A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

03/01/2016 16:17

Vítima de atropelamento morre, e filha suspeita de embriaguez ao volante

Thiago de Souza
Gol atropelou homem de 54 anos que caminhava na Euler de Azevedo. (Foto: Marcos Ermínio)Gol atropelou homem de 54 anos que caminhava na Euler de Azevedo. (Foto: Marcos Ermínio)

Ondino Martins Pereira, 57, atropelado por um Gol azul, às 10h30, deste domingo (3), na Avenida Euler de Azevedo, morreu, às 10h50, pouco antes de dar entrada na Santa Casa de Campo Grande, em virtude dos graves ferimentos. A informação é da filha dele, Mariana Sanches, 29, que acusa a suposta condutora do veículo de estar embriagada. 

Veja Mais
Homem fica gravemente ferido em atropelamento na Euler de Azevedo
Motociclista que seguia no acostamento escapa por pouco de acidente

Pelas primeiras informações obtidas, Ondino havia chegado com vida ao hospital e estava em estado grave. A filha, no entanto, garante que houve 14 tentativas de reanimação no trajeto entre o local do acidente e a Santa Casa, mas o homem não resistiu aos ferimentos.

A mulher esclareceu que o pai foi atingido pelo carro enquanto fazia caminhada pelo acostamento da via, e não atravessou a pista de forma inesperada. Segundo o irmão da vítima, Isaurino Martins Pereira, 64 , contou a ela, havia duas jovens dentro do carro.

Mariana também disse que uma terceira pessoa teria aparecido no local do acidente e dito que estava dirigindo o veículo. Sobre as jovens, ela disse ainda que as duas tentaram fugir do local, mas foram contidas por populares.

“Uma fez o bafômetro e constatou embriaguez, a outra não quis”, relatou. Até às 15h30 deste domingo, Sanches estava na delegacia para registrar a ocorrência.

O acidente

Pela versão inicial, colhida no local do acidente, o suposto motorista, não foi identificado, disse que seguia com a família na Avenida Euler de Azevedo, sentido Detran-MS, em direção a uma fazenda na rodovia MS-080, quando o homem atravessou a rua de forma inesperada. Ele conta que tentou frear o carro, mas não conseguiu evitar o acidente.

A marca da frenagem no asfalto mediu 44 metros, de acordo com a BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito), demonstrando que o veículo estava em alta velocidade.

Motociclista que seguia no acostamento escapa por pouco de acidente
O flagrante na BR-163 foi enviado por uma leitora através do canal Direto das Ruas. A TV News esteve no local e constatou diversas irregularidades....
Adolescente que colidiu em caminhão estava com moto irregular
Rapaz de 16 anos ficou ferido ao furar um sinal vermelho e bater em um caminhão na manhã desta terça-feira....



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions