A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

16/11/2011 19:39

PRF e Dnit instalam placas educativas nas rodovias federais de MS

Edmir Conceição
Operários do Dnit instalam placa em margem de rodovia. (Foto: Divulgação/PRF)Operários do Dnit instalam placa em margem de rodovia. (Foto: Divulgação/PRF)

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) e o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte) instalaram 13 placas informativas com o objetivo de sensibilizar os condutores para ações que possam humanizar o trânsito e reduzir os índices de acidentes nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul.

Veja Mais
Carro capota após colisão no cruzamento da Bahia com a Barão do Rio Branco
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves

A iniciativa pela criação das placas foi da Comissão de Educação para o Trânsito da PRF em Mato Grosso do Sul, que contou com apoio de técnicos do Dnit para elaboração das frases e indicação dos trechos apropriados. A ideia é instalar em locais onde há mais casos de infrações e acidentes.

“O projeto foi elaborado com o intuito de promover a reflexão de condutores que circulam pelas rodovias federais de Mato Grosso do Sul quanto a sua conduta ao longo da viagem, convidando-o a pensar sobre a forma como está conduzindo e tomar as decisões corretas, tendo em vista as condições adversas que poderão estar enfrentando na viagem, como desatenção e cansaço físico”, informa a PRF.

De acordo com a PRF, outro objetivo do projeto é a de informar aos usuários das rodovias que eles se encontram em trecho federal e os órgãos que têm jurisdição sobre a malha rodoviária são a PRF e o Dnit. As placas educativas foram distribuídas ao longo das BRs 163 e 262, segundo o inspetor Ciro Vieira Ferreira, superintendente regional da PRF em MS.

“Todas as iniciativas que buscam a melhoria do comportamento dos condutores são positivas”, diz o superintendente. Segundo ele, esse ainda é um projeto piloto, que será usado para observar também o comportamento dos usuários das rodovias diante das mensagens. A partir da reação a PRF pode readequar o projeto, ampliar número de placas e até elaborar novos textos. “A conscientização do condutor e a sua mudança de comportamento, visando a segurança do trânsito é o grande objetivo”, diz o superintendente.




Com certeza, as placas por si só de nada adiantarão. Mas toda e qualquer boa iniciativa em prol de ações educativas no trânsito é sempre bem vinda. Na verdade, se cada um de nós fizesse corretamente a parte que nos cabe, as placas nem seriam necessárias. Que junto com a educação venha também um maior fiscalização e autuação dos condutores infratores. VIDAS PRECISAM SER PRESERVADAS.
 
Fernando Silva em 17/11/2011 12:47:14
O Estado de Mato Gosso foi dividido em 1977, em Mato Grosso e Mato Grosso DO SUL,nos Sulmatogrossenses ficamos com a parte mais bonita, que é Mato Grosso DO SUL,DO SUL,DO SUL.temos ruralistas suficientes para produzir de tudo com fartura para o nosso estado.
 
Leidinalva Soares em 17/11/2011 12:07:48
luiz alves pereira não posso afirmar com certeza que no Mato Grosso a bancada é cheia de ruralistas, mas se você quis dizer no MS em seu comentário, favor fazer umas aulas de GEOGRAFIA ok? Obrigado.
 
Moacyr Neto em 17/11/2011 09:51:44
Pouca vergonha, cobrar multa direto ninguém esquece mais fazer a obrigação não faz. Os dirigentes do Trânsito do Municipio, Estado União deveriam dar uma viajada no Estado de SãoPaulo de carro para aprender alguma coisa de como operacionalizar, sinalizar e informar o contribuinte no trânsito de modo geral. Nunca vi tanta gente ruralista ocupando cargo público sem conhecimento como em Mato Grosso.
 
luiz alves pereira em 17/11/2011 08:39:27
Com essas medidas, vão acabar com a carnificina nas estradas?, o que realmente falta é fiscalização,radar, policia,multas pesadas, só assim teremos mais respeito as lei de transito.
 
marcos melare em 17/11/2011 07:56:36
parabéns, como educadora devo dizer que somente por meio de ações educativas é que teremos, a longo prazo, um trânsito mais harmonioso. Tomara que nós, condutores nos tornamos mais humanos.
 
ingrid vianna em 16/11/2011 09:57:49
De tão pouco que o povo espera dos órgãos e departamentos públicos, que quando colocam míseras 13 placas em duas rodovias federais que cortam o estado, acaba virando notícia.
Porque não sinalizam todas as rodovias com aqueles refletores colocados no asfalto para melhorar a visibilidade sob chuva e durante o período noturno??
 
Wellington Sampaio em 16/11/2011 07:46:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions