A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

09/09/2013 12:43

Rapaz que atropelou dois no Centro foi selecionado pelo "Mais Médicos"

Evelyn Souza
Carro de luxo do médico, ficou com a frente destruída. (Foto:Simão Nogueira)Carro de luxo do médico, ficou com a frente destruída. (Foto:Simão Nogueira)
Tanque da moto foi arrancado com o impacto da batida. (Foto: Simão Nogueira)Tanque da moto foi arrancado com o impacto da batida. (Foto: Simão Nogueira)

O médico William Ivan Miyasato, 28 anos, responsável pelo acidente que deixou duas pessoas feridas na Capital, é um dos profissionais selecionados pelo programa Mais Médicos, do Ministério da Saúde.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

O nome de William foi divulgado pelo Ministério da Saúde, na primeira etapa do programa. No entanto, não consta entre os cinco selecionados que já estão certos para atuarem na Capital, divulgados pelo prefeito Alcides Bernal (PP), no último dia 2.

Ao todo o município de Campo Grande solicitou ao governo federal 15 médicos. Inicialmente 11 se inscreveram para trabalhar na Capital. Destes, sete entregaram documentação exigida pelo programa e, por fim, dois desistiram, restando cinco.

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) não confirmou se William está entre os médicos que desistiram do programa ou se ele irá atuar no interior do Estado. A reportagem também não teve a informação se ele se apresentou no programa. O prazo é até o dia 12 desse mês.

O médico William Ivan é acusado de “atropelar” duas pessoas que estavam em uma Honda Strada, paradas no semáforo vermelho, por volta das 4h30 desse domingo (8), na avenida Afonso Pena, esquina com a Calógeras.

As vítimas, AnauriIvarras de Souza, de 31 anos e Carlos Henrique Aparecido Nunes, estavam voltando do Barbaquá, onde trabalham como garçons.

Os dois foram socorridos e encaminhados para a Santa Casa de Campo Grande. Amauri teve ferimentos leves e recebeu alta por volta das 17h de ontem. Já Carlos está internado no setor de enfermaria da Santa Casa.

O médico, que dirigia um veículo Elantra, realizou o teste do bafômetro, que comprovou que ele estava embriagado. Ele chegou a ser preso e encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), do Centro, mas foi liberado após pagar fiança de R$ 8.136,00.




E qual o problema?
Como se médicos não fosse "ser humano" não se envolvessem em acidentes de carro, ele não é Deus poderia acontecer com qualquer um de vocês........
 
andrea souza em 11/09/2013 10:59:38
No juramento do medico ele diz que ajudara a salvar vidas, quando dirige embriagado, assume o risco de matar, ele tem que ser punido igual a todos os cidadaos na mesma situaçao.
 
daniela dias em 10/09/2013 02:53:46
CHEGA EMBRULHAR O ESTÔMAGO...MEU DEUS...LEI SO EXISTE PARA OS MAIS FRACOS MESMO...INACREDITÁVEL!! UM SUJEITO QUE FAZ UM JHURAMENTO PARA SALVAR VIDAS E FAZ UMA BARBARIDADE DESSAS...PIOR AINDA, NAO FOI PUNIDO MESMO ESTANDO INFRINGINDO LEIS! QUE PAIS É ESSE????
 
Ana Maria em 09/09/2013 17:42:44
GUSTAVO SILVA DEVE SER MAIS UM PLAYBOY AMIGUINHO DO MÉDICO E TAMBÉM NÃO ASSISTE NEM LE JORNAIS, O PROPRIO ADVOGADO DELE ADMITIU QUE E ELE BEBEU!! O DELEGADO AFIRMOU E FIZERAM O TESTE DO ETILOMETRO!! ACIDENTES ACOTECEM SIM, ALÉM DO FATO DE SER MÉDICO SR. GUSTAVO, É PELO FATO DE ELE ESTAR BEBADO E QUASE TER ACABADO COM A VIDA DE DOIS INOCENTES E DE DUAS FAMILIAS!!
 
CARLOS DAMASCENO em 09/09/2013 17:07:25
Existe muito cooperativismo na medicina, tudo para manter altos salários e baixa concorrência, o Governo investe altíssimo nos filhos da classe burguesa devido à desigualdade na formação educacional, onde o pobre acaba excluído em concorrência desleal, através de Universidades Públicas para não ter um retorno digno através do serviço público obrigatório. Isso tem que acabar! Médicos Estrangeiros já ou revalida para todos os médicos, inclusive os mais antigos que não se reciclaram, além disso, ainda existem "profissionais" atropeladores...
 
Carlos Magno em 09/09/2013 16:52:57
Como se médicos "comuns" nw se envolvessem em acidentes de carro, povinho hipócrita enh !! Deixa o cara, bater o carro acontece !! E onde está escrito que ele estava bebado ??
 
Gustavo Silva em 09/09/2013 16:09:17
O ADVOGADOZINHO DESSE "MÉDICO" AINDA TEM A CARA DE PAU DE TENTAR JUSTIFICAR O INJUSTIFICAVEL!! DISSE: O MEU CLIENTE TRABALHOU A SEMANA INTEIRA E NO DIA QUANDO SAIU DO SERVIÇO, AS 13H00 FOI COMEMORAR COM OS COLEGAS, E AINDA DISSE MAIS: UM ACIDENTE ASSIM QUALQUER UM ESTA PROPENSO A SOFRER, SÓ FALTOU DIZER QUE FOI UMA FATALIDADE, OUTRA COISA QUER DIZER ENTÃO QUE ELE ESTAVA ENCHENDO A CARA DESDE AS 13H00 ATÉ AS 04H30 DA MANHÃ!! UM ABSURDO, MAIS ABSURDO AINDA É TER FEITO O TESTE, CONSTATADO QUE ESTAVA BEBADO E TÁ SOLTO, NEM FALARAM NADA SOBRE DOCUMENTO DO CARRO, OU CNH, CERTEZA QUE ESTE FINAL DE SEMANA JÁ ESTARA CURTINDO POR AI EM OUTRA BALADA!!
 
CARLOS DAMASCENO em 09/09/2013 15:59:22
Já está mais que na hora de fazer mudanças na lei,fatos como esse deveriam ser crimes dolosos,pois sabendo que iria conduzir veículo ele bebeu,assumiu risco. políticos omissos a sociedade que paga.
 
nilson franco de oliveira em 09/09/2013 14:25:07
E qual o problema? O cara vai atender em Postos de Saúde e nao dirigir ambulancias
 
marco antonio em 09/09/2013 13:58:38
Aos que dizem que o médico e a família está prestando suporte aos atropelados, é mentira pois os dois ficaram em macas no corredor do hospital e quando atendidos graças a deus que não aconteceu o pior, o que poderia ter acontecido pela intensidade do acidente, foram enviados para casa e até o momento nem um telefonema receberam da família, onde provavelmente este "médico" já esteja bem longe da capital.
 
Antônio Figueiró em 09/09/2013 13:58:36
Que maravilha né !!!!!! imagine que belo trabalho esse cidadao prestará a populaçao...pois se nem responsabilidade para dirigir um carro ele tem ...imagine com um paciente !!!!!! vergonhoso isso !!!!!!
 
ROGERIO CARVALHO em 09/09/2013 13:55:01
Começou bem esse médico, de cara cheia, atropelando as pessoas, mas como sempre, foi só pagar e já foi prás ruas fazer mais lambanças!
 
Renata Probst em 09/09/2013 12:58:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions