A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018

12/10/2018 11:50

Bombeiros já usaram 5 mil litros de água para resfriar escombros em Indubrasil

O incêndio começou de forma isolada nos pallets de madeira que ficam na lateral do terreno, mas acabou atingido as caixas de fibra

Viviane Oliveira
Bombeiros voltaram no local nesta manhã para fazer rescaldo e evitar que o fogo volte (Foto: Henrique Kawaminami) Bombeiros voltaram no local nesta manhã para fazer rescaldo e evitar que o fogo volte (Foto: Henrique Kawaminami)
Material que pegou fogo durante incêndio na tarde de ontem (Foto: Henrique Kawaminami) Material que pegou fogo durante incêndio na tarde de ontem (Foto: Henrique Kawaminami)

Equipe do Corpo de Bombeiros voltou nesta sexta-feira (12) para fazer rescaldo na empresa Fibracampos Produtos de Fibra que pegou fogo na tarde de ontem (11). A indústria fica Avenida Jamil Nahas, no loteamento Polo Empresarial Oeste, no Núcleo Industrial Indubrasil em Campo Grande. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, já foram utilizados 5 mil litros de água para resfriar os escombros e evitar que o fogo volte. Ainda não se sabe o que causou o incêndio.

Segundo o gestor da indústria, Adenir Preguedo, por enquanto não se sabe o tamanho do prejuízo. "O foco agora é acabar com o fogo. Depois vamos colocar na ponta do lápis e contabilizar o valor de tudo que foi perdido", lamenta.

Conforme o Corpo de Bombeiros, o fogo começou de forma isolada nos pallets de madeira que ficam na lateral do terreno, mas acabou atingido as caixas de fibra. Em razão do material plástico, a fumaça era tóxica, densa e negra. O incêndio atingiu também ao menos três pés de eucalipto, sem destruí-los por completo. Foram necessários cerca de 30 mil litros de água para combater as chamas.  



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions