A notícia da terra a um clique de você.
News Veículos
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

20/07/2016 22:26

Pneus são itens de segurança e precisam de atenção redobrada

Eles são fundamentais para garantir a proteção dos passageiros, mas acabam sendo esquecidos por muitas pessoas

Redação

Ao falar de itens de segurança no carro muitos conseguem lembrar somente do cinto de segurança e do extintor de incêndio. Entretanto, outros elementos garantem ainda mais proteção e podem até mesmo evitar acidentes mais graves. É o caso dos pneus, que acabam negligenciados por muitos motoristas, mas tem papel fundamental para uma condução mais segura.

Veja Mais
Teste: L200 Triton Sport 2.4 Turbodiesel 2017
Telemetria – das pistas para o seu carro

A produção dos pneus avança mais a cada ano. Os materiais são estudados, trazendo novas tecnologias na fabricação dos componentes e dando uma vida útil ainda mais longa para esses produtos. Os testes incluem também questões fundamentais como desempenho, economia, sustentabilidade e a proteção de quem está sendo transportado.

“Os detalhes incluem, por exemplo, o desenho da banda de rodagem e a diametragem de cada produto. Isso influencia diretamente na estabilidade, na capacidade de enfrentar diferentes terrenos e as pistas molhadas”, explica Carlos Molina, diretor de um e-commerce especializada em venda de pneus. A qualidade e o estado de conservação do pneu também acabam influenciando em outros aspectos. Entre eles, a dirigibilidade fica comprometida no dia a dia, afetando o controle sobre o carro e sentindo a diferença principalmente nas curvas.

Outro fator é a frenagem, em especial com a obrigatoriedade de fabricar carros com freio ABS no Brasil. Aprovada em 2014, a medida do Cotran (Conselho Nacional de Trânsito) procurou aumentar a segurança dos ocupantes no caso de risco de acidentes. Tudo isso com a intenção de diminuir o número de vítimas fatais no trânsito. Essa exigência, entretanto, depende diretamente do estado dos pneus. Quando já estão carecas, a aderência ao asfalto fica comprometida e a distância percorrida até parar é maior. Isso pode ser decisivo no caso de uma colisão.

A troca deve ser feita regularmente e o prazo de validade do conjunto deve ser respeitado para assegurar a proteção de todos os passageiros. Há um indicador, o chamado TWI, Tread Wear Indicator, que garante que a banda de rodagem não fique inferior ao padrão internacional de 1,6 mm de altura. Quando o desgaste atingir a marcação, está na hora de trocar os pneus.

Sempre opte também pelo balanceio e escolha o produto que é indicado para o seu modelo de carro, sem esquecer que esse investimento retorna tanto na experiência ao dirigir quanto na diminuição dos casos de acidente.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.