A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

13/06/2012 16:58

Perícia identifica vítima que morreu carbonizada em acidente na BR-163

Luciana Brazil
Veículo fica destruído após a batida e incêndio. Peritos só conseguem identificar a vítima pelo chassi. (Foto:Cido Costa- Dourados Agora)Veículo fica destruído após a batida e incêndio. Peritos só conseguem identificar a vítima pelo chassi. (Foto:Cido Costa- Dourados Agora)

Os peritos da Polícia Civil conseguiram identificar o condutor que morreu carbonizado na noite de ontem, na BR-163, depois de colidir o carro com uma carreta. Zenioclécio Nilfont Sobreira, 63 anos, era morador de Campo Grande. A identificação do corpo só foi possível depois que o chassi do veículo foi periciado.

Veja Mais
Homem morre carbonizado em acidente na BR-163 em Nova Alvorada do Sul
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber

O carro, um Fiat Siena, teve a placa (HSE 6078) destruída com a força da batida e com o incêndio, o que dificultou o trabalho de identificação do veículo e da vítima.

O acidente aconteceu por volta das 20h30, no quilômetro 358, da rodovia BR-163, no município de Nova Alvorada do Sul, a 120 km de Campo Grande.

De acordo com o site de notícias Dourados Agora, o carro conduzido pela vítima invadiu a pista contrária e bateu de frente com a carreta Scania, com placa de Maracaju, conduzido por Nelson da Rosa Jornada, 57 anos.

Com o violento impacto, o carro e a carreta pegaram fogo e o veículo foi parar embaixo da Scania que transportava 26 toneladas de farelo de soja. O carregamento saiu de Campo Grande, no fim da tarde de ontem, com destino a Caarapó.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions