITOS ACIDENTES...
 
vanderlei turisco em 23/01/2014 10:20:30
Todo começo de ano é a mesma coisa .......blitz com o intuito único de pressionar o pagamento do IPVA pelos contribuintes.....porque então isso não ocorre o ano inteiro ........este ano então ...ano eleitoral...já viu ne....
 
altamir batista de amorim em 23/01/2014 10:16:24
gente, é o seguinte, esse pessoal nunca, jamais, se preocupou em preservar a vida de alguém. O que querem, na verdade, é arrecadar mais. Para evitar altas velocidades, basta se colocar obstáculos ao longo da avenida(tartarugas, lombadas no piso), pois os carros teriam que reduzir a velocidade em pontos estratégicos.
 
Teresa Cristina em 23/01/2014 10:03:19
Gostaria muito que a Agetran utilizasse esse radar na Rua Marquês de Lavradio. Segundo estudos, no horário de pico, transitam por essa rua mais de mil veículos por hora. Venha punir também as motos com escapamento aberto e os veículos estacionados irregularmente sobre as calçadas. Agradecemos.
 
Edson Paulucci em 23/01/2014 09:21:03
Tem que fiscalizar nos horários das 6:00 ás 08:00 da manha e das 17:00 as 19:00 hs onde acontece os maiores abusos, quem utiliza e mora nas mediações que convive todos os dias, av Lúdio Martins Coelho.
 
luiz carlos em 23/01/2014 08:47:25
O estado do arruamento e calçadas dificulta até a circulação a pé ! Temos algumas vias largas e melhor conservadas (longe do ideal). Para melhorar tudo de uma vez ficaria caríssimo..As calçadas deveriam ser feitas no mesmo momento da pavimentação da pista, com nivelamento e textura adequados à mobilidade das pessoas em geral ....Radar pode oferecer uma segurança relativa, mas para quem tem dinheiro sobrando e responsabilidade de menos de nada adianta. Segurança verdadeira para o limite de velocidade é a colocação de obstáculos , lombadas em nivel para a travessia de pedestres, ou ate mesmo a determinação aos fabricantes de veiculos a limitação da velocidades dos automóveis. Não adianta só detetar alta velocidade é preciso fazer parar o veiculo e dar flagrante por crime de perigo.
 
Mario Augusto da Cruz em 23/01/2014 08:25:45
isso é ótimo....só assim para frear e tirar de circulação esses motoristas imprudentes e irregulares de campo grande. parabéns à agetran!!!!
 
Andre Diogo em 23/01/2014 07:35:28
É isso ai, Parabéns a Agetran. Tem que comprar mais uns 10 desses.
Se esses motoristas irresponsáveis não aprendem na boa, vão aprender quando doer no bolso.
 
Marcos Dambrosio em 23/01/2014 07:32:32
não se esqueçam que não é só excesso de velocidade e embriaguez que é causador de acidentes, buracos crateras pistas com deformidades lombadas gigante má sinalização também causa acidente esse dinheiro milionário que o detran arrecada vai prá onde, primeiro governo faça uma coisa de primeira e depois cobre e não só cobre
 
claudio rodrigues em 23/01/2014 07:08:42
Não sou contra, desde que seja muito bem sinalizado o local que este estará operando, afinal Agetran no M.S esta Multando condutores ao invés de alerta-los, presenciei semana passada na 14 de julho com Afonso Pena, Policial da Agentran nem Apitou muito menos sinalizou para que o condutor diminuísse sua velocidade pra pedestre concluir sua travessia, Pois Agetran na hora retirou talão do bolso e multou.
Será que essa multa seria necessário, ou Agetran sinalizasse para que pedestres passassem???
Porque os radares fixos em Campo Grande ficam escondidos atras de arvores?
Haaa mas temos sinalizacao antes de chegar nele, Simmm temos, mas e quem mora fora e qdo vem retornam a sua cidade e 30 dias apos, chega aquele monte e multas!!
 
Altair Junior em 22/01/2014 21:50:24
PARABENS. ALGO DE BOM AGETRAN. FAÇAM MAIS E MAIS BLITZ E TB DURANTE A NOITE. FAÇAM UMA COM RADAR, ENTRE A MATO GROSSO E AF PENA NAQUELA AVENIDA VIA PARQ, VAO VER A VELOCIDADE DOS CARROS SENTIDO MT GROSSO - AF PENA.
 
LUCIANO MARQUES em 22/01/2014 21:25:48
TOMARA QUE NÃO SEJA SIMPLESMENTE PARA ARRECADAR DINHEIRO, PORQUE A DUQUE DE CAXIAS É DUPLICADA E NÃO TEM NEM CRUZAMENTO E É SINALIZADO PARA 50Kh. ESTÁ VELOCIDADE EU ANDO DE BICICLETA. EU DIGO ISTO NÃO E POR FALTA DE CONHECIMENTO DA LEGISLAÇÃO, CONHEÇO GRANDE PARTE DAS INOBSERVÂNCIA DOS PRECEITOS DO CÓDIGO, COM TREINAMENTO EM DIREÇÃO DEFENSIVA, AGRESSIVA E EVASIVA.
 
jorge ferreira em 22/01/2014 21:02:35
isso na verdade não é para melhorar transito coisa nenhuma,se fosse por essa boa causa tudo bem,mais na verdade e para arrecadar dinheiro para órgão,pois isso não é campanha,campanha que eu saiba e panfletar os agentes conversar com condutores e não sair multando ,fazer video,ensinar o condutor a se comportar no transito da capital,mediante a palestra na praça gratuita para todos verem como é na pratica,mais não compra radar móvel para roubar mais um pouco da população que não aguenta mais ser multado aqui,ali e assim vai,acorda brasil !!!
se quiser e me pagar vou ensinar vcs,como se deve fazer !!!
 
fabio cesar em 22/01/2014 20:12:27
ATENÇÃO Srs.Motoristas temos que ficar expertos porque vem ai mais uma maquina caça níquel em nossa Cidade tanta coisa para investir como por exemplo tapa buracos e outras coisas a e tem mais paguem seus IPVA em dia...
 
Cleber Lima em 22/01/2014 20:05:09
Enquanto as fabricas implementam qualidade e potencia nos veículos, e ainda divulga isso, é claro né, só no resta se cuidar no transito, é triste mas é verdade.
 
Paulo Ferreira em 22/01/2014 19:11:12
É válido a tentativa de inibir o excesso de velocidade só que também mais uma forma dessa agetran que na minha opinião mais atrapalha do que ajuda garantir uns trocados a mais nos seus cofres!
 
Fernando Palacio em 22/01/2014 18:51:51
não acredito que maior problema de Campo Grande seja a velocidade, as pessoas não se conscientizaram que a cidade cresceu, precisamos cruzar uma maior distancia de ponto a ponto, sou motociclista e motorista e vejo tamanhas barbaridades feitas a 30 por hora, atrapalhando o transito, numa mesma manhã na avenida bandeirantes 2 batidas e por má sinalização e falta de atenção de motorista, fora a pessima qualidade das vias!!
 
Caio Prado em 22/01/2014 18:04:00
Concordo que é preciso mais fiscalização no transito de Campo Grande, inclusive da velocidade (embora acho que se deve prestar mais atenção aos furos de sinal...).
No entanto, focar em manter a velocidade de 50 km/h na Duque de Caxias é um absurdo. O proprio CBT defina que em avenidas arteriais a velocidade maxima deveria ser de 60 km/h. Tem muitas vias, principalmente no centro, onde 50 km/h é uma velocidade irresponsável, mas 50 km na Duque de Caxias é abaixo do limite legal e muito baixo para uma avenida arterial em condições boas, com ciclovia (ou seja: sem ciclistas na pista).
Vai fiscalizar os 50 km/h na Mato Grosso perto ao colegio, na Afonso Pena entre Calogeras e Pe João Crippa, na Ceará ou na Zahran. Em outros lugares, vai adequar a sinalização e a politica de multas ao CBT!
 
Marcos da Silva em 22/01/2014 17:55:14
SÓ EM CAMPO GRANDE MESMO!!! SE ALGUEM DIRIGIR VEICULO AUTOMOTOR NA VELOCIDADE DE 50KM NA AV DUQUE DE CAXIAS PODE PREPARAR O CAIXAO POIS SERÁ ATROPELADO POR OUTROS VEICULOS QUE VIEREM ATRÁS........OU IRÁ ESCUTAR BUZINA ATE CHEGAR EM CASA, NEM OS VEICULOS DA POLICIA DE TRANSITO E DA AGETRAM TRANSITA NESTA VELOCIDADE.
 
eduardo silva em 22/01/2014 17:45:58
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions